Herzlichen Glückwunsch, Angela Merkel, a “Mutti”, completa 63 anos

Angela Dorothea Merkel nasceu em Hamburgo em 17 de Julho de 1954. Desde 2005  é a Chanceler da Alemanha, e líder do partido União Democrata-Cristã (CDU) desde 2000.

A mulher mais poderosa do mundo faz aniversário hoje: Angela Merkel, chanceler da Alemanha, o país que impulsiona a economia da Europa. Merkel, que chega aos 63 anos hoje, tem nas mãos alguns dos maiores problemas da atualidade para resolver – da crise dos refugiados do velho continente, a maior desde a Segunda Guerra Mundial, até as negociações com a saída do Reino Unido da União Europeia, apenas para citar os mais discutidos pela mídia.

Merkel disse aos eleitores no último sábado (15) que a decisão do Reino Unido de deixar a União Europeia e a eleição de Emmanuel Macron à presidência da França mudaram sua visão sobre o bloco europeu. Disse ainda que vale a pena lutar por uma Europa mais forte.

Os comentários de Merkel, feitos em um discurso na cidade de Zingst dois meses antes da eleição alemã, revelam sua determinação pessoal de aprofundar a integração europeia se ela for reeleita por um quarto mandato.

Merkel disse que a decisão do Brexit no ano passado e as eleições na França e na Holanda, nas quais os partidos pró-europeus derrotaram os candidatos populistas, mudaram sua perspectiva.

 

“Para muitas pessoas, incluindo eu mesma, algo mudou quando vimos os britânicos quererem sair [da União Europeia], quando estávamos preocupados com o resultado das eleições na França e na Holanda”, disse Merkel aos eleitores.

A chanceler de centro-direita admitiu que a União Europeia estava longe de ser perfeita e que Bruxelas às vezes era muito burocrática.

 

Muitos homens tremem só de pensar nas responsabilidades da chanceler, porém Merkel continua levando sua vida normalmente, e encontra tempo até para fazer atividades comuns do dia a dia, como preparar o café da manhã para o marido, o professor de química quântica Joachim Sauer, e assistir a jogos de futebol pela televisão, principalmente quando os alemães estão em campo.

Angela Merkel, a mulher mais poderosa do mundo – Créditos: Getty Images

Confira algumas curiosidades sobre a “Dama de Ferro Alemã”!

O primeiro juramento! “Eu quero servir a Alemanha”. A promessa foi feita por Angela Merkel no dia 22 de novembro de 2005, quando tomou posse como chanceler. Depois da vitória apertada nas eleições gerais, ela se tornou a primeira mulher e a primeira alemã da antiga parte oriental a ocupar o cargo. Merkel se tornou a chefe de governo, comandado pela grande coalizão formada entre os partidos CDU, CSU e SPD.

Bundeskanzlerin Angela Merkel (CDU) wird am 22.11.2005 im Deutschen Bundestag in Berlin durch Bundestagspräsident Norbert Lammert vereidigt. Foto: Guido Bergmann (dpa)

 

O estilo Merkel de ser: O estilo rígido de Merkel é a marca registrada dela e também uma de suas características que mais agradam os alemães, que a chamam pelo apelido “Mutti”, que quer dizer mamãe, em português.

Mutti, o apelido de Angela Merkel – Créditos: Getty Images

Merkel não costuma tomar decisões facilmente. Aliás, a aversão dela ao risco vem de longa data. Aos nove anos, durante uma aula de natação, ela certa vez ficou parada por mais de 45 minutos sobre um trampolim até finalmente decidir mergulhar, minutos antes do fim da aula.

Angela Merkel –  Créditos: Getty Images

Formada em Física e com doutorado em Química Quântica, Merkel é analítica ao extremo, o que explica a dificuldade em tomar decisões rápidas. Muita gente, no entanto, atribui o sucesso dela na política a essa característica. Conhecida por pensar de forma objetiva, não previu a catástrofe nuclear de Fukushima, no Japão. Denfensora da política nuclear na Alemanha, Merkel mudou de posição em tempo recorde. A extensão do prazo de funcionamento das usinas foi suspenso e a Alemanha iniciou o processo de colocar fim ao uso da energia nuclear.

Merkel besucht den Windpark Baltic 1 (02.05.2011) Foto: Guido Bergmann (AFP)

Angela Merkel –  Créditos: Getty Images

Merkel espiã? Foi por pouco que ela quase se tornou uma espiã. No fim dos anos 1970, Merkel se candidatou para uma vaga de assistente de professora em uma escola de engenharia da Alemanha, e durante o processo seletivo acabou sendo convidada para trabalhar na Stasi, a polícia secreta da ex Alemanha Oriental. Ela recusou a oferta, alegando ser muito desajeitada. Se tivesse aceitado, dificilmente teria futuro na política, já que o passado como espiã da polêmica organização seria um grande problema.

Angela Merkel –  Créditos: Getty Images

Merkel também já teve seus momentos de baixo astral. Após se divorciar do primeiro marido, em 1982, ela foi morar em condições precárias em um apartamento ilegal no centro de Berlim. Em seu aniversário de 30 anos, ela recebeu a visita do pai, um pastor luterano, e ouviu dele que não tinha vencido na vida.

Angela Merkel –  Créditos: Getty Images

Disciplina é o seu nome do meio. Extremamente disciplinada, Merkel não se dá ao luxo de abrir exceções em sua rotina mesmo em ocasiões especiais. A prova disso é que na noite em que o muro de Berlim foi derrubado, em novembro de 1989, ela visitou uma sauna, como fazia regularmente, depois deu uma volta no quarteirão, bebeu uma cerveja enquanto olhava o movimento nas ruas e foi para casa, já que precisava trabalhar no dia seguinte. A maioria dos alemães passou a noite em claro, celebrando o momento histórico. O mais perto que ela esteve de um momento de farra noturna foi na época da faculdade, quando trabalhava como bartender nas festas disco organizadas pelos estudantes.

Angela Merkel –  Créditos: Getty Images

Merkel e as prendas do lar! Além do talento para a política, Merkel também é cozinheira de mão cheia, e expert em bolo de ameixa. A chanceler cozinha em casa sempre que pode e já confessou preparar o pequeno-almoço do marido. É aliás na cozinha que Merkel diz refugiar-se das obrigações do poder. “É claro que há momentos em que esqueço que sou chanceler. Não sinto que sou chanceler quando estou a mexer uma panela”, admitiu perante uma plateia feminina em Berlim. As suas especialidades na cozinha são sopa de batata, rolo de carne e tarte de ameixa. Ela também costuma comprar os próprios alimentos em supermercados de bairro, e sempre paga a conta em dinheiro. Ao ex-presidente da Nigéria, Goodluck Jonathan, ela confidenciou certa vez que prepara o café da manhã para o marido todos os dias. A chanceler é casada com o químico Joachim Sauer e não tem filhos. Seu sobrenome marcante – Merkel – é herança do primeiro marido, com quem foi casada entre 1982 e 1997. Criada no leste comunista, ela nasceu em 1954 em Hamburgo, na Alemanha Ocidental. Poucos anos depois, a família mudou-se para a Alemanha Oriental, onde viveu até a queda do muro de Berlim, em 1989.

Bolo de ameixa, especialidade de Angela Merkel, e a chanceler ao lado de seu marido,

Bolo de ameixa, especialidade de Angela Merkel, e a chanceler ao lado de seu marido, o professor de química quântica Joachim Sauer – Créditos: Divulgação

Quem tem medo de Putin? Como ninguém é de ferro, Merkel também tem seus medos. Ou cinofobia, no caso dela, que é o medo irracional de cachorros. Em uma visita de estado ao presidente da Rússia, Vladimir Putin, em 2007, ela foi apresentada à cadela dele, Koni. Putin fez questão de que o momento fosse registrado pelos fotógrafos, e exibiu certo prazer em ver Merkel sem saber como reagir ao canino. “O medo de cães [de Merkel] não pode ter escapado a Putin, que estava recostado a desfrutar do momento, de pernas abertas”. O presidente teria dito: “Estou certo de que ela se vai portar bem”, ao que Merkel respondeu em russo: “Pois, não come jornalistas, apesar de tudo”. Putin desmentiu que trazer o seu cão para a reunião em Sochi tenha sido uma opção propositada para assustar a chanceler. “Eu só lhe mostrei a minha cadela porque achei que ela ia gostar”, afirmou, quando lhe perguntaram sobre o incidente, citado pelo jornal The Telegraph. “Mais tarde expliquei-lhe isso e pedi desculpa”. Merkel terá tentando controlar-se, mas desde aí, sempre que visita a Rússia é recebida por Putin… e pelos seus cães.

HORIZONTAL|BER111,

Angela Merkel em visita ao presidente da Rússia, Vladimir Putin: ai que medo da Koni – Créditos: Getty Images

Merkel tem um gesto muito próprio: Colocar as mãos em forma de diamante é a arma secreta da chanceler quando tira as fotos de família em cimeiras e reuniões de alto nível ou então em momentos mortos. A própria Angela Merkel já admitiu que o gesto é inadvertido e que o faz quando não sabe o que fazer com as mãos. Este gesto foi muito importante na sua última campanha já que o seu partido optou por colocar nos cartazes esta imagem de marca nalguns dos pontos mais movimentados de Berlim com o slogan “A Alemanha em boas mãos”.

GERMANY-VOTE-CDU-MERKEL

A paixão pelo futebol! Merkel não perde uma partida de futebol na televisão. Vale lembrar que ela sempre acompanha a Seleção alemã em suas partidas decisivas e veio ao Brasil, em 2014, especialmente para assistir a final da Copa do Mundo, vencida pelos alemães, ocasião em que também  foi cumprimentar os jogadores da seleção no vestiário e até tirou fotos com os integrantes da comissão no Maracanã.

Angela Merkel com a seleção alemã – Créditos: Getty Images

Homenagem no museu. Em homenagem aos 60 anos da chanceler da Alemanha, Angela Merkel, o Museu Madame Tussauds de Berlim exibiu uma estátua de cera da aniversariante em frente ao Portão de Brandemburgo.

Em homenagem aos 60 anos da chanceler da Alemanha, Angela Merkel, o Museu Madame Tussauds de Berlim exibiu uma estátua de cera da aniversariante em frente ao Portão de Brandemburgo. Canceriana, Merkel faz aniversário na quinta-feira (17)

Estátua de Merkel – Crédito: AP Photo/Michael Sohn

A vaidade feminina! Em entrevista à revista alemã ‘Emma’, especializada em política dirigida ao público feminino, Merkel afirmou: ‘Compartilho com Hillary Clinton a gênese do corte de cabelo. A luta eterna: o que poderia combinar comigo? Quando olho para trás, não entendo como eu não cheguei mais cedo ao meu corte atual’. ‘Como chanceler, eu tenho uma maquiadora que me ajuda. Mas geralmente eu adoto um estilo muito prático: o penteado precisa durar 12 horas ou mais, e eu também não posso ficar retocando a maquiagem a cada duas horas. O tempo gasto com essas coisas precisa ser bastante limitado’, afirmou Merkel em entrevista à Alice Schwarzer, segundo o site ‘Spiegel Online’KAI.

PFAFFENBACH/REUTERS

A chanceler alemã Angela Merkel cumpre à risca a sua defesa da austeridade. A principal defensora da política de cortar gastos para recolocar a economia europeia nos trilhos foi flagrada pela imprensa alemã repetindo a mesma roupa – uma bela túnica colorida – em diferentes oportunidades. O curioso é que Merkel fez isso ao longo de 18 anos. “Nossa chanceler mantém-se fiel a si mesma”, estampou a manchete o jornal popular alemão Bild, o diário mais lido do país. Abaixo do título, uma montagem de fotos mostra Merkel trajando a mesma roupa em 1996, 2002 e recentemente, em 2014.

De acordo com o jornal, a mulher mais poderosa do mundo, aparece frequentemente repetindo seu visual, pois “a chanceler compra suas próprias roupas sozinha, ao contrário de muitas outras celebridades, que emprestam itens de estilistas e designers”. Por não ter muito tempo livre em sua agenda, Angela Merkel acaba tendo de se virar com o que dispõe em seu guarda-roupa.

Comentando a roupa repetida de Merkel, a revista on-line americana Slate afirma que “seria difícil encontrar um melhor exemplo do pragmatismo alemão do que a túnica de Merkel, que agora tem idade suficiente para comprar sua própria cerveja”. O texto prossegue afirmando que “as roupas alemãs, assim como seus automóveis e sua chanceler, são resistentes”.

Resultado de imagem para túnica de Merkel

Montagem do Bild

Happy Birthday!

Herzlinchen Glückwunsch!

Feliz Cumpleaños!

Feliz Aniversário!

Liebe Grüße aus Brasilien!

 

 

São Paulo – Brasil – 09:10

Siga o Batom e Futebol no Twitter, a casa do Futebol Alemão no Brasil: @Batom_efutebol

Follow Batom and Futebol on Twitter, the home of German Football in Brazil:  @Batom_efutebol

Siga o Batom e Futebol no Facebook, a casa do Futebol Alemão no Brasil:https://www.facebook.com/BatomeFutebol

Follow Batom and Futebol on Facebook, the home of German Football in Brazil: https://www.facebook.com/BatomeFutebol

Por Josy Galvão

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: