Borussia Dortmund marca no fim, arranca empate com o Real e é o 1º do grupo

Em noite inspirada de Marco Reus, o Borussia Dortmund arrancou o empate com o Real Madrid, por 2 a 2, no estádio Santiago Bernabéu, nesta quarta-feira, e garantiu o primeiro lugar do Grupo F da Liga dos Campeões. O meia-atacante brilhou ao salvar uma bola na linha do gol, na pequena área, e também ao marcar o suado gol de empate, aos 44 minutos do segundo tempo, na Espanha.

Os dois times entraram em campo já garantidos na fase de mata-mata da competição europeia. Mas, com o resultado, o Borussia sustentou a primeira colocação do grupo, agora com 14 pontos, deixando o Real em segundo, com 12. Curiosamente, os dois times também empataram por 2 a 2 no jogo disputado na Alemanha, no início desta fase de grupos da Liga.

Na outra partida da chave, o Legia Varsóvia derrotou o Sporting por 1 a 0, na Polônia, e assegurou a terceira colocação, garantindo-se na fase de mata-mata da Liga Europa. O time português está fora das competições europeias desta temporada.

Por se classificar em segundo lugar do grupo, o Real poderá cruzar com o primeiro colocado de outra chave. Os confrontos das oitavas de final serão definidos por sorteio, na manhã da próxima segunda-feira.

O JOGO – Como vem acontecendo nesta rodada final da fase de grupos da Liga, o jogo em Madri foi precedido de breve homenagem às vítimas da tragédia da Chapecoense. Antes do apito inicial, os dois times se abraçaram no centro do gramado e fizeram um minuto de silêncio enquanto telão do estádio exibia a imagem do time catarinense, seu escudo e a mensagem “Força, Chape”.

Passado o minuto de silêncio, o Real fez a torcida espanhola se empolgar com boas chances de gol no início do jogo. O primeiro lance surgiu em chute de Benzema aos nove minutos, com grande defesa do goleiro Roman Weidenfeller. Aos 17, Cristiano Ronaldo tabelou com James Rodríguez, que, na pequena área, bateu em cima do goleiro.

Apenas dois minutos depois, Marcelo iniciou jogada com Benzema e a bola sobrou novamente par James, que arriscou chute rasteiro de fora da área e parou novamente em Weidenfeller, melhor jogador do Borussia em toda a partida. Após muito insistir, o Real abriu o placar aos 27 minutos. Casemiro lançou Carvajal, que cruzou rasteiro para Benzema escorar para as redes.

Dominado pelo Real no primeiro tempo, o Borussia praticamente só levou perigo em uma jogada na etapa inicial. Foi aos 38, quando Schürrle cobrou falta e a bola desviou na barreira. O goleiro Keylor Navas preciso se esticar para fazer uma bela defesa.

Depois de assumir uma postura mais passiva no primeiro tempo, o time alemão voltou mais ofensivo para a segunda etapa. E isso ficou claro logo aos três minutos, quando Dembele entrou na área com tudo e bateu rasteiro, já caindo no gramado. A bola passou rente à trave esquerda de Navas. Na sequência, Castro perdeu outro gol incrível, ao errar em bola, ao completar cruzamento da direita.

O Borussia permanecia no ataque, mas quem balançou as redes em seguida foi o Real. Num lance de vilão e herói, Benzema desperdiçou chance incrível cara a cara com Weidenfeller aos 7 minutos. Mas, no rebote, James levantou na área e o próprio atacante francês se redimiu com cabeçada certeira nas redes.

Com 2 a 0 no placar, o confronto parecia definido. Até que o Borussia descontou aos 14. Weigl lançou para Schmelzer, que cruzou da esquerda para a área. Aubameyang não perdoou e mandou para o gol.

Era o lance que faltava para esquentar o jogo de vez. A partida daí, o confronto ganhou ares de duelo franco, com ataques perigosos para os dois lados. Sob pressão na defesa, o Real tentava surpreender nos contra-ataques. Assim, só não anotou o terceiro aos 23 porque Reus tirou em cima da linha. O meia ainda teria seu momento de herói minutos depois.

Antes disso, porém, a torcida alemã presente no Santiago Bernabéu sofreria com mais uma oportunidade desperdiçada. Aos 32, foi a vez do craque Cristiano Ronaldo perder chance impressionante. Sozinho dentro da área, cara a cara com Weidenfeller, ele bateu rasteiro e acertou o pé da trave.

Se o Real tinha dificuldade para sacramentar a vitória, o Borussia seguia ameaçando. E, aos 44 minutos, tratou de buscar o empate em contra-ataque. Reus, que já havia salvado o time na defesa, brilhou no ataque ao completar cruzamento de Aubameyang. Nos acréscimos, o mesmo Aubameyang sofreu falta dentro da área, mas o árbitro ignorou a penalidade, mantendo o empate no placar.

Fonte:    http://istoe.com.br/

São Paulo – Brasil – 23:26

Siga o Batom e Futebol no Twitter, a casa do Futebol Alemão no Brasil: @Batom_efutebol

Follow Batom and Futebol on Twitter, the home of German Football in Brazil:  @Batom_efutebol

Siga o Batom e Futebol no Facebook, a casa do Futebol Alemão no Brasil:https://www.facebook.com/BatomeFutebol

Follow Batom and Futebol on Facebook, the home of German Football in Brazil: https://www.facebook.com/BatomeFutebol

Josy Galvão

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: