Presidente da Bavária breca saída de Thomas Müller para o Manchester United: ‘Não sai’

Estou sempre em contato com a diretoria do Bayern, e sei que lá ninguém votaria por sua saída. Ele é muito querido aqui em Munique, afirmou Edmund Stoiber (Getty Images) Estou sempre em contato com a diretoria do Bayern, e sei que lá ninguém votaria por sua saída. Ele é muito querido aqui em Munique, afirmou Edmund Stoiber (Getty Images)

Em julho de 2015, o Manchester United desembolsou 9 milhões de euros (cerca de R$ 33 milhões) e trouxe Bastian Schweinsteiger para a equipe. Quase um ano e meio depois, o clube inglês prepara uma proposta de 94 milhões de euros (R$ 326,6 milhões) para levar outro jogador do clube Bábavaro para o Old Trafford. Trata-se do atacante Thomas Müller, um dos maiores símbolos da equipe, que poderia sair em janeiro. A popularidade do atacante em Munique porém é tão, que nem mesmo o presidente da Bavária vai permitir sua saída. A notícia é trazida pelo jornal alemão Bild nesta quarta-feira (30 de novembro).

A pretensão dos Diabos Vermelhos em contar com Müller no plantel é antiga. No início da temporada passada, em agosto, o United chegou a oferecer 60 milhões de euros (cerca de R$ 239,8 milhões) pela transferência, mas o negócio acabou não indo adiante.

Müller vive o seu pior início de campanha na Bundesliga. Com dez rodadas já disputadas, o atacante ainda não marcou um gol sequer. No tetracampeonato, na última temporada por exemplo, o meia já tinha anotado 10 gols no mesmo período.

O Manchester, por sua vez, está em busca de mais uma peça-chave para o ataque, já que no momento conta somente com Zlatan Ibrahimovic, que aos 35 anos, renovou contrato por apenas mais uma temporada, e não deve permanecer mais por muito tempo e Wayne Rooney, que aos 31 anos, está em uma descente na carreira. As demais opções ainda são jovens, como Marcus Rashford, que tem apenas 19 anos.

Em declaração ao Bild, Edmund Stoiber, que ocupa o cargo de presidente da Bavária, afirmou que as chances de Müller são bem pequenas: “Estou sempre em contato com a diretoria do Bayern, e sei que lá ninguém votaria por sua saída. Ele é muito querido aqui em Munique”.

Perguntado sobre a situação de Schweinsteiger, que rumou para o clube inglês, Stoiber foi claro: “Bastian (Schweinsteiger) já tinha 32 anos e queria sair. São situações diferentes. Ele já era experiente e buscava novos rumos na carreira”.

O Bayern de Munique ocupa a vice-liderança do Campeonato Alemão com 27 pontos, três atrás do surpreendente líder, o RB Leipzig. Na próxima sexta-feira (02 de dezembro), a equipe encara o Mainz 05, fora de cada, pela 13ª rodada da Bundesliga.

Fonte:     http://www.foxsports.com.br/

São Paulo – Brasil – 23:31

Siga o Batom e Futebol no Twitter, a casa do Futebol Alemão no Brasil: @Batom_efutebol

Follow Batom and Futebol on Twitter, the home of German Football in Brazil:  @Batom_efutebol

Siga o Batom e Futebol no Facebook, a casa do Futebol Alemão no Brasil:https://www.facebook.com/BatomeFutebol

Follow Batom and Futebol on Facebook, the home of German Football in Brazil: https://www.facebook.com/BatomeFutebol

Josy Galvão

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: