Munique – Conhecendo a Alemanha através do Futebol

Conforme prometemos em nossa última viagem as cidades sedes dos jogos da Copa do Mundo Feminina FIFA 2011, continuaremos a conhecer a Alemanha através do seu futebol. Hoje partiremos para mais uma viagem, vamos até a cidade de Munique. Venha conosco, você vai gostar!

Munique

História

Munique é a capital  do estado federal da Baviera. Na qualidade de capital, Munique alberga o parlamento e o governo estadual.

Munique conta atualmente cerca de 1,4 milhão de habitantes, chegando aos 2,5 se contarmos com a sua área metropolitana. É assim a maior cidade da Baviera, e a terceira maior da Alemanha, depois de Berlim e de Hamburgo. Uma das atividades de destaque na cidade e na região é o turismo. Munique também é a sede da BMW.

Munique é uma cidade independente (kreisfreie Stadt) ou distrito urbano (Stadtkreis), ou seja, possui estatuto de distrito (Kreis). Adicionalmente, é também sede do governo do distrito administrativo da “Alta Baviera” (Oberbayern em alemão) bem como do distrito territorial (Landkreis) de Munique.

Munique foi fundada em 1158. O número de habitantes da cidade ultrapassou por volta de 1854 o número dos cem mil, tendo nessa altura obtido o estatuto de cidade grande (Grosstadt). Metade da cidade foi destruída durante a Segunda Guerra Mundial, porém reconstruída. Desde 1960 a cidade possui mais de um milhão de habitantes. Munique é cortada pelo rio Isar.

A cidade de Munique pertencia inicialmente ao bispado de Freising, que por sua vez era subordinada (sugragânea) de Salzburgo. Houve várias tentativas de criação de um bispado próprio, inicialmente frustradas. Em 1817, como resultado de alterações políticas, o bispado de Freising foi transferido para Munique. Ao mesmo tempo o bispado foi promovido a arcebispado.

Retrato
Munique está localizada no sul da Alemanha e é a capital número um da cerveja – onde anualmente festeja-se a mundialmente  famosa Oktoberfest.

É a seus museus de nível internacional que Munique deve, em grande parte, seu status de “ capital secreta” da Alemanha. Museus como a “Alte e Neue Pinakothek”, “Pinakothek der Moderne”  Lenbachhaus, Glyptothek, Staatliche Antikensammlungen e Museum Brandhorst que fazem de Munique uma das capitais mais culturais da Alemanha. Outra zona de museus é o Lehel, com a Haus der Kunst, o Bayerisches Nationalmuseum, o museu de arqueologia Archäologische Staatssammlung e o museu de antropologia, Völkerkundemuseum. Sem falar no Museu de Paleontologia e no acervo de ciências naturais, na Villa Stuck, na coleção Sammlung Goetz, em uma edificação de Herzog & de Meuron, o museu judeu, Jüdisches Museum e o Deutsches Museum. Com demonstrações e recursos interativos, esse que é o maior, mais antigo e mais completo museu do seu gênero no mundo exibe todos os aspectos imagináveis dos avanços científicos e tecnológicos em 55 áreas, entre as quais as de instrumentos musicais, aeronáutica, fotografia, física e têxteis.

Atrações turísticas:

Marienplatz, em português, Praça de Maria é uma praça no centro de Munique, fundada em 1158. No centro da praça está a Coluna de Maria erigida em 1638, que dá o nome à praça.

Neues Rathaus, em português, Nova Câmara Municipal é o edifício dos Paços do Conselho de Munique,  localizado na Marienplatz. Foi construído entre 1867 e 1908 em estilo Neogótico. Tem uma área total de 9159 m² com 400 divisões. No rés-do-chão situa-se o restaurante Ratskeller.

A principal atração é o Rathaus-Glockenspiel, um relógio de carrilhão com figuras animadas.

Hofbräuhaus am Platzl é a mais famosa cervejaria do mundo localizada no centro de Munique.

Foi fundada em 1589, pelo Duque William V da Baviera para evitar ter que comprar cerveja da baixa Saxônia, sendo de uso exclusivo do Duque. Apenas em 1828 a cervejaria foi aberta ao público. Em 1897 o edifício foi refeito quando foi movido para o subúrbio da cidade. Na Segunda Guerra Mundial toda a estrutura da cervejaria foi destruída num bombardeio, porém foi reconstruída em 1958.

Sua cerveja é muito conhecida e procurada pelos turistas que visitam Munique. A música típica alemã  é tocada sem pausas durante todo o dia, transmitindo a forte cultura bávara. A cervejaria ainda possui um hino próprio, composto em 1935 por Wilhelm ‘Wiga’ Gabriel e diz “In München steht ein Hofbräuhaus, eins, zwei, g’suffa!” (Aqui no Hofbräuhaus em Monique – um, dois, nós bebemos”. Toda a cerveja consumida é produzida pela Staatliches Hofbräuhaus.

Englischer Garten, em português Jardim Inglês é um grande parque urbano, com cerca de 4,17 km². A ideia da construção do jardim partiu de Benjamin Thompson, em 1789. Abrigou o Tiro com arco nos Jogos Olímpicos de Verão de 1972.

Theresienwiese (em português Prado de Teresa) é uma praça situada em  um descampado com 46 hectares. Num dos lados está a estátua Bavaria, símbolo do estado da Baviera, do outro está a igreja de São Paulo. Chama-se Theresienwiese porque se celebrou aqui o casamento de Luís I da Baviera com a princesa Teresa de Saxe-Hildburghausen. Os festejos agradaram tanto à familia real, que ordenaram a sua repeticão todos os anos, dando lugar à conhecida Oktoberfest: A festa de Outubro.

Frauenkirche (nome usual da Catedral de Nossa Senhora Bendita) é a maior igreja da capital bávara. Localizada no centro da cidade na “Frauenplatz 1”, a catedral católica é um sinal importante e uma atração turística popular na cidade. Hoje, a catedral domina o centro da cidade e suas torres podem ser vistas de todas as posições. A municipalidade proibiu a construção de qualquer estrutura superior a 100 metros nas proximidades da catedral. É possível subir na sua torre sul que oferece uma vista panorâmica da cidade e das montanhas.

A igreja jesuíta de São Miguel  é a maior igreja renascentista ao norte dos Alpes. Foi edificada pelo duque Guilherme V de Baviera entre 1583/1597 como centro espiritual da Contra-Reforma. O seu estilo teve uma grande influência na arquitetura Barroca no sul da Alemanha. A cripta alberga entre outros os túmulos de alguns membros da Casa de Wittelsbach: Maximiliano I, Eleitor da Baviera (1597-1623), Rei Luís II da Baviera (1864-1886), Rei Oto da Baviera (1886-1913). Durante a Segunda Guerra Mundial foi bastante danificada, sendo restaurada em 1946-48.

Asamkirche ou igreja de São João Nepomuceno, está localizada no centro de Munique. A igreja foi construída entre os anos 1733 e 1746, obra dos irmãos Cosmas Damian Asam e Egid Quirin Asam, em estilo rococó. Os dois irmãos construíram o edifício para sua igreja privada, mas face aos protestos dos habitantes da cidade, acabaram por tornar o acesso público.

Residência de Munique (em alemão: Münchner Residenz) é um palácio situado no centro da cidade, foi a residência oficial dos duques, dos eleitores e dos reis da Baviera na Idade Média. É o maior palácio urbano na Alemanha, servindo, atualmente, como um museu de decoração de interiores, considerado um dos mais belos da Europa. Também abriga uma sala de concertos, a Casa do Tesouro Real e o Teatro Cuvilliés.

Frente à entrada para o Pátio Imperial e na passagem para o Brunnenhof (“Pátio da Fonte”) existem dois leões de bronze, dos quais se diz que tocar-lhes traz boa sorte).

Palácio Nymphenburg (em alemão Schloss Nymphenburg) é um palácio de estilo barroco. O palácio foi encomendado a Agostino Barelli, em 1664, pelo casal de Príncipes Eleitores da Baviera, Fernando Maria e Henriqueta Adelaide de Saboia, depois do nascimento do seu filho Maximiliano II Emanuel. O pavilhão central viria a ser concluído em 1675.

Atualmente, o Schloss Nymphenburg está aberto ao público, embora continue a ser casa e chancelaria do chefe da Casa de Wittelsbach, atualmente representada por S.A.R. Franz, Duque da Baviera.

Futebol 

FC Bayern München (oficialmente: Fußball-Club Bayern München e. V.), conhecido em português por Bayern de Munique, é o clube mais famoso e bem sucedido da Alemanha e tem uma torcida constituída por quase cem mil membros associados e organizados, com uma média de 69.000 espectadores por partida na temporada 2010/11 da Bundesliga. Atualmente é o time com o maior número de conquistas da Bundesliga (23) e da Copa da Alemanha (15).

TSV München von 1860, geralmente chamado TSV 1860 München em alemão e conhecido como ‘ Munique 1860 ‘ em português. Joga as partidas de casa no Allianz Arena, o qual compartilha com o rival local, o Bayern.

Atualmente o clube joga pela segunda divisão alemã, depois de ser rebaixado da Bundesliga na temporada 2003-04. O clube foi um dos fundadores da Bundesliga em 1963 e jogou um total de 19 temporadas na liga principal.

Allianz Arena

O estádio muda de cor conforme o mandante do jogo: vermelho para o Bayern Munique, azul para o Munique 1860 e branco com a Seleção Alemã de Futebol.

Allianz Arena foi inaugurado no final de abril de 2005, localizado na parte norte de Munique, no distrito de Fröttmaning. É o estádio oficial dos times Bayern de Munique e TSV 1860 Munique  (substituindo o Olympiastadion) e sediou o jogo de abertura da Copa do Mundo de 2006.

O estádio foi objeto de projeto do escritório suíço Herzog & de Meuron, tendo sido apresentado internacionalmente como expoente de uma possível nova vanguarda arquitetônica em edifícios esportivos, devido a uma série de inovações introduzidas pela obra. Custo do projeto: € 340 milhões.

Possui capacidade de até 66 mil espectadores sentados, sendo dividido em sete pavimentos e três níveis de arquibancadas. A arquibancada, planejada com base nos estádios ingleses, alcança o máximo de inclinação que a arquitetura e engenharia hoje em dia conhecem: 34 graus . É constituído por estrutura mista de aço e concreto armado. A vedação externa apresenta 1056 painéis à prova de fogo com o formato de diamantes, que são divididos em 29 anéis de 700m de comprimento. Esticados e empilhados verticalmente, eles alcançariam uma altitude de 20.300m (nível da estratosfera). Está equipado com 4 telões de plasma do tamanho de dormitórios convencionais, possuindo ainda um eficiente sistema de evacuação de emergência, que permite a completa evacuação do estádio em cerca de 15 minutos. A título de comparação, no Estádio do Maracanã, no Rio de Janeiro, um processo semelhante exigiria entre 2 e 3 horas.

O estádio fica aberto durante o ano todo, pois em todos os seus sete níveis encontram-se centros comerciais. Além disso, o complexo comporta ainda um parque ecológico.

Estádio Olímpico de Munique

Estádio Olímpico (em alemão Olympiastadion, desenhado pelo arquiteto alemão Günter Behnisch e seus sócios, foi construído entre 1966 e 1972 para os Jogos Olímpicos de Verão de 1972. Inaugurado em 26 de Maio de 1972, 80 mil espectadores puderam ver o futebolista alemão Gerd Müller, “Der Bomber” (“O Bombardeiro”) marcar quatro gols numa partida contra a União Soviética. Três meses depois, em 26 de Agosto, ocorreu a Cerimônia de Abertura dos Jogos Olímpicos.

O estádio também foi importante na Copa do Mundo de 1974, sendo sede de 8 jogos, entre eles a Grande Final entre a Alemanha Ocidental e a Holanda (a “Laranja Mecânica”), vencida pelos alemães por 2 a 1 e a decisão de 3º Lugar entre o Brasil e a Polônia, vencida pelos poloneses por1 a 0.

Outra competição importante entre Seleções cuja decisão ocorreu no Olympiastadion foi em 1988, a Eurocopa (torneio com as principais seleções europeias), vencida pela Holanda por 2 a 0 sobre a União Soviética, com um belo gol do atacante Marco van Basten.

O estádio também foi palco de três decisões da Liga dos Campeões da UEFA. Em 1979 o Nottingham Forest FC venceu o Malmö, em1993 o Olympique de Marselha venceu o AC Milan e em 1997 o Borussia Dortmund venceu a Juventus.

A principal característica do estádio é o teto retrátil, com 75.000 metros quadrados, um marco na Arquitetura esportiva. O campo tem105 metros de comprimento por68 metros de largura e um sistema de irrigação e aquecimento sob a terra.

O estádio, que atualmente tem capacidade para 69.250 espectadores, foi casa dos Principais Clubes da Cidade, o Bayern de Munique e o TSV 1860 Munique até 2005, quando foi concluído o Allianz Arena.

Terminamos aqui a nossa visita a Munique, esperamos que você tenha gostado. Em nossa próxima viagem, conheceremos a cidade de Dortmund. Esperamos por você!

Fontes: http://pt.wikipedia.orghttp://www.germany.travel, Schultz Patricia 1000 Lugares para conhecer antes de morrer

Veja também! Wolfsburg – Conhecendo a Alemanha através do Futebol – Link

Fonte: http://pt.fifa.com

São Paulo – Brasil – 22:49

Siga o Batom e Futebol no Twitter, a casa do Futebol Alemão no Brasil: @Batom_efutebol

Follow Batom and Futebol on Twitter, the home of German Football in Brazil:  @Batom_efutebol

Por Josy Galvão

Anúncios

3 responses to this post.

  1. linda cidade munique

    Responder

  2. Posted by fatima on novembro 21, 2011 at 4:49 pm

    É uma cidade bonita com muita cultura interessante.

    Responder

  3. […] Veja também! Munique – Conhecendo a Alemanha através do Futebol – Link […]

    Responder

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: