Archive for junho \30\America/Sao_Paulo 2012

#Eurocopa2012 – Apagado em campo, Lahm admite erros da Alemanha

Favoritos na semifinal da Eurocopa contra a Itália, a maioria dos jogadores da seleção da Alemanha não foi bem, e a equipe acabou derrotada por 2 a 1 na última quinta-feira. Um dos principais nomes germânicos, o lateral e capitão Philipp Lahm foi um dos que teve a atuação mais criticada pela imprensa local.

Apesar de ter jogado bem nas outras partidas, o jogador do Bayern de Munique esteve apagado em campo. Após a partida em Varsóvia, ele admitiu os erros da Alemanha e elogiou a atuação da Azzurra, que agora enfrenta a Espanha na decisão da Euro.

phillip lahm alemanha itália eurocopa (Foto: Agência Reuters)Lahm não conseguiu apresentar o bom futebol das outras partidas (Foto: Agência Reuters)

– Foi uma derrota muito amarga, mas foi culpa nossa, porque cometemos alguns erros. No segundo tempo, tentamos tudo o que deu, mas nosso gol veio tarde demais. Taticamente, a Itália teve uma ótima atuação, e nos faltou um pouco de sorte. Temos um potencial enorme, mas precisamos explorá-lo, porque se isso não acontecer, não vamos conquistar troféus – disse Lahm em entrevista ao site da Uefa.

O técnico Joachim Löw também estava muito abatido após a partida. Ele não deixou de criticar os seus jogadores, principalmente Phillip Lahm no segundo gol.

– Foi um grande passe (do Montolivo), pois a bola veio de muito longe e o Lahm errou a direção. Balotelli foi bem, mas o Lukas (Podolski) também estava ali e poderia ter encostado para diminuir o espaço – afirmou em coletiva de imprensa.

joachim low alemanha coletiva (Foto: Agência Getty Images)Löw: decepcionado com o resultado, mas satisfeito com o trabalho feito na Alemanha (Agência Getty Images)

Apesar de estar fora da final, o treinador se disse orgulhoso da campanha do time. Löw falou do trabalho a longo prazo que vem sendo feito com a seleção.

– Todos estão desapontados, mas futebol é assim. Vamos encontrar motivação para seguirmos em frente. Acho que o saldo na Euro foi muito positivo. Ganhamos quatro jogos e perdemos um. Estou orgulhoso do meu time. Estamos fazendo um ótimo trabalho e não é após uma derrota contra um adversário como a Itália que devemos questionar tudo que fizemos nos últimos dois anos

Para o técnico não há favoritos na final de domingo.

– A Itália jogou muito bem contra eles na primeira fase. Acho que será um jogo equilibrado – completou.

A decisão da Euro é domingo, às 15h45m (de Brasília).

Fonte: http://globoesporte.globo.com

Siga o Batom e Futebol no Twitter: @Batom_efutebol

JGalvão

#Eurocopa2012 – Casillas: “Buffon é uma referência”

Casillas: "Buffon é uma referência"

© AFP

Capitão da seleção espanhola e goleiro menos vazado da UEFA Euro 2012, Iker Casillas é só elogios ao adversário que estará à frente da meta adversária na grande decisão da competição continental, no próximo domingo. O jogador do Real Madrid aponta o arqueiro italiano Gianluigi Buffon como uma de suas referências na profissão.

“Buffon tem meu respeito e minha admiração máxima. É um goleiraço excepcional que, com 34 anos, está no nível dos melhores”, afirmou Casillas. “Ele é uma referência para nós, queremos ser parecidos com Buffon”.

Casillas afirmou ter uma boa relação com o goleiro da Juventus e disse ser “um prazer enfrentá-lo mais uma vez nessa Eurocopa”. Espanha e Itália empataram por 1 a 1 na abertura do Grupo C, com gols de Fábregas para os espanhóis e Di Natale para a Azzurra.

“Vamos nos encontrar com o mesmo time que abrimos a competição. Não tinha preferência por Alemanha ou Itália, pois as duas equipes se mostraram muito qualificadas, cada uma com seu estilo de jogar. Os italianos são rivais perigosos”, comentou o goleiro espanhol.

Fonte: http://pt.fifa.com

Siga o Batom e Futebol no Twitter: @Batom_efutebol

JGalvão

‘Cansado de jogar golfe’, Guardiola admite saudade do futebol

torcida barcelona despedida pep guardiola copa do rey (Foto: Agência Reuters)Pep Guardiola em sua despedida do Barcelona
(Foto: Reuters)

O ex-técnico do Barcelona Josep Guardiola admitiu que já sente saudades do futebol. Ao deixar o clube onde conquistou 14 títulos em quatro anos, entre eles três campeonatos espanhóis e duas Champions, ele alegou exaustão e passou o bastão a seu auxiliar Tito Villanova. Mas o cansaço parece ter dado lugar à vontade de retornar aos treinamentos e jogos.

– Sinto falta realmente. Eu já estou cansado de jogar golfe com meu pai – declarou aos jornalistas durante sua viagem para Kuala Lumpur, na Malásia.

Na última partida em que comandou o Barcelona, o técnico conquistou a Copa do Rei. O Barça não tomou conhecimento do Athletic Bilbao e ganhou por 3 a 0, em 25 de maio deste ano.

Fonte: http://globoesporte.globo.com

Siga o Batom e Futebol no Twitter: @Batom_efutebol

JGalvão

#Londres2012 – Lista do futebol feminino para Londres tem estrelas e revelação de 19 anos; veja convocação

Divulgação

Marta e Erika estão na lista de convocadas para a Olimpíada de Londres
Marta e Erika estão na lista de convocadas para a Olimpíada
O técnico Jorge Barcellos definiu nesta sexta-feira a seleção brasileira que tentará o ouro olímpico inédito em Londres. Como já era mais do que esperado, as estrelas Marta e Cristiane são os principais destaques da convocação. A ‘novidade’ é a presença da atacante Thaisinha, a mais jvoem revelação do futebol feminino nacional. Atleta do Vitória (PE), ela tem apenas 19 anos de idade.
Thaisinha, porém, ainda pode ser cortada e acabar ficando de fora da Olimpíada. A atacante se lesionou em um amistoso contra a seleção brasileira feminina sub-20 na manhã desta sexta-feira e  passará por exames  para saber a gravidade da lesão no tornozelo. Se for cortada, Danielli ficará com a vaga.“A Thaís teve um problema no final do jogo de hoje e foi fazer exames preliminares e a gente deixou de sobreaviso a Danielli Pereira. Se por acaso a Thaís não puder ir pra Olimpíada, a Danielli assume o lugar”, disse Jorge Barcellos.
A seleção brasileira já tinha uma pré-lista com 25 jogadoras que passaram um mês fazendo treinamentos na Granja Comary. Desta lista inicial, foram cortadas a goleira Bárbara, a zagueira Tânia Maranhão, as laterais Maicon e Danielli, as meio-campistas Gabriela e Rafaelle e a atacante Débora.
Em Londres, o Brasil tenta parar de ‘bater na trave’ e, enfim, subir ao local mais alto do pódio. A seleção chegou à final nas duas últimas edições, em 2004 e 2008, mas acabou derrotada pelos Estados Unidos em ambas.
Vipcomm

Aline Pellegrino é um dos destaques da zaga brasileira
Aline Pellegrino é um dos destaques da zaga brasileira
Veja a lista completa de convocadas:

Goleiras:
Andreia Suntaque – Juventus/SP
Thaís Picarte – Vitória/PE

Zagueiras:
Daiane (Bagé) – São José/SP
Bruna – Foz Cataratas/PR
Erika – Centro Olímpico/SP
Aline Pellegrino – Football Club Roosiyanca/Rússia

Laterais:
Fabi – Football Club Roosiyanca/Rússia
Maurine – Centro Olímpico/SP
Rosana – Olympique Lyonnais/França

Meio-campistas:
Ester – Football Club Roosiyanca/Rússia
Francielle – São José/SP
Elaine – Tyresö/Suécia
Renata Costa – Foz Cataratas/PR
Formiga – São José/SP

Atacantes:
Cristiane – Football Club Roosiyanca/Rússia
Grazielle (Grazi) – América/SP
Marta – Tyresö/Suécia
Thaisinha – Vitória/PE

Fonte: http://espn.estadao.com.br

Siga o Batom e Futebol no Twitter: @Batom_efutebol

JGalvão

#Eurocopa2012 – Seleção Alemã agradece apoio de sua torcida

A seleção alemã de futebol agradeceu, em sua página do Facebook, o apoio recebido por milhares de fãs no mundo todo. Um gesto simples e humilde, porém de grande importância para nós que acompanhamos de perto o seu futebol. É por gestos como este, que a cada dia a Mannschaft conquista mais o nosso respeito, carinho e admiração.

Obrigada Mannschaft, para nós vocês são os verdadeiros CAMPEÕES!!!

Danke Mannschaft, für uns Sie sind die wahren CHAMPIONS!

Veja abaixo o agradecimento da Mannschaft, inclusive em português!

Wir haben gemeinsam Portugal, Holland, Dänemark und Griechenland geschlagen. Wir haben gemeinsam die Welt verzückt – mit richtig gutem Fußball. Danke für 21 phänomenale Tage bei der EM 2012. Danke, Fans!
Foto: Die Nationalmannschaft:Vielen Dank für eure Unterstützung. Wir fühlen uns geehrt. Many thanks for your support. We feel honored.Muchas gracias por su apoyo. Nos sentimos honrados.Merci de votre soutien - nous sommes honorés..شكرا" جزيلا" لدعمكم. نشعر بفخر لمساندتكم.از پشتیبانی شما سپاسگزاریم.ما از این بابت احساس سربلندی می کنیمआपके सहायता के लिए बहुत धन्यवाद. हमे बहुत ख़ुशी हुई।ขอบคุณอย่างยิ่งสำหรับแรงใจจากพวกคุณ เรารู้สึกเป็นเกียรติมาก.Terima Kasih banyak atas dukungan kalian. Kami merasa terhormat.非常感谢你们的支持,我们感到十分荣幸。非常感謝你們的支持,我們感到十分榮幸。Rất cảm ơn về sự hỗ trợ của các bạn. Chúng tôi cảm thấy vinh dự.応援してくれて本当にありがとうございます。私たちは光栄です。Destek ettiğiniz için çok teşekürler. Ondan gurur duyuyoruz. Dziekuje za Wasze Wsparcie! To dla nas zaszczyt!Дякуємо за вашу підтримку. Для нас велика честь.உங்கள் உதவிக்கு மிக்க நன்றி. எங்களுக்கு மிகவும் பெருமையாக இருக்கிறது. | आपको बहुत बहुत धन्यवाद | ધન્યવાદ | ಧನ್ಯವಾದಗಳು | ഉപകാരം | ధన్యవాదములు | | آپ کی مدد کا بہت شکریہ Baie dankie | Faleminderit shumë | Շնորհակալություն | Çox sağ olun | Suksema | Дзякую вам | ধন্যবাদ | Hvala | благодаря ви | Děkuji | Tak | Takk | Tack | Dank u | Dankon | Aitäh | Vinaka vaka | levu | Kiitoksia oikein paljon | დიდი მადლობა | Ευχαριστώ πολύ | Qujanarsuaq | Mahalo nui loa | רב תודות | Köszönöm szépen | Grazie mille | Grazzi ħafna | Рахмет | ឣរគុណ | Ko rab'a | 정말 감사합니다 | تشكر | سوپاس | ຂອບໃຈຫລາຍໆ | Liels paldies | Labai ačiū | Благодарам | Ka pa | Мулцумеск | Танд их баярлалаа | धन्यवाद | Muito obrigado | Mulţumesc foarte mulţ | Большое спасибо | Fa'afetai tele | Хвала лепо | බොහොම ස්තුතියි | Ďakujem velʼmi pekne | Mahadsanid | Asante | Mesi | Maraming salamat po | Māuruuru roa | ክብረት ይሃበለይ | Mālō ‘aupito | אַ שיינען דאַנק | Danke(Please excuse, if your language is missing, too short or incorrect.)            ----------------------
Die Nationalmannschaft:
Vielen Dank für eure Unterstützung. Wir fühlen uns geehrt.
Many thanks for your support. We feel honored.
Muchas gracias por su apoyo. Nos sentimos honrados.
Merci de votre soutien – nous sommes honorés.
.شكرا” جزيلا” لدعمكم. نشعر بفخر لمساندتكم
.از پشتیبانی شما سپاسگزاریم.ما از این بابت احساس سربلندی می کنیم
आपके सहायता के लिए बहुत धन्यवाद. हमे बहुत ख़ुशी हुई।
ขอบคุณอย่างยิ่งสำหรับแรงใจจากพวกคุณ เรารู้สึกเป็นเกียรติมาก.
Terima Kasih banyak atas dukungan kalian. Kami merasa terhormat.
非常感谢你们的支持,我们感到十分荣幸。
非常感謝你們的支持,我們感到十分榮幸。
Rất cảm ơn về sự hỗ trợ của các bạn. Chúng tôi cảm thấy vinh dự.
応援してくれて本当にありがとうございます。私たちは光栄です。
Destek ettiğiniz için çok teşekürler. Ondan gurur duyuyoruz.
Dziekuje za Wasze Wsparcie! To dla nas zaszczyt!
Дякуємо за вашу підтримку. Для нас велика честь.
உங்கள் உதவிக்கு மிக்க நன்றி. எங்களுக்கு மிகவும் பெருமையாக இருக்கிறது. | आपको बहुत बहुत धन्यवाद | ધન્યવાદ | ಧನ್ಯವಾದಗಳು | ഉപകാരം | ధన్యవాదములు | | آپ کی مدد کا بہت شکریہ Baie dankie | Faleminderit shumë | Շնորհակալություն | Çox sağ olun | Suksema | Дзякую вам | ধন্যবাদ | Hvala | благодаря ви | Děkuji | Tak | Takk | Tack | Dank u | Dankon | Aitäh | Vinaka vaka | levu | Kiitoksia oikein paljon | დიდი მადლობა | Ευχαριστώ πολύ | Qujanarsuaq | Mahalo nui loa | רב תודות | Köszönöm szépen | Grazie mille | Grazzi ħafna | Рахмет | ឣរគុណ | Ko rab’a | 정말 감사합니다 | تشكر | سوپاس | ຂອບໃຈຫລາຍໆ | Liels paldies | Labai ačiū | Благодарам | Ka pa | Мулцумеск | Танд их баярлалаа | धन्यवाद | Muito obrigado| Mulţumesc foarte mulţ | Большое спасибо | Fa’afetai tele | Хвала лепо | බොහොම ස්තුතියි | Ďakujem velʼmi pekne | Mahadsanid | Asante | Mesi | Maraming salamat po | Māuruuru roa | ክብረት ይሃበለይ | Mālō ‘aupito | אַ שיינען דאַנק | Danke
(Please excuse, if your language is missing, too short or incorrect.)

Siga o Batom e Futebol no Twitter: @Batom_efutebol

Por JGalvão

#Eurocopa2012 – Seleção alemã desembarca de volta à Alemanha após eliminação

A seleção da Alemanha voltou para casa nesta sexta-feira, após deixar Varsóvia, onde foi derrotada pela Itália nas semifinais da Eurocopa. Acompanhado da esposa Lena Gercke,alvo constante dos fotógrafos nos estádios da Polônia e da Ucrânia, o meia Sami Khedira desembarcou em Frankfurt, assim como o treinador da equipe Joachim Löw.

Sami Khedira com a esposa no desembarque da Alemanha (Foto: AFP) Sami Khedira com a esposa Lena Gercke no desembarque da Alemanha (Foto: AFP)

Antes considerada uma das favoritas ao título, a Alemanha perdeu o aproveitamento de 100% na derrota para a Itália, que ainda tirou a equipe de Joachim Löw da briga pelo caneco.

A decisão será entre a algoz alemã Itália e a Espanha neste domingo, em Kiev a partir das 15h45m (de Brasília).

Joaquin Low no desembarque da Alemanha (Foto: AFP)Joachim Löw faz careta para foto no desembarque da Alemanha (Foto: AFP)

Siga o Batom e Futebol no Twitter: @Batom_efutebol

JGalvão

Werden Wir Weltmeister sein – De uma torcedora alemã para outros tantos

Eu não falo alemão, eu não nasci na Alemanha, muito menos já fui visitar as cidades alemãs. É então que surge a pergunta: Como uma pessoa criada no Brasil, no “país do futebol”, pode torcer, mas torcer fervorosamente pela Seleção Alemã de Futebol? Deixem que eu explico…
A senhora minha mãe é professora de História e essa disciplina, segundo dizem, passa de mães e pais para os filhos. Desde cedo, desde bem pequena, eu ia aprendendo sobre as civilizações antigas, sobre outras sociedades e culturas. Aprendi em casa, antes de aprender na escola, sobre uma coisa chamada Nazismo, e de como esse movimento mudou completamente o que hoje conhecemos como Alemanha.
Muito antes de gostar de futebol ou de criar algum senso crítico sobre o que esse esporte pode proporcionar ao cotidiano dos países pelo mundo, eu já sabia que Adolf Hitler nunca chegou perto de ser jogador ou treinador de futebol, mas ele teve um papel importante na formação do futebol em seu país e na conquista de títulos em Campeonatos do Mundo.

Hitler, sempre pregando os preceitos do Nazismo, se utilizou dos poderes do futebol, como um esporte capaz de despertar os mais diversos sentimentos e unir uma nação por um único ideal para propagar e afirmar diante do povo que o governo nazista era sólido e próspero para o país. Através do Schalke 04, o time do coração do Führer, o movimento nazista se espalhou pela Alemanha, entrecruzando os caminhos do futebol e do nazi nacionalismo alemão, o que culminou num desastre para a identidade nacional dos alemães após o fim da Segunda Guerra Mundial.
Para os alemães, essa foi uma mancha muito difícil de se apagar. Desde o fim da Guerra em 1945, até a queda do Muro de Berlim, marco do término da subsequente Guerra Fria, em 1989, a Alemanha estava dividida em duas nações. E cada geração de alemães orientais e ocidentais ensinava àquela geração que iria os suceder a não manifestar o seu nacionalismo, por culpa e medo da herança nazista. Um ano depois da derrocada do assim chamado Muro da Vergonha, o sentimento que rondava o time alemão na Copa de 1990 era o receio. Receio de fracassar, receio de torcer, receio de ser alemão em um mundo que havia combatido toda e qualquer forma de expressão nacional dos alemães.
Mas houveram homens capazes de quebrar esse paradigma. Depois de protagonizarem o Milagre de Berna, em 1954 e depois de pararem o Carrossel Holandês em 1974, o time do capitão Lothar Mattaus, liderados por Franz – o Kaiser – Beckenbauer, um dos maiores ícones da história do futebol alemão e mundial, conquistou o tricampeonato com o apoio de sua tímida porém apaixonada torcida.
Copa de 2006, realizada na Alemanha, pode ser considerada um divisor de águas, especialmente para alemães e italianos. Foi neste ano, em que a competição prometia ser inesquecível, quando eu me vi na encruzilhada moral de apoiar o time do país no qual eu vivia ou apoiar o time do país que eu havia aprendido sua história, o time do país que caminhava a passos modestos para uma reconstrução de identidade calcada no apoio de uma torcida.
Brasil Argentina chegaram como grandes favoritos. Mas os críticos foram categóricos ao afirmar que a dona da casa não iria muito longe na competição. E foram equivocados. Pois Jürgen Klinsmann levou a Alemanha o mais longe possível. O receoso lado oriental do país se uniu ao festeiro lado ocidental e juntos motivaram sua seleção rumo às vitórias. O futebol leve e bem jogado, o esforço dos jogadores e o apoio crescente da torcida empurraram uma desacreditada Alemanha, do 22º lugar no ranking mundial ao 3º lugar na competição mais importante do futebol. 3º lugar que ao final da Copa, levou a população às ruas para agradecer ao capitão Michael Ballack e sua equipe: Danke, Mannschaft, por colocar o time no rumo do futuro.
Aqui finalmente, volta-se à pergunta feita no começo deste texto: Como uma pessoa criada no Brasil, no “país do futebol”, pode torcer, mas torcer fervorosamente pela Seleção Alemã de Futebol?
A resposta está no fato de que pessoalmente, não vejo a Seleção Brasileira como um símbolo do país. E principalmente por que a Seleção Brasileira não apresenta uma identidade própria, logo, como pode construir uma identidade para o Brasil? Desde 2006 até hoje, o que vi em Copas do Mundo, em Eurocopas e em Copas América, foram seleções com uma, duas, três estrelas nas camisas lutando ao lado de suas torcidas, agradecendo o apoio recebido e pedindo desculpas muitas vezes, quando fracassaram em seus objetivos. Quando a Seleção Brasileira apresentou tal comportamento? Em 1998, quando a França de Zidane derrotou o time de Zagallo? Em 2006, quando os franceses voltaram a derrotar os brasileiros? Em 2010, quando a Holanda reviveu o seu Carrossel e levou a Seleção para um passeio?
Que me perdoem os anos em que a ditadura militar se aproveitou dos êxitos do futebol brasileiro, mas o Brasil nunca perdeu sua identidade nacional, nunca teve que esconder os seus sentimentos como povo e como país, nunca se viu divido por anos, suprimindo sua cultura e negando a sua herança. Hitler manchou a reputação da Alemanha muito mais do que manchou a reputação de outros países. E se hoje, através do futebol, a National Mannschaft pode ajudar na construção de uma identidade, de um orgulho pátrio para os alemães, essa é razão que me faz torcer tanto por eles.
Por Mariana Mello

Siga o Batom e Futebol no Twitter, a casa do Futebol Alemão no Brasil: @Batom_efutebol

Follow Batom and Futebol on Twitter, the home of German Football in Brazil:  @Batom_efutebol

Josy galvão

#CampeonatoAlemão – Camisa do Werder Bremen é revelada antes do lançamento oficial

A nova camisa do Werder Bremen para a temporada 2012/2013, que seria lançada pelo clube em seu primeiro jogo treino no próximo dia 07 de julho, apareceu a venda hoje em uma loja de Londres.

Perguntado sobre a autenticidade da camisa, o diretor de mídia, Tino Polster, limitou-se   a responder. “Nós não vamos comentar sobre isso.”

Se esta realmente for a nova camisa do Bremen, é uma pena que isto tenha acontecido e também uma grande falha da empresa fabricante, liberar o produto para venda antes do lançamento oficial.

Fonte: http://www.kreiszeitung.de

Siga o Batom e Futebol no Twitter: @Batom_efutebol

Por JGalvão

#Eurocopa2012 – Prandelli diz que a Espanha é a favorita

Mal conseguiu a classificação para a final da Eurocopa, e o técnico da Itália, Cesare Prandelli, já tem que pensar na Espanha, adversária na decisão deste domingo. O treinador, que enfrentou a Fúria na fase de grupos desta Eurocopa (as seleções empataram em 1 a 1), acredita que os rivais, atuais campeões do torneio, entram como favoritos contra a Azurra.

– Espanha? Eles são claramente os favoritos em termos de experiência e qualidade, mas nós estaremos lá para lutar. Mostramos nesta quinta o respeito e a honra que temos de vestir esta camisa – disse o técnico, em entrevista ao canal de televisão italiano RAI.

Apesar de se mostrar contente com seus jogadores, Prandelli não escondeu uma certa frustração com o fato de a Itália não ter matado o jogo quando vencia por 2 a 0.

– Nos últimos 15 minutos, desperdiçamos muitas oportunidades para fazermos 3 a 0. Depois, nossos jogadores estavam exaustos e nós fomos forçados a nos fechar na área.

Fonte: http://globoesporte.globo.com

Siga o Batom e Futebol no Twitter: @Batom_efutebol

JGalvão

#Londres2012 – David Beckham fora do torneio olímpico

David Beckham fora do torneio olímpico

© Getty Images

O meia David Beckham, do Los Angeles Galaxy, revelou nesta quinta-feira que está fora do torneio de futebol dos Jogos Olímpicos de Londres 2012. Segundo o jogador, o próprio técnico Stuart Pearce o teria procurado para avisar de sua ausência da lista dos 18 jogadores que defenderão a seleção britânica na competição.

Pearce confirmou nesta quinta-feira os três convocados com idade acima de 23 anos que farão parte do grupo: Ryan Giggs, do Manchester United, Craig Bellamy, do Liverpool, e Micah Richards, do Manchester City.

Apesar de reconhecer sua frustração, Beckham garantiu que torcerá pela equipe durante os Jogos.

“Todo mundo sabe o quanto sempre significou para mim jogar na seleção. Teria sido uma honra ter integrado essa equipe única. Claro que estou muito decepcionado, mas ninguém torcerá mais pela seleção do que eu. Como todos, desejo que eles possam conquistar o ouro”, afirmou.

Vale lembrar que Beckham foi um dos maiores entusiastas dos Jogos de Londres 2012, atuando como embaixador para que a próxima edição das Olimpíadas fosse realizada na capital inglesa.

Fonte: http://pt.fifa.com

Siga o Batom e Futebol no Twitter: @Batom_efutebol

JGalvão