Archive for janeiro \31\America/Sao_Paulo 2016

Futebol Alemão – Temporada 2015/2016 – Resultados da 19ª rodada da Bundesliga

VfL Wolfsburg IIDarmstadt 98 - zur Startseite

Na abertura da 19ª rodada do Campeonato Alemão, o Mainz 05 aproveitou o fato de jogar em casa e venceu o Borussia Mönchengladbach por 1 a 0.

Com o resultado, o Mainz chegou a 27 pontos e assumiu a oitava posição do campeonato. Com 29 pontos, o Borussia segue na sexta posição.

O gol do jogo foi marcado ainda no primeiro tempo, aos 21 minutos, com Clemmens. Jairo Samperio brigou pela bola no meio de campo e encontrou o alemão na entrada da área. Ele acertou um belo chute, sem chances para o goleiro Sommer.

Na próxima rodada, o Mainz enfreta o Hannover fora de casa, no próximo sábado (6). Já o Borussia Mönchengladbach, na sexta-feira (5), vai receber o Werder Bremen.

O Bayer Leverkusen venceu o Hannover 96 por 3 a 0, em partida válida pela 19º rodada da Bundesliga 2015/2016. Kiessling e Chicharito (duas vezes) foram os autores dos gols do jogo, que teve como palco a BayArena, em Leverkusen.

Com o resultado, os Leões chegaram ao quarto confronto consecutivo sem derrota no nacional e assumiram a quarta colocação, com 31 pontos. Os comandados de Roger Schmidt voltam a campo no próximo sábado (06), quando recebem o Bayern de Munique.

O time do técnico Thomas Schaaf, por sua vez, conheceu sua quinta derrota em sequência no Campeonato Alemão e se manteve na lanterna do torneio, com 14 pontos somados. A equipe também volta a atuar no sábado, quando recebe o Mainz 05.

Em duelo equilibrado, Augsburg e Eintracht Frankfurt ficam no empate sem gols

Augsburg e Eintracht Frankfurt se enfrentaram pela 19ª rodada da Bundesliga 2015/16 na WWK Arena, em Augsburg. Os bávaros, que buscam se afastar da zona de rebaixamento, enfrentaram uma equipe que também luta para se afastar da parte de baixo da tabela.

A partida foi equilibrada e terminou empatada sem gols. Com o resultado ambos chegaram a 21 pontos, os bávaros estão em décimo segundo e as Águias estão uma posição abaixo em décimo terceiro.

O próximo jogo do Augsburg será fora de casa contra o Ingolstadt, no Audi-Sportpark. Já o Eintracht Frankfurt recebe na Commerzbank Arena a equipe do Stuttgart, os jogos serão no próximo sábado (06).

Jogadores do Stuttgart comemoram gol na vitória sobre o Hamburgo

Stuttgart e Hamburgo entraram em campo na Mercedes-Benz Arena neste sábado, pela 19ª rodada do Campeonato Alemão, e a partida terminou com vitória de 2 a 1 dos donos da casa, com gols de Didavi e Kravets. Rudnevs descontou para os visitantes.

O resultado faz o Stuttgart alcançar os 21 pontos e subir até a 15ª posição, deixando a zona de rebaixamento. O Hamburgo soma 22 e estaciona na 11º colocação.

Na próxima rodada, o Stuttgart visita o Eintracht Frankfurt, enquanto o Hamburgo recebe a equipe do Colônia.

Darmstadt e Schalke 04 se enfrentaram neste sábado, no Merck-Stadion am Böllenfalltor, em Darmstadt. O confronto foi equilibrado e os visitantes venceram por 2 a 0, os gols foram marcados por Meyer e Sané. Com o resultado os Azuis Reais subiram à quinta colocação com 30 pontos e os liliens estão em décimo quarto com 21 pontos.

A próxima partida do Darmstadt será fora de casa contra o Hoffenheim na Rhein Neckar Arena no próximo domingo (7). Já o Schalke 04 recebe na Veltins-Arena a equipe do Wolfsburg no próximo sábado (6).

Num primeiro tempo morno e com segunda etapa agitada e cheia de polêmicas, o Borussia Dortmund derrotou o Ingolstadt por 2 a 0 neste sábado, no Signal Iduna Park.

Com o resultado, o time Auri-negro chega a 44 pontos, na segunda colocação, e pressiona o líder Bayern de Munique. O Ingolstadt segue no décimo lugar, com 23 pontos.

O Dortmund começou com mais posse de bola, mas sem criar chances claras de gol. O goleiro Ozcan repôs a bola, e ela caiu no pé de Lezcano, já perto da área. O paraguaio tirou do arqueiro Burki com chapéu e ia abrir o placar para o Ingolstadt, mas o polonês Piszczek tirou de cabeça e salvou.

Aos 37 minutos do primeiro tempo, Adrián Ramos – muito mal no jogo – perdeu a melhor oportunidade do Borussia nos 90 minutos. Durm cruzou pelo lado direito, o goleiro Ozcan espalmou sem encerrar o lance e a bola voltou na frente do colombiano. Sozinho, cara a cara com o gol, ele cabeceou para fora.

O Ingolstadt começou a gostar da partida e passou a atacar mais. Do outro lado, os donos da casa não aproveitavam para armar contra-ataque e estavam desorganizados em campo. O Dortmund melhorou no segundo tempo, mas pressionava pelo meio, justamente o setor em que o adversário marcava com eficiência.

Aos 65 minutos, aconteceu o lance polêmico que poderia ter tirado o placar do zero. Hummels chutou de longe e a bola ia entrando em sua própria meta, por cima do adiantado Burki. Seria gol contra do Dortmund, mas o árbitro – equivocadamente – marcou falta de Lezcano no alemão, em um toque leve na perna.

O placar finalmente saiu do zero aos 77 minutos, em mais um lance para o Ingolstadt reclamar. Piszczek correu sozinho pela direita, lançou a bola e Aubameyang fez para o Dortmund de cabeça. O gabonês estava impedido, mas o juiz validou o gol.

Sem jogar a toalha, o Ingolstadt continuou brigando e criou chances de empatar. Mas foi Aubameyang, dessa vez em posição legal, que fez o segundo gol do Dortmund, dando números finais ao jogo. O gabonês está na artilharia isolada do Alemão, agora com 20 gols.

Na próxima rodada, o Borussia Dortmund visita o Hertha Berlin no dia 6 de fevereiro, às 12h30 (horário de Brasília), enquanto o Ingolstadt recebe o Augsburg na mesma data e no mesmo horário.

No duelo entre Werder Bremen e Hertha Berlin, no Werserstadion, em Bremen, a emoção bateu forte. Em partida movimentada e surpreendente, os donos da casa que saíram atrás no placar, partiram atrás do resultado e empataram em 3 a 3.

Os gols do Bremem foram marcados por Bartels, Pizarro, de pênalti e Santiago Garcia. Para os visitantes, os gols foram de Darida, Plattenhardt e Kalou. Com o resultado, os Papagaios seguem na 16ª colocação, com 19 pontos, mas mostram claramente que voltaram para o segundo turno do campeonato dispostos a lutar até o final para permanecer na 1ª divisão da liga. Já os berlinenses, continuam em terceiro, com 34 pontos ganhos.

A próxima partida do Werder Bremen será fora de casa, contra o Borussia M’gladbach, na próxima sexta-feira (5), no Borussia Park. Já o Hertha Berlin, recebe no Estádio Olímpico, a equipe do Borussia Dortmund, no próximo sábado (6).

A partida entre o Wolfsburg e Colônia, ficou mesmo no empate por 1 a 1. Com o resultado de hoje, os Lobos chegam a seis jogos sem vitória na competição. A torcida, que esperava uma bom resultado para recuperar a boa fase, saiu frustrada com o placar decepcionante.

Com o empate, o Wolfsburg chega a 27 pontos na tabela, sobe para o 7º lugar e segue em busca do Borussia M’gladbach, equipe que abre a zona de classificação para a Liga Europa. Já o Colônia estaciona na nona colocação com 25 pontos somados.

Os gols da partida foram marcados por Julian Draxler aos 67, para o Wolfsburg e Anthony Modeste para o Colônia, aos 75.

Na próxima rodada, o Wolfsburg visita o Schalke 04, na Veltins Arena, em Gelsenkirchen. Já o Colônia,  parte para mais um desafio fora de casa, desta vez contra o Hamburgo, na Imtech Arena.

Encerrando a 19ª rodada do Campeonato Alemão, o Bayern de Munique venceu o Hoffenheim por 2 a 0. Com o resultado, o Bayern de Munique mantém a distância de oito pontos (52) na liderança do Alemão para o segundo colocado Borussia Dortmund (44) enquanto que o Hoffenheim segue na zona de rebaixamento, em 17º lugar, com 14 pontos.

Com bela assistência de Douglas Costa, que se sente na sala de sua casa na Allianz Arena, Robert Lewandowski abriu o placar na Allianz Arena, aos 32 minutos.

O mesmo Lewandowski, fechou o placar aos 64, marcando o seu segundo gol na partida, com um passe de Philip Lahm dentro da área.

Na 20ª rodada, o Bayern de Munique visita o Bayer Leverkusen, na BayArena, enquanto o Hoffenheim recebe o Darmstadt 98.

Encerramos a 19ª rodada do Campeonato Alemão, aguardamos por você na próxima rodada, para juntos acompanharmos as emoções do melhor campeonato do planeta.

Auf wiedersehen! 

Veja os resultados da rodada e a tabela de classificação:
Temporada 2015/ 2016

19ª Rodada

Sex – 29.01.–17:30

Mainz 05 1 x 0 Borussia M’Gladbach
Sáb – 30.01.–12:30
Bayer Leverkusen 3 x 0 Hannover 96
Borussia Dortmund 2 x 0 Ingolstadt 04
Werder Bremen 3 x 3 Hertha Berlin
Darmstadt 98 0 x 2 Schalke 04
Augsburg 0 x 0 Eintracht Frankfurt

Sáb – 30.01.–15:30

VfB Stuttgart 2 x 1 Hamburgo

Dom – 31.01.–12:30 

Wolfsburg 1 x 1 1 FC Köln

Dom –31.01.–14:30

Bayern de Munique 2 x 0 1899 Hoffenheim

Classificação

Pos. Clube J V E D Gols Saldo Pontos Obs.
1 Bayern de Munique 19 17 1 1     50:9 41 52 CL*
2 Borussia Dortmund 19 14 2 3     52:24 28 44 CL*
3 Hertha Berlin 19 10 4 5     29:21 8 34 CL*
4 Bayer Leverkusen 19 9 4 6     29:21 8 31 CL* Qual.
5 Schalke 04 19 9 3 7     26:26 0 30 EL* Qual.
6 BorussiaM’Gladbach 19 9 2 8     35:34 1 29 EL* Qual.
7 Wolfsburg 19 7 6 6     29:25 4 27
8 Mainz 05 19 8 3 8     24:24 0 27
9 FC Köln 19 6 7 6     20:25 -5 25
10 Ingolstadt 04 19 6 5 8     12:20 -8 23
11 Hamburgo 19 6 4 9     21:27 -6 22
12 Augsburg 19 5 6 8     21:26 -5 21
13 Eintracht Frankfurt 19 5 6 8     24:30 -6 21
14 Darmstadt 98 19 5 6 8     19:29 -10 21
15 VfB Stuttgart 19 6 3 10     27:39 -12 21
16 Werder Bremen 19 5 4 10     23:36 -13 19 ZR
17 1899 Hoffenheim 19 2 8 9     18:28 -10 14 ZR*
18 Hannover 96 19 4 2 13     19:34 -15 14 ZR*
CL – Classificados diretamente para a Champions League 2014/2015
CL* Qual. – Classificado para torneio de qualificação da Champions League 2014/2015
EL* Qual. – Classificados para Liga Europa 2014/2015
ZR – Zona de repescagem – joga com 3º colocado da 2ª divisão
ZR* – Zona de rebaixamento para a 2ª divisão

#WeAreGermany

Siga o Batom e Futebol no Twitter, a casa do Futebol Alemão no Brasil:  ‏@Batom_efutebol

Follow the Batom and Futebol on Twitter, home of German Football in Brazil:  ‏@Batom_efutebol

São Paulo – Brasil – 23:03

Por Josy Galvão

 

A pedidos de Ancelotti, Bayern pode oferecer R$ 64,9 milhões por Khedira

Sami Khedira tem contrato com a Juventus até 2019, mas pode optar por retorno à Alemanha (Getty Images)Sami Khedira tem contrato com a Juventus até 2019, mas pode optar por retorno à Alemanha (Getty Images)

Com Carlo Ancelotti como o técnico do Bayern München para a próxima temporada, a equipe Bávara segue em busca de reforços para o novo comandante. De acordo com o jornal italiano Gazzetta dello Sport, o treinador deseja trazer o volante Sami Khedira, da Juventus, para reforçar o elenco da equipe alemã em 2016/2017.

O jornal Bild, da Alemanha, reporta que o time de Munique está disposto a pagar até 15 milhões de euros (R$ 64,9 milhões) pelo atleta, que tem como principal característica a sua forte marcação e vigor físico. Se contratado, ele disputaria a posição com Sebastian Rode, Xabi Alonso e Joshua Kimmich.

Há poucas horas de fechar o mercado de inverno europeu, o Bayern pode esperar até o último momento para fazer uma proposta oficial pelo meio-campista. Aos 28 anos, Khedira chegou do futebol da Espanha após ser transferido do Real Madrid, clube no qual viveu grande momento por cinco temporadas, até se machucar consecutivamente e ir parar no banco de reservas.

Sob contrato até 2019 com a Velha Senhora, o alemão de ascendência tunisiana deixou a Alemanha em 2010, quando ainda atuava no Stuttgart, para se juntar aos merengues. Carlo Ancelotti chega para assumir o comando do Bayern München após Pep Guardiola ter anunciado que não permaneceria com a equipe para os próximos anos.

Fonte:   http://www.foxsports.com.br/

São Paulo – Brasil – 23:00

Siga o Batom e Futebol no Twitter, a casa do Futebol Alemão no Brasil: @Batom_efutebol

Follow Batom and Futebol on Twitter, the home of German Football in Brazil:  @Batom_efutebol

Josy Galvão

Lewandowski: “Guardiola já sabe para onde ele vai”

Lewandowski: "Guardiola já sabe para onde ele vai"

Ninguém sabe qual clube Pep Guardiola vai defender na próxima temporada. Mas o atacante do Bayern de Munique, Robert Lewandowski acredita que existe alguém que já sabe o caminho do treinador: o próprio Pep Guardiola. O espanhol é alvo de Manchester City, Chelsea e Manchester United, mas só no devemos conhecer o seu destino no final desta temporada.  

“Eu sei que Pep pode melhorar uma equipe na Inglaterra. Eu acho que ele sabe para onde vai e sabe o que precisa fazer para que a forma desta equipe jogar seja melhor”, declarou o polonês ao The Daily Mail.  

“Ele vai se concentrar na técnica e, talvez, em dar mais posse de bola do que é normal na Inglaterra. Mas Pep sabe que a Premier League é diferente da Liga Espanhola e da Bundesliga e eu tenho certeza que ele pode fazer algo novo em termos de tática e técnica”, acrescentou.   

Pelo menos até o momento, uma coisa é certa: Guardiola não vai ficar no Bayern. E Lewandowski já está sofrendo com a saída do treinador, mas pretende fechar esse ciclo com a Tríplice Coroa para os Bávaros em 2015-16.  

“A primeira vez que eu ouvi a decisão de Pep, pensei que era uma vergonha. Mas depois disso, eu sabia que tinha vindo aqui para treinar e jogar e tenho certeza que vamos continuar na mesma direção com Pep até o fim da temporada. É importante para mim ter uma boa segunda metade de temporada. E se ganharmos alguma coisa, vamos celebrar com Pep”, finalizou. 

Fonte:    http://www.goal.com/br

São Paulo – Brasil – 22:52

Siga o Batom e Futebol no Twitter, a casa do Futebol Alemão no Brasil: @Batom_efutebol

Follow Batom and Futebol on Twitter, the home of German Football in Brazil:  @Batom_efutebol

Josy Galvão

Polivalente, Alaba revela em qual posição se sente mais confortável e fala do futuro

Alaba é um dos melhores laterais-esquerdos do mundo

David Alaba é um dos destaques do Bayern de Munique e um dos melhores laterais-esquerdos do mundo. No entanto, o austríaco também se destaca em outras duas posições.

Ele começou como meia, e até hoje joga nesta posição por sua seleção. No entanto, ele virou lateral-esquerdo no Bayern, e já jogou até como zagueiro com Pep Guardiola.

Em todas as posições, Alaba se sai bem, e sua versatilidade é elogiada. Mas em qual posição ele prefere atuar? O jogador revelou isso em entrevista ao AZ.

“Eu posso jogar em várias posições, até como zagueiro, mas não é minha posição favorita. Me sinto mais confortável como lateral-esquerdo ou no meio-campo, mas quero ajudar o time na posição em que o treinador me colocar”, afirmou.

“É claro que gostaria de ser o melhor meio-campista do mundo, todo o jogador quer ser o melhor. Eu vejo meu futuro no meio-campo, isso não é segredo, mas eu posso jogar em várias posições”, finalizou.

Fonte:    http://www.goal.com/br

São Paulo – Brasil – 00:44

Siga o Batom e Futebol no Twitter, a casa do Futebol Alemão no Brasil: @Batom_efutebol

Follow Batom and Futebol on Twitter, the home of German Football in Brazil:  @Batom_efutebol

Josy Galvão

Leverkusen bate o Hannover

o Bayer Leverkusen venceu o Hannover 96 por 3 a 0, em partida válida pela 19º rodada da Bundesliga 2015/2016. Kiessling e Chicharito (duas vezes) foram os autores dos gols do jogo, que teve como palco a BayArena, em Leverkusen.

Com o resultado, os Leões chegaram ao quarto confronto consecutivo sem derrota no nacional e assumiram a quarta colocação, com 31 pontos. Os comandados de Roger Schmidt voltam a campo no próximo sábado (06), quando recebem o Bayern de Munique.

O time do técnico Thomas Schaaf, por sua vez, conheceu sua quinta derrota em sequência no Campeonato Alemão e se manteve na lanterna do torneio, com 14 pontos somados. A equipe também volta a atuar no sábado, quando recebe o Mainz 05.

O Bayer Leverkusen usou a bola parada para chegar no ataque nos primeiros lances da partida. No primeiro minuto, após a cobrança de falta de Çalhanoglu, a zaga afastou mal e presenteou Bellarabi, que, da entrada da área, chutou cruzado pra fora, sem perigo. A resposta veio pouco depois. Aos 9, Sakai avançou e cruzou para Schmiedebach, que, da meia-lua, emendou um voleio direto pela linha de fundo, à esquerda da meta.

Aos poucos, a figura de Çalhanoglu começou a se sobressair. Aos 11 minutos, depois da cobrança de escanteio dele, Kiessling subiu mais alto que todo mundo e cabeceou na trave. Aos 13, o turco recebeu de Wendell e, de fora da área, finalizou rasteiro, no centro do gol, para tranquila defesa de Zieler.

Os visitantes não se acanharam. Aos 18 minutos, Hugo Almeida foi acionado às costas da zaga, ingressou na área e, para o desespero de Yamaguchi, que corria com relativa liberdade pelo outro lado, mandou uma bomba, acertando a rede pelo lado de fora. Aos 21, Schmiedebach cobrou escanteio fechado e por pouco não surpreendeu Leno, que se esticou todo e deu um tapa pra fora.

Aos 25 minutos, a falta era de longe. Çalhanoglu se encarregou da cobrança e mandou um chute venenoso, que Zieler conseguiu defender parcialmente. Depois do lance, as chances de gol rarearam. Os anfitriões não conseguiram furar a defesa rival e encontraram dificuldades em ultrapassar a intermediária de ataque. O Hannover 96, por outro lado, eventualmente conseguiu uma descida no território adversário.

Quando o primeiro tempo se encaminhava para o fim, porém, a rede balançou. Aos 43, após a cobrança de escanteio de Çalhanoglu, Kiessling foi mais uma vez soberano pelo alto e desviou para o barbante, sem chance para Zieler. Se foram neutralizados com a pelota no chão, os Leões contaram com o diferencial do seu camisa 10 na bola parada.

A segunda metade do jogo começou da mesma forma que a primeira acabou: com Bayer Leverkusen no ataque. Aos 6 minutos, Kampl conduziu a bola pela lateral da área, ajeitou para a canhota e bateu colocado, para boa defesa de Zieler. Aos 8, depois do escanteio, Bellarabi ficou com a sobra e concluiu mandando pra fora. Aos 11, Çalhanoglu recebeu de Bellarabi na área e mandou uma bomba que caprichosamente explodiu no travessão antes de acertar a trave.

Aos 15, pênalti para os Leões. Kiessling recebeu na área, tentou passar por dois marcadores mas foi parado com falta cometida por Sakai, que recebeu o cartão amarelo pelo lance. Na cobrança, bola para um lado, goleiro para o outro. Na batida à meia altura, Chicharito escolheu o canto esquerdo, acertando a parede da rede e ampliando a vantagem da sua equipe. 2 a 0.

O Hannover 96 se mostrou pouco incomodado com o placar. Em uma das raras chegadas da equipe na etapa complementar, aos 21 minutos, Hugo Almeida dominou na entrada da área e ajeitou para Hoffman, que arrematou muito fraco, facilitando o trabalho de Leno. Pouco depois, aos 29, Sakai dividiu com a zaga e levou a melhor: dentro da área, foi para o fundo e cruzou forte, mas parou na providencial intervenção do arqueiro rival.

Já nos lances derradeiros, Chicharito foi lançado por Kampl no campo de ataque. O mexicano pedalou pra cima de Marcelo, passou pelo brasileiro e, de frente para o gol, concluiu cruzado, de canhota, anotando o seu segundo tento no jogo e sacramentando a vitória do time de Roger Schmidt.

Fonte:     http://www.vavel.com/br

São Paulo – Brasil – 00:33

Siga o Batom e Futebol no Twitter, a casa do Futebol Alemão no Brasil: @Batom_efutebol

Follow Batom and Futebol on Twitter, the home of German Football in Brazil:  @Batom_efutebol

Josy Galvão

Mainz vence Borussia M’gladbach e entra na briga por vagas em torneios europeus

Na abertura da 19ª rodada do Campeonato Alemão, o Mainz aproveitou o fato de jogar em casa e se aproximou da briga pela vaga na Champions League. Em confronto direto pelas primeiras posições, na Coface Arena, a equipe venceu o Borussia Mönchengladbach por 1 a 0.

Com o resultado, o Mainz chegou a 27 pontos e assumiu a sexta colocação, posição que dá a vaga para a fase eliminatória para Europa League. Com 29 pontos, o Borussia segue na quarta posição, mas pode ser ultrapassado no complemento da rodada.

O gol do jogo foi marcado ainda no primeiro tempo, aos 21 minutos, com Clemmens. Jairo Samperio brigou pela bola no meio de campo e encontrou o alemão na entrada da área. Ele acertou um belo chute, sem chances para o goleiro Sommer.

No segundo tempo, o Borussia teve duas boas chances de conseguir o empate. A principal delas aos 26 minutos. Wendt foi até a linha de fundo e cruzou. Stindl tentou de cabeça, a bola foi rebatida e sobrou nos pés de Raffael, que mandou para o gol, mas o goleiro Karius apareceu no último instante para fazer a defesa e manter a vantagem para o time da casa.

Na próxima rodada, o Mainz joga fora de casa, no próximo sábado (6). Já o Borussia Mönchengladbach, na sexta-feira (5), vai receber o Werder Bremen.

Fonte:    http://espn.uol.com.br/

São Paulo – Brasil – 00:16

Siga o Batom e Futebol no Twitter, a casa do Futebol Alemão no Brasil: @Batom_efutebol

Follow Batom and Futebol on Twitter, the home of German Football in Brazil:  @Batom_efutebol

Josy Galvão

Reus faz consulta com ex-médico do Bayern Munique

O craque do Borussia Dortmund, Marco Reus, foi de jatinho particular para Munique nesta quinta-feira para fazer um consulta com o ex-médico do Bayern Munique, Dr. Müller-Wohlfahrt, razão pela qual faltou ao treino do Borussia Dortmund de hoje.

A informação foi prestada pelo jornal Bild que apressou-se em explicar que a viagem de Reus não foi causada por uma contusão inesperada, mas sim com o objetivo de realizar-se um check-up geral ortopédico. Durante a consulta foi feita uma primeira avaliação do sistema locomotor. Outras consultas já foram marcadas com o objetivo de que ao final de todos os exames, haja um quadro completo das atuais condições físicas do jogador.

Especula-se em Munique que o Dr. Müller-Wohlfahrt deverá voltar ao Depto. Médico do Bayern assim que Pep Guardiola deixar o clube em junho deste ano. O médico e sua equipe haviam pedido demissão dos seus cargos no atual campeão alemão  em abril de 2015 após um desentendimento com o técnico catalão que havia responsabilizado o Depto. Médico pela derrota diante do Porto (1:3) nas quartas de final da Champions League na temporada passada.

Mesmo não exercendo atualmente nenhum cargo no Bayern, alguns jogadores do clube bávaro, como Arjen Robben e Manuel Neuer por exemplo, fazem consultas regulares com o Dr. Müller-Wohlfahrt, considerado um dos maiores especialistas do mundo em ortopedia.

Enquanto isso, o Borussia Dortmund confirmou que Marco Reus fará parte do elenco que jogará neste sábado contra o Ingolstadt.

Por Gerd Wenzel

Fonte:   http://www.bundesliga.com.br/

São Paulo – Brasil –00:11

Siga o Batom e Futebol no Twitter, a casa do Futebol Alemão no Brasil: @Batom_efutebol

Follow Batom and Futebol on Twitter, the home of German Football in Brazil:  @Batom_efutebol

Josy Galvão

Guardiola revela ter jogadores ‘acima do peso’ no Bayern e cobra profissionalismo

Josep Guardiola durante treino do Bayern de Munique
Josep Guardiola durante treino do Bayern de Munique
Na última quinta-feira, a revista Kicker lançou uma bomba no futebol alemão com um depoimento de um jogador do Bayern de Munique dizendo que o clima dentro do vestiário não era bom e revelando cobranças do técnico Josep Guardiola.

Nesta sexta, o treinador espanhol garantiu que a atmosfera é “muito boa” dentro do time, mas admitiu que alguns atletas estão acima do peso (sem revelar os nomes) e cobrou profissionalismo dos líderes do Campeonato Alemão.

Guardiola, que deixará o atual campeão da Bundesliga ao final desta temporada, disse que tais jogadores precisam ficar em Munique nos dias de descanso, sem fazer viagens longas, para que o foco fique apenas nas competições.

“Alguns jogadores estavam acima do peso, e é por isso que eu disse que nós precisamos ser mais profissionais”, falou o técnico em entrevista coletiva. “Nós temos conselheiros nutricionais que mantêm um olho no peso dos atletas, é como em qualquer lugar. Você não pode ganhar títulos quando os jogadores não são profissionais”.

“Eu também falei com o capitão Philipp Lahm e (o diretor esportivo) Matthias Sammer e disse que não é bom se os jogadores viajam nas semanas em que nós temos apenas um jogo, eles precisam descansar. Estou aqui apenas para fazer o que é melhor para meus atletas, é isso. Eu só quero que eles estejam felizes e saudáveis, nós fazemos absolutamente tudo por eles. Nós falamos com eles sobre o quão importante a nutrição e o sono são. Se você não olhar para isso, você não pode ganhar muitos títulos”.

 

Fonte:    http://espn.uol.com.br/

São Paulo – Brasil – 00:01

Siga o Batom e Futebol no Twitter, a casa do Futebol Alemão no Brasil: @Batom_efutebol

Follow Batom and Futebol on Twitter, the home of German Football in Brazil:  @Batom_efutebol

Josy Galvão

Neymar e o Fisco: a bola fora do craque

Marcação cerrada - O ídolo do Barcelona pode se tornar réu na Justiça brasileiraMarcação cerrada – O ídolo do Barcelona pode se tornar réu na Justiça brasileira(Matthew Ashton/AMA/Getty Images)

Aos 23 anos, Neymar está no auge da carreira. Há três semanas, ficou pela primeira vez entre os três melhores do mundo, feito que nenhum jogador brasileiro tinha alcançado nos últimos oito anos. Em oito meses, no ataque do Barcelona, conquistou a Liga espanhola, a Copa do Rei, a Liga dos Campeões e o Mundial de Clubes. Na seleção, já é o quinto maior goleador da história, com 46 gols. Isso tudo dentro de campo. Fora dele, o atacante tem colecionado uma derrota atrás da outra. Na Espanha, é alvo de dois processos, um cível e o outro criminal, acusado de corrupção e estelionato em uma investigação que apura se ele forjou contratos para esconder parte do dinheiro que recebeu ao trocar o Santos pelo Barcelona.

Segundo a estimativa do Fisco espanhol, o brasileiro deixou de pagar 9 milhões de euros (39,4 milhões de reais, no câmbio atual) em impostos. Nesta semana, ele deve depor na Justiça espanhola sobre as acusações na área penal. No Brasil, os problemas também estão no seu encalço. Em setembro, a Justiça determinou o bloqueio de 188,8 milhões de reais do jogador, valor da multa aplicada pela Receita por sonegação de impostos entre 2011 e 2013 em contratos com o Santos, com empresas para fazer publicidade e na transação que o levou para a Espanha. Mas o golpe mais duro contra o maior astro do futebol brasileiro veio na semana passada. O Ministério Público Federal denunciou à Justiça Neymar e seu pai e empresário, Neymar Santos, sob as acusações de falsidade ideológica e sonegação fiscal. Além dos dois, foram denunciados o ex-presidente do Barcelona Sandro Rosell e o atual, Josep Maria Bartolomeu. A pena para esses dois crimes pode chegar a cinco anos de prisão.

De acordo com a denúncia sigilosa feita pelo procurador Thiago Lacerda Nobre na quarta-feira passada, a que VEJA teve acesso com exclusividade, Neymar pai e Neymar filho criaram empresas de fachada e adulteraram documentos para pagar menos impostos. O mecanismo utilizado é simples: para escaparem dos 27,5% da mordida do Leão sobre pessoas físicas, o jogador e seu pai criaram empresas para receber a maior parte de seu salário no Santos e dos contratos de publicidade e, assim, pagar uma alíquota menor, o que significou um abatimento de mais de 50% no imposto a pagar. Em seis anos, eles abriram três empresas: a Neymar Sport e Marketing, a N&N Consultoria Esportiva e a N&N Administração de Bens. Nenhuma delas, segundo a denúncia da Procuradoria, possuía “capacidade econômico-financeira, gerencial ou operacional” para administrar a carreira de Neymar – os sócios eram o pai e a mãe de Neymar e havia apenas dois funcionários, que trabalhavam como seguranças. De 2010 a 2013, Neymar recebeu 43,78 milhões de reais do Santos, mas só 8,1 milhões em forma de salário, como pessoa física. O restante foi por meio dos “contratos de imagem” firmados com suas empresas. Apenas em 2011, as companhias dos Neymar também selaram ao menos onze contratos com patrocinadores, que somaram quase 75 milhões de reais. Afirma o procurador, que trabalhou em conjunto com a Receita Federal: “Fica muito claro que Neymar e seu pai constituíram as empresas com o único objetivo de receber por elas os valores dos contratos e assim pagar menos impostos”. A assessoria de Neymar disse que ele e seu pai não vão se manifestar, pois não foram notificados e não têm ciência dos fatos.

AS ACUSAÇÕES CONTRA O PAI DE NEYMAR - Empresário do atacante, Neymar Santos ocupa lugar de destaque na denúncia do Ministério Público. Ele é suspeito de ser o principal organizador da estratégia utilizada para pagar menos impostos, ao transferir os ganhos da pessoa física para a jurídica, e de adulterar contratos para incluir dados que não existiam na época em que foram firmados
AS ACUSAÇÕES CONTRA O PAI DE NEYMAR – Empresário do atacante, Neymar Santos ocupa lugar de destaque na denúncia do Ministério Público. Ele é suspeito de ser o principal organizador da estratégia utilizada para pagar menos impostos, ao transferir os ganhos da pessoa física para a jurídica, e de adulterar contratos para incluir dados que não existiam na época em que foram firmados(VEJA.com/VEJA)

O caso de Neymar é o mais ruidoso, seja pelos valores, seja por envolver o mais brilhante jogador de futebol do país na última década, porém está longe de ser o único. A marcação sobre esse tipo de arranjo tem se tornado mais cerrada nos últimos anos, mas sempre existiu. No ataque, a Receita, que no caso do craque do Barcelona e da seleção brasileira fez tabelinha com o Ministério Público. Na defesa, advogados tributaristas que alegam tratar-se de uma prática legítima.

Entre 2012 e 2015, outros 88 jogadores foram autuados pela Receita Federal. Afirma Kleber Cabral, vice-presidente da Associação Nacional dos Auditores Fiscais da Receita Federal do Brasil (Unafisco): “Nesses casos, acreditamos que o direito de imagem foi utilizado para substituir o salário do jogador. Assim, tanto o atleta quanto o clube pagam menos impostos. Só que, na verdade, há uma relação trabalhista mascarada como prestação de serviços”.

Os tributaristas contrários à interpretação da Receita afirmam que o principal problema é a rigidez do Fisco na análise da legislação. Diz Felipe Dutra, professor do Ibmec: “A discussão correta é: faz sentido ou não que a empresa exista? Se o jogador nunca usou sua imagem fora do gramado, não. Mas Neymar é uma grife, com contratos de publicidade, que traz rendimentos para o clube. Pode alegar, com razão, que precisa de uma estrutura empresarial para melhorar a gestão de sua marca”. Um empecilho para essa interpretação é o fato de as empresas em questão não terem nenhuma estrutura. Afirma o advogado Felipe Ferreira Silva, autor do livro Tributação no Futebol: Clubes e Atletas: “Sem funcionários, colaboradores ou sede, não há como provar o propósito negocial da empresa. Hoje em dia é comum, inclusive em outros países, que os fiscos cobrem multas e impostos quando as firmas são constituídas com o fim único de reduzir ou não pagar tributos”.

É por isso que, ao lado de Neymar, outros craques que entrariam facilmente numa seleção dos melhores do mundo também enfrentam problemas na Justiça. No gol está o ex-goleiro do Real Madrid Iker Casillas, hoje no Porto: em 2014, ele fez um acordo com a Receita espanhola e pagou 2 milhões de euros por “discrepância na interpretação das normas”. O meio-­campo é formado por Xabi Alonso, do Bayern de Munique, investigado por crimes fiscais por usar empresas no exterior para receber direitos de imagem entre 2010 e 2012, quando jogava no Real Madrid, e pelo argentino Javier Mascherano, volante do Barcelona, condenado na semana retrasada a um ano de prisão e a pagar uma multa de 815 000 euros por sonegar 1,5 milhão de euros entre 2011 e 2012. No ataque, ao lado de Neymar, encontra-se o argentino Lionel Messi, acusado, juntamente com o pai, de fraudes fiscais entre 2007 e 2009 que somariam 4,1 milhões de euros. No julgamento, que começa em maio, o Ministério Público pedirá pena de 22 meses de prisão, além de pagamento de multa sobre o valor devido.

Os problemas do atacante brasileiro não se resumem à interpretação da Receita. Ele também é acusado pelo Ministério Público Federal de fraudar documentos para pagar menos tributos. Em vários casos, a investigação constatou que os contratos das empresas de Neymar com o Santos e com patrocinadores são anteriores à criação delas. Funcionava assim, segundo a denúncia: o atacante e seu pai fechavam o contrato entre a sua empresa e as outras partes, mesmo antes de ela ter sido registrada e ter um CNPJ. Depois, quando esses documentos já haviam sido obtidos, eles inseriam os dados nos contratos com data anterior. Um exemplo: em 10 de maio de 2006, uma das empresas, a Neymar Sport, fechou um contrato com o Santos para a exploração do direito de imagem do craque, em que já constava o seu CNPJ. O problema é que esse número ainda não existia – ele só foi emitido doze dias depois, em 22 de maio. Conclui o procurador na denúncia: “Trata-se de documento antedatado e cujos negócios jurídicos foram simulados”.

Um dos grandes lances da investigação é a parte referente à venda de Neymar para o Barcelona, uma negociação que foi anunciada com o valor de 57 milhões de euros, mas que na verdade envolveu cerca de 90 milhões de euros. A investigação reconstituiu passe a passe os bastidores do acerto. Em 6 de dezembro de 2011 – quando Neymar ainda tinha contrato com o Santos até agosto de 2015 e o Barcelona estava proibido pela Fifa de contratar jogadores por ter negociado com menores de 18 anos -, o clube espanhol fez um contrato com uma de suas empresas, a N & N Consultoria, para conceder um “empréstimo” de 10 milhões de euros. Na época, a N & N não tinha nenhum funcionário e nenhum centavo de capital social. Alguns dias depois, o então presidente do Santos escreveu uma carta em que encurtava o contrato de Neymar para julho de 2014, quando ele se tornaria free agent, ou seja, não precisaria pagar mais nada ao Santos nem aos detentores de seu passe. Coincidentemente, a mesma data acertada com o Barcelona para a transferência do atacante ao clube. O dinheiro saiu, sem avalista nem garantia, no dia 15 de fevereiro do ano seguinte. Não só jamais foi pago como, a título de “indenização”, a N & N recebeu outros 30 milhões de euros, por outro contrato, pagos em 2013 e 2014. Para o Ministério Público, nunca houve empréstimo ou indenização, mas apenas uma “mera simulação” para esconder um adiantamento do Barcelona ao jogador a fim de garantir a sua transferência dali a três anos. Ouvido em depoimento pelo procurador, o pai de Neymar foi de uma sinceridade ausente do futebol desde os tempos em que os jogadores davam entrevistas sem treinamento de especialistas para repetir que “o grupo está unido” e “nosso principal objetivo é sair daqui com os 3 pontos”. Explicou Neymar pai: “Sabe o que o Barcelona está fazendo agora? O Barcelona ficou dois anos sem poder contratar (punido pela Fifa por negociar jogadores menores de 18 anos). Sabe qual a gerência que eles estão estudando? A nossa”. E continuou: “É só não registrar, não tem problema. Eu não registro, mas eu posso fazer um contrato e executo lá na frente”. O arremate vem em seguida: “Você quer esse moleque? Não, só entrego daqui a dois anos. Adianta uns ’10 milhão aí’, como a título de empréstimo, legaliza”. A jogada tinha tudo para ser um golaço, mas pode se transformar na maior bola fora da carreira do craque. E quem sabe ajudar a limpar um dos últimos campos onde a corrupção ainda corre solta, os gramados de futebol.

Fonte:    http://veja.abril.com.br/

São Paulo – Brasil – 23:51

Siga o Batom e Futebol no Twitter, a casa do Futebol Alemão no Brasil: @Batom_efutebol

Follow Batom and Futebol on Twitter, the home of German Football in Brazil:  @Batom_efutebol

Josy Galvão

Borussia Dortmund desapontado: Oliver Torres fica no Atletico Madrid

 

O jornal espanhol Marca informa que o “objeto dos desejos” do Borussia Dortmund, o meia atacante Oliver Torres, vai ficar no Atletico Madrid mesmo. De acordo com matéria publicada nesta sexta-feira, o técnico Diego Simeone convenceu o jogador a ficar nos “Colchoneros”. Anteriormente houve muita especulação, tanto em Madrid como em Dortmund, de que o jogador da seleção espanhola sub-21 estava acertado com o clube Auri-negro.

Sky Italia chegou a informar que Torres já estava acertado com o Borussia para assinar um contrato até 2020 e que só faltavam pequenos detalhes para fechar o negócio. Em Dortmund, fontes fidedignas dão conta que o atual vice-líder do campeonato alemão estaria disposta a desembolsar 24 milhões de Euros (aproximadamente R$ 110 milhões) pelo jogador.

Por Gerd Wenzel

Fonte:   http://www.bundesliga.com.br/

São Paulo – Brasil – 23:39

Siga o Batom e Futebol no Twitter, a casa do Futebol Alemão no Brasil: @Batom_efutebol

Follow Batom and Futebol on Twitter, the home of German Football in Brazil:  @Batom_efutebol

Josy Galvão