Archive for novembro \30\UTC 2010

Sugestão Musical

A sugestão musical de hoje do Batom e Futebol é:

One Day – Melody Gardot

Uma bela interpretação!!!

Esperamos que gostem.

Anúncios

FIFA Women’s World Cup Germany 2011

As 16h35 (horário de Brasília) desta segunda-feira 29/11/2010, foi realizado em Frankfurt – Alemanha, o sorteio dos grupos da FIFA Women’s World Cup Germany 2011. Os jogos acontecerão no período de 26 de junho a 17 de julho de 2011 na Alemanha. Vejam os grupos:

 

Grupo A
Alemanha
Canadá
Nigéria
França

 

Grupo B
Japão
Nova Zelândia
México
Inglaterra

 

Grupo C
EUA
Coréia do Norte
Colombia
Suécia

 

Grupo D
Brasil
Austrália
Noruega
Guiné Equatorial

JGalvão

 

Seria o Futebol uma Ciência?

Seria o Futebol uma Ciência?

Em seu livro Filosofia do Futebol, o filósofo Manuel Sergio diz que “o objetivo primeiro do futebol deveria ser realizar o humano no homem” e que, “para saber de futebol é preciso saber mais do que futebol”. Não sou filósofa, nem cientista, apenas uma admiradora do trabalho do Prof. Manuel Sergio, mas, concordo em gênero, número e grau com as suas afirmações. Porém, após acompanhar e analisar o comportamento de várias equipes do futebol mundial, é com grande pesar que cheguei a conclusão de que, como muitas outras coisas que envolvem a humanidade, o futebol é uma ciência humana que não é levada a sério e não é praticada em sua plenitude.

Um clube de futebol é uma organização, um organismo vivo, e para que ele continue vivendo necessita das pessoas que o compõe, cada indivíduo que forma o todo. Assim, os dirigentes e treinadores precisam lembrar que antes de cobrar redimento de um atleta, é preciso fornecer condições favoráveis para que este atleta desenvolva o seu trabalho com qualidade e apresente o rendimento tão cobrado por todos. Da mesma forma que educamos e orientamos os nossos filhos, com a preocupação de que adultos formaremos com os nossos ensinamentos, é importante traçar metas e ter em mente que tipo de homens pretende-se formar a partir dos treinamentos de equipe.

O que vemos atualmente são crianças ainda no início de suas carreiras ganhando altissímos salários, sem nenhum acompanhamento psicológico e imposição de limites, sendo transformados em verdadeiros malcriados do futebol, que quando atingem a fase do futebol profissional sentem-se as estrelas mais importantes da constelação e acreditam que a equipe tem que girar em torno deles. O resultado final é a construção de homens arrogantes, prepotentes e sem caráter mas, ao mesmo tempo, inseguros, sem nenhuma base e etsrutura para superar os fracassos enfrentados durante a sua trajetória profissional.  Um treinador de futebol deve ser um líder e entender bem mais do que futebol, precisa antes de tudo entender e conhecer o ser humano, com todas as suas falhas e fraquezas, pois só assim poderá contribuir para a formação de grandes profissionais e contar em suas equipes com grandes homens. Assim, antes de ser um esporte e um empreendimento capitalista, o futebol é sim uma ciência humana, que , se bem aplicada, trará lucros enormes.

por JGalvão

 

Sugestão Musical

O Batom e Futebol hoje foi buscar a sua sugestão de música na Alemanha!

Bitte hör’ nicht auf zu träumen –

Xavier Naidoo

Espero que gostem!

 

 

Sugestão Musical

Hoje o Batom e Futebol  apresenta uma nova seção,  músicas do batom. Faremos o possível para sugerir todo dia uma música nova para vocês. =)  A música de hoje é:

É uma partida de futebol – Skank


Tchau, tchau!

Entre o batom e o futebol existe um mundo de possibilidades!!!

Entre o batom e futebol existe um mundo de possibilidades, se eu resolvesse enumerar todos este texto ficaria sem fim, podemos passear pelo automobilismo, a cultura, a poesia, a gastronomia e tantos outros. Por isso acredito que devemos nos permitir gostar do que gostamos e sermos felizes.

Quando criança, aprendi nas aulas de catecismo que anjos não tinham sexo, todos gostavam e brincavam com os mesmos brinquedos, bolas e balões de nuvens, flores e também tocavam arpas. Mas, quando nascíamos, nascíamos meninos ou meninas, pronto, começou a separação! Meninas não podem fazer isto, meninas bricam com bonecas, dançam ballet, carrinhos é bricadeira de menino, meninos jogam futebol, brincam de cowboy. Não paramos por aí, fomos mais longe ainda, tivemos a separação também na escola, colégios para meninas e colégios para os meninos. Cada um para o seu lado, o clube do Bolinha e da Luluzinha estavam criados. Esta divisão sempre me incomodou, comecei a achar que era melhor sermos anjos, pois enquanto anjos erámos todos iguais, podíamos brincar juntos e com os mesmos brinquedos. Fui crescendo e percebi que toda aquela separação era uma coisa patética, já que até para nascermos, meninos ou meninas, necessitamos uns dos outros. O criador fez a coisa muito perfeita, não procriamos sozinhos.

Mesmo assim a humanidade insiste, a tecnologia e a ciência  renovam-se a cada segundo, mas, continuamos insistindo em dividir o indivisível. Revistas para homens, revistas para mulheres, esportes para homens, esportes para mulheres.

Por que meninos não podem se interessar pelos mesmos assuntos que gostam as meninas? E se eles estiverem curiosos em saber o que as meninas gostam? Por que é tão difícil assim aceitarmos que somos diferentes na nossa composição física, mas que somos todos iguais na essência, que temos a mesma origem e a ela voltaremos?

Por isso decidi criar o Batom e futebol, sou menina, amo batom e amo futebol. Pois entre o batom e o futebol existe um mundo de possibilidades e, particularmente, acho maravilhoso poder viajar por todas elas.

A proposta do Batom e Futebol é veicular artigos próprios, bem como artigos e matérias de outros veículos, para que os nossos seguidores possam ter  acesso a várias notícias acessando apenas um canal de comunicação.

Bem vindo ao Batom e Futebol!

por JGalvão