Archive for the ‘Futebol Italiano/Lega Calcio’ Category

Inter de Milão tenta contratação de Robben, diz imprensa italiana

Image result for arjen robben

Em reta final de contrato com o Bayern de Munique, Arjen Robben, de 34 anos, pode reforçar um gigante italiano: a Inter de Milão. Pelo menos é para isso que o clube nerazzurri se movimenta nos bastidores.

De acordo com a imprensa italiana, o holandês recebeu nas últimas horas uma proposta da Internazionale, equipe que atualmente ocupa a terceira posição no Campeonato Italiano. A informação é de que os italianos veem Robben como ótima oportunidade de mercado, já que chegaria a custo zero. 

Revelado pelo Groningen, o craque se destacou pelo PSV, mais tarde se transferindo para o Chelsea. Chegou ao Real Madrid em 2007, na época por 36 milhões de euros. Em agosto de 2009 reforçou o Bayern, onde marcou história e atua até hoje.

Com Robben e companhia, o time bávaro ocupa a vice-liderança da Bundesliga, o Campeonato Alemão. O time soma 36 pontos em 17 jogos, seis a menos que o rival e primeiro colocado, Borussia Dortmund.

 

Matéria originalmente publicada por: Fonte:   https://www.foxsports.com.br

São Paulo – Brasil – 07:55

Siga o Batom e Futebol no Twitter, a casa do Futebol Alemão no Brasil: @Batom_efutebol

Follow Batom and Futebol on Twitter, the home of German Football in Brazil:  @Batom_efutebol

Siga o Batom e Futebol no Facebook, a casa do Futebol Alemão no Brasil:https://www.facebook.com/BatomeFutebol

Follow Batom and Futebol on Facebook, the home of German Football in Brazil: https://www.facebook.com/BatomeFutebol

Josy Galvão

Anúncios

Dembélé, Aubameyang, Pulisic… Borussia lucrou € 334 mi com vendas de oito atletas desde 2013

A venda de Christian Pulisic para o Chelsea por € 64 milhões (R$ 284 milhões na cotação atual) despertou uma curiosidade logo comprovada: o Borussia Dortmund tem sido um dos mestres do mercado de transferências ao negociar os seus destaques com enorme margem de lucro.

O caso do meia-atacante americano, que sequer era considerado titular e permanecerá emprestado até o fim da temporada, é apenas um dos oito exemplos de excelentes transações que aconteceram desde 2013/14, totalizando um lucro de incríveis € 334,5 milhões (R$ 1,4 bilhão atualmente, embora muitos negócios tenham acontecido com cotações diferentes) em relação ao que foi pago por estes atletas.

Christian Pulisic é a segunda maior venda da história do Borussia Dortmund — Foto: REUTERS/Leon Kuegeler

Christian Pulisic é a segunda maior venda da história do Borussia Dortmund — Foto: REUTERS/Leon Kuegeler

Conseguir vender tão bem (e saber repor) é chave para o clube permanecer competitivo. Os Aurinegros foram campeões de inverno (primeiro turno) do Campeonato Alemão com seis pontos de vantagem para o papa-títulos Bayern de Munique e ameaçam seriamente acabar com a hegemonia que já dura seis anos.

Entre os destaques estão nomes como o inglês Sancho, contratado por € 7,8 milhões diretamente da base do Manchester City na temporada passada, e o espanhol Paco Alcácer, que inicialmente veio por empréstimo do Barcelona, mas agradou tanto que já foi adquirido em definitivo por € 23 milhões – ele é um dos artilheiros da Bundesliga, com 12 gols.

Tratam-se de soluções consideradas baratas no cenário atual. Mas não duvidem se ambos, de tão valorizados, tomarem o mesmo caminho em poucas janelas.

Confira a lista das principais transações abaixo, em ordem cronológica. 

Kagawa

O meia japonês chegou ao Dortmund em julho de 2010 diretamente do Cerezo Osaka numa transação sem custos. Foi bicampeão alemão sendo um dos protagonistas e acabou negociado com o Manchester United em 2012. O curioso é que os alemães o recontrataram dois anos depois pela metade do preço, mas Kagawa já não goza do mesmo prestígio de outrora nas últimas temporadas.

  • Contratado a custo zero

  • Vendido por € 16 milhões

  • Recontratado por € 8 milhões

 — Foto: Getty Images

 Foto: Getty Images

 

Götze

Produto da base, o menino prodígio alemão saiu como traidor ao aceitar uma transação para o Bayern, que pagou o valor de sua cláusula em 2013. A exemplo de Kagawa, também voltou depois por um valor consideravelmente menor e também custa a repetir o nível de atuações.

  • Veio da base

  • Vendido por € 37 milhões

  • Recontratado por € 22 milhões

 — Foto: Reprodução/Twitter

Foto: Reprodução/Twitter

 

Hummels

O zagueiro revelado pelo Bayern assinou com o Dortmund em 2009, aos 20 anos. Evoluiu, conquistou títulos pelo clube, tornou-se titular da seleção alemã, foi campeão mundial e então voltou para a Baviera em 2016 por um valor oito vezes maior. Atualmente não vive a melhor fase da carreira.

  • Contratado por € 4,2 milhões

  • Vendido por € 35 milhões

 — Foto: AP

Foto: AP

 

Gündogan

Mais um belo exemplo da prospecção do Borussia. O meio-campista chegou ao clube aos 20 anos vindo do Nuremberg, também foi campeão – fez até gol na final de Champions perdida para o Bayern – e acabou negociado por cinco vezes mais do que quando foi comprado. Hoje é considerado um reserva participativo no Manchester City de Pep Guardiola.

  • Contratado por € 5,5 milhões

  • Vendido por € 27 milhões

 — Foto: Getty Images

Foto: Getty Images

Mkhitaryan

O armênio foi a maior contratação do clube na época (nunca é fácil negociar com o Shakhtar), mas logo tornou-se peça importante nos times de Jürgen Klopp e Thomas Tuchel. Em três anos foi vendido ao Manchester United, mas não decolou e acabou envolvido na troca por Alexis Sánchez com o Arsenal.

  • Contratado por € 27,5 milhões

  • Vendido por € 42 milhões

 — Foto: Getty Images

 Foto: Getty Images

Aubameyang

O gabonês chegou na mesma janela de Mkhitaryan, em 2013/14, e foi o melhor jogador e artilheiro do Campeonato Alemão, além de ter vencido a Copa da Alemanha antes de se transferir para o Arsenal também por um valor cinco vezes maior. É atualmente o artilheiro da Premier League, com 14 gols em 21 rodadas.

  • Contratado por € 13 milhões

  • Vendido por € 63,7 milhões

 — Foto: Michael Dalder/Reuters

 Foto: Michael Dalder/Reuters

Dembélé

Aqui, o maior exemplo de valorização possível. O meia-atacante francês já era considerado uma grande promessa quando foi pescado ao Rennes, mas uma temporada de 10 gols e 21 assistências aos 19 anos chamou a atenção do Barcelona, que não se importou de desembolsar rios de dinheiro em agosto de 2017 – e ainda não chegou perto de ter o retorno esportivo.

  • Contratado por € 15 milhões

  • Vendido por € 115 milhões

 — Foto: AFP

 Foto: AFP

 

Pulisic

Apesar de americano, o meia-atacante chegou muito jovem à Alemanha e, ainda adolescente, foi conquistando espaço no elenco principal. O curioso é que sua transferência (a segunda maior da história do Borussia) aconteceu num período em que figurava pouco no time titular – o Chelsea, na verdade, aposta no futuro, pois se trata de um jogador de apenas 20 anos. Ele seguirá emprestado até o fim da temporada.

  • Veio da base

  • Vendido por € 64 milhões

 — Foto: AFP

Foto: AFP

 

 

Matéria originalmente publicada por: Fonte:  https://globoesporte.globo.com

São Paulo – Brasil – 07:00

Siga o Batom e Futebol no Twitter, a casa do Futebol Alemão no Brasil: @Batom_efutebol

Follow Batom and Futebol on Twitter, the home of German Football in Brazil:  @Batom_efutebol

Siga o Batom e Futebol no Facebook, a casa do Futebol Alemão no Brasil:https://www.facebook.com/BatomeFutebol

Follow Batom and Futebol on Facebook, the home of German Football in Brazil: https://www.facebook.com/BatomeFutebol

Josy Galvão

Giroud ressalta homossexualidade como tabu a ser quebrado no futebol

Para Giroud, é quase impossível ser homossexual no mundo do futebol (Foto: FRANCK FIFE / AFP)

A homossexualidade é um assunto pouco comentado no mundo do futebol. São raros os jogadores que se posicionam a respeito ou que fazem campanha pela diversidade, o que fortalece ainda mais o tabu e impede que atletas do esporte assumam suas opções sexuais. Não é o caso de Olivier Giroud. Em entrevista ao jornal Le Figaro, o atacante do Chelsea, campeão mundial com a França na Copa da Rússia, falou sobre o tema, e reiterou que ainda há muito a ser feito para que o paradigma seja quebrado.

“Quando vi Thomas Hitzlsperger voltar a jogar em 2014, foi muito emocionante. Foi nessa época que pensei que era impossível ser homossexual no futebol. Em um vestiário, há muita testosterona, quartos, duchas coletivas… É complicado, mas é assim. Eu entendo a dor e a dificuldade dos caras que assumem, é um teste real depois de anos. Eu sou ultra-tolerante com. Ainda há muito trabalho no mundo do futebol a respeito deste assunto, para dizer o mínimo”, afirmou.

O episódio citado pelo francês é o do alemão Hitzlsperger, ex-jogador do Aston Villa, Stuttgart, Lazio, West Ham, Wolfsburg e Everton, além da seleção da Alemanha. Em 2014, o ex-meio-campista, que já havia anunciado aposentadoria alegando problemas físicos, assumiu sua homossexualidade em entrevista ao jornal Die Zeit. “Desejo que esta questão avance no mundo do esporte profissional”, declarou.

Hitzlsperger se tornou um dos raros jogadores de futebol a se assumirem homossexuais (Foto: AFP)

 

 

Matéria originalmente publicada por:    https://www.gazetaesportiva.com

São Paulo – Brasil –  00:04

Siga o Batom e Futebol no Twitter, a casa do Futebol Alemão no Brasil: @Batom_efutebol

Follow Batom and Futebol on Twitter, the home of German Football in Brazil:  @Batom_efutebol

Siga o Batom e Futebol no Facebook, a casa do Futebol Alemão no Brasil:https://www.facebook.com/BatomeFutebol

Follow Batom and Futebol on Facebook, the home of German Football in Brazil: https://www.facebook.com/BatomeFutebol

Josy Galvão

Bayern e Borussia entram na briga com Barça e Roma pelo ‘novo Lewandowski’

Resultado de imagem para Krzysztof Piatek

O jovem atacante Krzysztof Piatek tem sido uma das sensações do futebol europeu na atual temporada. Contratado pelo Genoa no meio do ano, o polonês de 23 anos tem 13 gols em oito partidas e é atualmente o líder pela Chuteira de Ouro na Europa. Especulado em Barcelona e Roma, ele também entrou agora na mira de Bayern de Munique e Borussia Dortmund.

A informação foi divulgada na última terça-feira (9 de outubro) pelo site italiano Calcio Mercato, que revelou que ele pode ser negociado em janeiro por um valor entre 30 e 35 milhões de euros (cerca de R$ 130 e 151 milhões).

Wolfsburg e Schalke 04 também se mostraram interessados no atacante, mas dificilmente vencerão a forte concorrência. Para o veículo os times alemães veem Piatek como um ‘novo Lewandowski’. Curiosamente, o conterrâneo do atacante atua no Bayern e se destacou antes no Dortmund.

No último domingo (7 de outubro), o Genoa foi derrotado em casa por 3 a 1 para o Parma, mas o polonês balançou as redes mais uma vez. Com esse gol marcado, ele igualou Gabriel Batistuta, que, na temporada 1994/1995, foi o último jogador a marcar nas sete primeiras partidas da Serie A.

 

Matéria originalmente publicada por:  https://www.foxsports.com.br

São Paulo – Brasil – 13:43

Siga o Batom e Futebol no Twitter, a casa do Futebol Alemão no Brasil: @Batom_efutebol

Follow Batom and Futebol on Twitter, the home of German Football in Brazil:  @Batom_efutebol

Siga o Batom e Futebol no Facebook, a casa do Futebol Alemão no Brasil:https://www.facebook.com/BatomeFutebol

Follow Batom and Futebol on Facebook, the home of German Football in Brazil: https://www.facebook.com/BatomeFutebol

Josy Galvão

Zidane é cogitado para assumir o Bayern de Munique, diz mídia alemã

Zinedine Zidane é especulado para comandar o Bayern de Munique (Foto: AFP)

 

Desde que anunciou sua saída do Real Madrid, logo após o fim da última temporada, Zinedine Zidane é especulado em grandes clubes do futebol europeu, já que o comandante conquistou praticamente tudo enquanto esteve defendendo as cores do clube merengue. Nesta semana, a mídia alemã destacou que o francês pode estar indo para o Bayern de Munique, que vive péssimo momento, tanto no Campeonato Alemão como na Liga dos Campeões.

De acordo com o Bild, o clube bávaro cogita a mudança de comando já que o início do Bayern é um dos piores dos últimos anos e o técnico Niko Kovac ainda não conseguiu convencer desde que assumiu a equipe. Apesar do presidente Uli Hoeness ter afirmado que manterá o técnico croata, os veículos alemães destacam uma relação ruim entre o treinador e os jogadores.

Nesta semana, o agente de Zidane também falou sobre a possibilidade de Zidane assinar com outras equipes do futebol europeu, como a Juventus e o Manchester United. “A Juventus é uma possibilidade porque há uma história por trás, é o clube do seu coração. Quanto à ir para a Inglaterra, não é o estilo de Zidane. Já falei com ele e treinar uma equipe do futebol inglês não atrai ele no momento”.

Além de Zidane, a mídia alemã também destaca que Àrsene Wenger, técnico do Arsenal nas últimas duas décadas e que deixou o clube na última temporada, pode ser um nome discutido pela diretoria para substituir o comandante croata.

No último fim de semana, o Bayern perdeu para o Borussia Mönchengladbach por 3 a 0, um dos resultados mais vexatórios do clube nos últimos anos jogando em seus domínio, e caiu para a sexta colocação do Campeonato Alemão, com 13 pontos.

 

Matéria originalmente publicada por:    https://www.gazetaesportiva.com

São Paulo – Brasil – 22:59

Siga o Batom e Futebol no Twitter, a casa do Futebol Alemão no Brasil: @Batom_efutebol

Follow Batom and Futebol on Twitter, the home of German Football in Brazil:  @Batom_efutebol

Siga o Batom e Futebol no Facebook, a casa do Futebol Alemão no Brasil:https://www.facebook.com/BatomeFutebol

Follow Batom and Futebol on Facebook, the home of German Football in Brazil: https://www.facebook.com/BatomeFutebol

Josy Galvão

Juventus de olho em Mats Hummels

A Juventus procura reforços para o setor defensivo e a atenção bianconeri recaiu em Mats Hummels, zagueiro alemão de 29 anos, do Bayern Munique, que alegadamente estaria descontente no clube bávaro pelos poucos minutos de jogo esta temporada, sob o comando técnico de Niko Kovac. O clube italiano considera este o melhor momento para convencer o jogador da Mannschaft a trocar de ares, segundo relata o ‘Bild’.

Alternativa a Bonucci, Barzagli e Chiellini, as opções do técnico Massimiliano Allegri, o jogador germânico preenche os requisitos procurados pelos responsáveis italianos: boa qualidade física e experiência.

Auf wiedersehen! 

 

#WeAreGermany

São Paulo – Brasil – 00:14

Siga o Batom e Futebol no Twitter, a casa do Futebol Alemão no Brasil:  ‏@Batom_efutebol

Follow the Batom and Futebol on Twitter, home of German Football in Brazil:  ‏@Batom_efutebol

Siga o Batom e Futebol no Facebook, a casa do Futebol Alemão no Brasil:https://www.facebook.com/BatomeFutebol

Follow Batom and Futebol on Facebook, the home of German Football in Brazil: https://www.facebook.com/BatomeFutebol

Por Josy Galvão

Confira o sorteio da Liga dos Campeões

 (Foto: Reprodução/Uefa.com)

(Foto: Reprodução/Uefa.com)

 

Perseguindo o sonho de ser campeão europeu, o Paris Saint-Germain de Neymar não terá vida fácil na fase de grupos da Liga dos Campeões. A UEFA definiu as chaves da próxima fase do torneio através de sorteio nesta quinta-feira, em Mônaco, que determinou que os parisienses terão como rivais no grupo C o Liverpool, atual vice-campeão continental, o Napoli, segundo colocado do último Campeonato Italiano, e o Estrela Vermelha, da Sérvia.

As bolinhas sorteadas pelo brasileiro Kaká e o uruguaio Diego Forlán também determinaram um reencontro histórico para Cristiano Ronaldo. O atual melhor jogador do mundo, que defenderá a Juventus pela primeira vez na Champions, estará frente a frente com o Manchester United, equipe que o luso defendeu entre 2003 e 2008 e conquistou o seu primeiro título europeu. A Juve de CR7 caiu no grupo H e terá como rivais, além do United, o Valencia, da Espanha, e o Young Boys, da Suíça.

 

O atual tricampeão Real Madrid enfrentará Roma, CSKA Moscou e Viktoria Pilzen (República Tcheca), no grupo G. O Barcelona pegará Tottenham, PSV e Inter de Milão na chave B. O grupo D, que teve o modesto Lokomotiv Moscou como cabeça de chave, contará com Porto, Schalke 04 e Galatasaray.

 

Os cabeças de chave do sorteio, que ficaram no pote 1, foram Real Madrid (campeão da Champions), Atlético de Madrid (campeão da Liga Europa), Barcelona (campeão espanhol), Bayern de Munique (campeão alemão), Manchester City (campeão inglês), Juventus (campeão italiano), Paris Saint-Germain (campeão francês) e Lokomotiv Moscou (campeão russo).

 

O evento foi iniciado com a escolha aleatória de um cabeça de chave, que depois passava por um sorteio para determinar em que grupo ele ficaria. O mesmo procedimento ocorreu com os outros potes: uma equipe era sorteada, e na sequência tinha seu grupo determinado pela escolha de mais uma bolinha.

 

O sorteio contava com restrição de nacionalidade: dois times do mesmo país não poderiam cair no mesmo grupo, assim como equipes de países em confronto político.

Confira os grupos:

Grupo A:

  • Atlético de Madrid
  • Borussia Dortmund
  • Monaco
  • Club Brugge

Grupo B:

  • Barcelona
  • Tottenham
  • PSV Eindhoven
  • Internazionale

Grupo C:

  • Paris Saint-Germain
  • Napoli
  • Liverpool
  • Estrela Vermelha

Grupo D:

  • Lokomotiv Moscou
  • Porto
  • Schalke 04
  • Galatasaray

Grupo E:

  • Bayern de Munique
  • Benfica
  • Ajax
  • AEK Atenas

Grupo F:

  • Manchester City
  • Shakhtar Donetsk
  • Lyon
  • Hoffenheim

Grupo G:

  • Real Madrid
  • Roma
  • CSKA Moscou
  • Viktoria Pilsen

Grupo H:

  • Juventus
  • Manchester United
  • Valencia
  • Young Boys

 

Matéria originalmente publicada por:      https://globoesporte.globo.com

São Paulo – Brasil – 22:58

Siga o Batom e Futebol no Twitter, a casa do Futebol Alemão no Brasil: @Batom_efutebol

Follow Batom and Futebol on Twitter, the home of German Football in Brazil:  @Batom_efutebol

Siga o Batom e Futebol no Facebook, a casa do Futebol Alemão no Brasil:https://www.facebook.com/BatomeFutebol

Follow Batom and Futebol on Facebook, the home of German Football in Brazil: https://www.facebook.com/BatomeFutebol

Josy Galvão