Posts Tagged ‘Klose’

Klose quer se tornar técnico e sonha em trabalhar no Campeonato Alemão

Klose quer se tornar treinador quando encerrar a carreira

Recordista de gols na história da Copa do Mundo, Miroslav Klose planeja se tornar treinador de futebol após encerrar sua carreira e tem como sonho voltar a trabalhar no Campeonato Alemão.

“A Bundesliga será meu objetivo porque eu não me imagino treinando equipes juvenis a minha vida inteira”, declarou Klose à revista Kicker, que completou: “Eu tenho visto diversos times na Alemanha e estou entusiasmado para trabalhar com eles”.

O jogador, que se tornou o maior artilheiro da Copa do Mundo ao marcar seu 16° gol na competição na histórica goleada de 7 a 1, atuou por Kaiserslautern, Werder Bremen e Bayern de Munique na Alemanha. Atualmente, Klose, de 36 anos, defende a Lazio, time com o qual tem contrato até o fim do ano, e se aposentou da seleção alemã após o Mundial.

“Será uma decisão espontânea, eu vou falar com a minha família primeiro, como sempre, e ainda levar outras coisas em consideração. Muitas coisas são possíveis, embora não tenha nenhum contato específico ainda”, finalizou o atleta.

Fonte: http://espn.uol.com.br/

São Paulo – Brasil – 23:04

Siga o Batom e Futebol no Twitter, a casa do Futebol Alemão no Brasil: @Batom_efutebol

Follow Batom and Futebol on Twitter, the home of German Football in Brazil:  @Batom_efutebol

Josy Galvão

Werder Bremen sonha com volta de Klose

Klose Comemora Gol Werder Bremen Mainz Campeonato Alemão 27/10/2006
Klose comemora gol pelo Werder Bremen: de volta pra casa?

O Werder Bremen aposta no passado para tentar escapar do rebaixamento no Campeonato Alemão. De acordo com o jornal Sports Bild, a equipe quer a volta do atacante Miroslav Klose, de 36 anos, campeão da última Copa do Mundo com a seleção da Alemanha.

O centroavante tem contrato com a Lazio, da Itália, até o final da temporada. Quando jogou no Werder, ele anotou 53 gols na Bundesliga entre 2004 e 2007, deixando muitas saudades nos torcedores e dirigentes da equipe.

“Se ele estiver disponível, certamente estaremos interessados”, disse o diretor esportivo do clube alviverde, Thomas Eichin.

“Seria um sonho. Um jogador com tanta experiência certamente ajudaria nossos jovens atletas”, concordou o ucraniano Viktor Skripnik, técnico da equipe.

Klose é o maior artilheiro da história da seleção da Alemanha, com 71 gols em 137 jogos. Durante o último Mundial, ele também alcançou 16 gols no torneio da FIFA, tornando-se o maior marcador da história da competição.

Fonte: http://espn.uol.com.br/

São Paulo – Brasil – 23:33

Siga o Batom e Futebol no Twitter, a casa do Futebol Alemão no Brasil: @Batom_efutebol

Follow Batom and Futebol on Twitter, the home of German Football in Brazil:  @Batom_efutebol

Josy Galvão

Com dois de Klose, Lazio leva ‘susto’, mas vence Cagliari e pula para terceiro no Italiano

Klose precisou de apenas dois minutos para fazer dois gols e dar a vitória à Lazio
Klose precisou de apenas dois minutos para fazer dois gols para a Lazio

Se a disputa pelo título parece ficar, mais uma vez, entre Juventus e Roma, os demais 18 times do Campeonato Italiano lutam para ver quem permanece mais próximo das duas equipes na tabela de classificação. Após a 10ª rodada, a Lazio se aproxima do primeiro pelotão. Graças, é claro, a vitória por 4 a 2, em casa, contra o Cagliari, nesta segunda-feira.

A equipe biancocelesti tem 19 pontos, os mesmos da Sampdoria, mas fica com a terceira colocação pelos critérios de desempate. A Roma, vice-líder, tem dois pontos a mais, enquanto a Juventus soma 25. Já o Cagliari é apenas o 15º, com 9 pontos, e a dois da zona de rebaixamento.

Quem abriu o placar no estádio Olímpico foram os donos da casa. Aos sete minutos, Mauri inaugurou o marcador aproveitando rebote da defesa adversária. Já aos 25, a estrela de Miroslav Klose brilhou. O atacante alemão, maior artilheiro da história das Copas do Mundo com 16 gols, fez o seu primeiro no jogo, aos 25 minutos.

Klose e Mauri marcaram na vitória da Lazio
Klose e Mauri marcaram na vitória da Lazio

A Lazio fez bela jogada, e a troca de passes chegou ao camisa 11, que estufou as redes do goleiro Cragno. Logo na sequência, aos 26, Klose fez o segundo dele, terceiro dos donos da casa. O centroavante recebeu dentro da grande área e bateu colocado no canto direito.

Já no segundo tempo, aos três minutos, o Cagliari descontou após bate-rebate com gol contra de Braafheid. O torcedor laziale ficou mais preocupado aos 39 minutos. O brasileiro João Pedro recebeu passe de cabeça de Benedetti e completou de primeira para o gol de Marchetti: 3 a 2, depois dos visitantes estarem perdendo por 3 a 0. Porém, quem aproveitou o tempo restante no relógio foi a Lazio. Nos acréscimos, o brasileiro Éderson fez o quarto para os donos da casa.

As duas equipes voltam a campo pelo Italiano no próximo domingo. A Lazio visita o Empoli. Enquanto o Cagliari joga, em casa, contra o Genoa.

Fonte: http://espn.uol.com.br/

São Paulo – Brasil – 22:19

Siga o Batom e Futebol no Twitter, a casa do Futebol Alemão no Brasil: @Batom_efutebol

Follow Batom and Futebol on Twitter, the home of German Football in Brazil:  @Batom_efutebol

Josy Galvão

Brasil 2014 – Klose comemora recorde, mas título é objetivo maior

Klose comemora recorde, mas título é objetivo maior

O relógio já indicava 19h28 da noite e o memorável confronto entre Alemanha e Brasil pelas semifinais da Copa do Mundo da FIFA 2014 já havia terminado há muito tempo, mas o Estádio Mineirão em Belo Horizonte ainda estava longe de se acalmar. Milhares de torcedores alemães se reuniram atrás de um dos gols na arquibancada. Eles gritavam tão alto que mesmo nos corredores do estádio era possível ouvi-los: “Queremos ver a seleção”, berravam.

Os alemães estavam ansiosos para dar mais uma olhada nos seus heróis do dia. De fato, os jogadores escreveram um fantástico capítulo na história do futebol nesta terça-feira. Ainda antes do intervalo não eram apenas os brasileiros que assistiam a tudo desconcertados, sem compreender como tudo aquilo poderia estar acontecendo.

Após 29 minutos, o placar já indicava 5 a 0. O recordista em títulos mundiais e anfitrião do torneio estava em uma situação desesperadora. Neste momento, os torcedores germânicos observavam incrédulos, com a certeza apenas de que um dia contariam o que estavam vendo para os netos.

Novamente Müller abre o placar
“É indescritível”, afirmou Thomas Müller depois da partida em entrevista, procurando as palavras adequadas para falar da atuação de gala da Alemanha, sem perder o sorriso no rosto. “Obviamente começamos bem. Uma vantagem de 5 a 0 contra o Brasil em pleno Brasil antes do intervalo é algo especial. Não poderíamos esperar que fosse assim. Tínhamos a expectativa de ter uma ou outra chance porque o Brasil obviamente também tem seus pontos fortes no ataque. Agora precisamos primeiro processar tudo isso e então nos concentrar na final. Queremos apenas ficar com este troféu e faremos de tudo por isso.”

Pela terceira vez nesta Copa do Mundo, coube a Müller a tarefa de abrir o placar da partida. “Logo depois do segundo gol, o Brasil teve um pequeno momento de choque”, comentou o meia-atacante. “Os brasileiros estavam pressionados jogando no seu próprio país e diante de tantos torcedores. Mas em alguns momentos também me deu pena porque eles também têm tantos grandes jogadores e que na realidade não mereciam perder assim. Só mesmo o futebol produz essas histórias.”

E de fato a história da partida de hoje é formada por muitos momentos memoráveis. Foi a maior goleada que o Brasil já sofreu e o placar mais elástico de uma semifinal de Copa do Mundo. Além disso, a Alemanha marcou nesta terça-feira o seu gol de número 2.000 e um certo centroavante quebrou o recorde de gols marcados em Mundiais.

“É de tirar o chapéu, Miroslav Klose!”
“Não temos de destacar a atuação de nenhum jogador específico “, afirmou visivelmente orgulhoso o treinador Joachim Löw ao microfone. “O que me agradou foi que a equipe colocou em prática os próprios pontos fortes, com concentração na defesa e rapidez nos contra-ataques. E que a equipe tenha acreditado que era capaz de vencer essa partida. O Brasil ficou chocado depois do primeiro, no máximo depois do segundo gol. Os brasileiros perderam um pouco a calma e a sua capacidade de defender. Eles queriam corrigir o resultado e então caíram em três, quatro contra-ataques que foram letais.”

A vitória foi coroada ainda pelo 16º gol de Miroslav Klose em Mundiais, o segundo da Alemanha na partida. Com isso, o jogador de 36 anos superou o recorde do brasileiro Ronaldo e estabeleceu uma nova marca na Copa do Mundo. “Foi uma atuação incrível dele”, afirmou Löw. “Fiquei feliz acima de tudo por ele.” E até o presidente da FIFA, Joseph S. Blatter, parabenizou o centroavante via Twitter: “É de tirar o chapéu, Miroslav Klose!”

O tão elogiado Klose se mostrou modesto em entrevista. “O recorde foi legal, mas como equipe temos um objetivo maior”, afirmou o goleador. “Não é sempre que vivemos algo como o que aconteceu hoje, foi a primeira vez que alguém conseguiu ter uma atuação dessas em uma semifinal de Copa do Mundo.”

Uma goleada para ficar na história
A verdade é que Klose não gosta de ficar no centro das atenções. Mas o atacante, acompanhado pelo preparador de goleiros Andreas Köpke, foi o primeiro a retornar ao gramado para comemorar com a torcida alemã. Cinco, quatro, três, dois, um — e então os alemães faziam a ola, apenas em parte da arquibancada, já que o resto do estádio estava vazio.

E assim como os cânticos de alegria dos torcedores alemães que ressoaram por todo o estádio, esta partida também deixará para sempre fortes ecos no mundo do futebol. Mas Klose deixou claro um detalhe muito importante: “Ainda falta uma vitória!” Resta saber se ela acontecerá no próximo domingo no Estádio do Maracanã. 

Fonte: http://pt.fifa.com/

São Paulo – Brasil – 23:27

Siga o Batom e Futebol no Twitter, a casa do Futebol Alemão no Brasil: @Batom_efutebol

Follow Batom and Futebol on Twitter, the home of German Football in Brazil:  @Batom_efutebol

Josy Galvão

Brasil 2014 – Klose titular? Lahm na direita? Alemanha deixa mistérios no time

Klose Alemanha x França (Foto: Getty Images)Klose foi titular contra a França, mas tem presença incerta no Mineirão (Foto: Getty Images)

A Alemanha dorme nesta segunda-feira certamente ciente do time que mandará a campo para encarar o Brasil, nesta terça, às 17h, no Mineirão, mas sem tornar pública a escalação. A estratégia é deixar alguma pulga atrás da orelha de Felipão. Afinal, há duas possibilidades de variações no time: uma envolvendo Lahm, outra referente a Klose.

O centroavante, que pode quebrar o recorde de gols de Ronaldo em Copas do Mundo (15), começou como titular na vitória de 1 a 0 sobre a França, mas não teve bom rendimento – justamente em dia de atuação sólida dos alemães. Por isso, pode dar lugar a um jogador de maior movimentação. É o caso de Schürrle, seu substituto no jogo do Maracanã.

Com Lahm, é total a tendência de manutenção na lateral direita. Foi assim contra a França. Na primeira fase, porém, para amenizar o déficit físico de Khedira e Schweinsteiger, ele reforçou o meio-campo do time – com Boateng na lateral.

– Todos os jogadores estarão com bom condicionamento. Analisarei nossa escalação esta noite e amanhã (terça-feira). Falarei com o time sobre isso – desconversou o técnico Joachim Löw.

Philipp Lahm Alemanha  (Foto: Getty Images)Philipp Lahm deve ser mantido como lateral contra o Brasil (Foto: Getty Images)

Sobre a escalação do Brasil, com a ausência de Neymar, o comandante alemão não se mostrou muito preocupado. Diz que sua equipe estará preparada para qualquer formação verde-amarela – mais defensiva ou mais ofensiva.

– O Brasil, até onde sei, sempre joga com três no meio, e o Neymar não está lá, pois joga mais à esquerda. O Hulk também vai, e tem o Oscar. Há ainda Luiz Gustavo, Fernandinho e outros que acho que ficam um pouco mais na defensiva. Mas é possível atacar assim. Veremos isso na escalação. E obviamente temos variação na nossa equipe. Estaremos prontos para enfrentar qualquer escalação.

Brasil e Alemanha se enfrentam às 17h no Mineirão. O vencedor pega Argentina ou Holanda na final.

Fonte: http://globoesporte.globo.com/

São Paulo – Brasil – 23:36

Siga o Batom e Futebol no Twitter, a casa do Futebol Alemão no Brasil: @Batom_efutebol

Follow Batom and Futebol on Twitter, the home of German Football in Brazil:  @Batom_efutebol

Josy Galvão

O incrível Miroslav Klose

Klose marcou logo após entrar na partida contra Gana
Klose chegou à incrível marca de 15 gols em Copas do Mundo
O maior terror de Ronaldo “Fenômeno” se confirmou. Neste sábado, o centroavante Miroslav Klose marcou um gol na partida entre Alemanha e Gana, na Arena Castelão, e chegou a 15 em Copas do Mundo. Agora, o alemão está empatado com o brasileiro no topo da lista de maiores artilheiros da história dos Mundiais.

Curiosamente, o gol vem justamente contra o mesmo rival em que Ronaldo fez o seu 15º e último gol em Copas. O brasileiro balançou as redes ganesas nas oitavas de final de 2006, jogando justamente na Alemanha.

Craques

Com o tento anotado sobre os africanos, Klose marca em sua quarta Copa do Mundo seguida. O alemão ainda se iguala a Pelé e ao compatriota Uwe Seeler e se torna o terceiro jogador a conseguir balançar as redes em quatro Mundiais.

A história de Klose em Copas começou em 2002, quando ele colocou cinco bolas nas redes: três na goleada por 8 a 0 sobre a Arábia Saudita, uma no empate por 1 a 1 com a Irlanda e uma na vitória por 2 a 0 sobre Camarões.

Seu grande momento, porém, seria em 2006, quando ele terminou a Copa como artilheiro. Foram mais cinco tentos: dois na vitória por 4 a 2 sobre a Costa Rica, dois na vitória por 2 a 0 sobre o Equador e um no empate por 1 a 1 com a Argentina.

Já em 2010, ele fez “apenas” quatro: um na goleada por 4 a 0 sobre a Austrália, um no massacre por 4 a 1 sobre a Inglaterra e dois no passeio por 4 a 0 sobre a Argentina.

O Mundial do Brasil, inclusive, será o último de Klose, que está com 36 anos e já anunciou sua aposentadoria da seleção depois do torneio da Fifa.

Veja quem são os maiores artilheiros da história das Copas:

1) Miroslav Klose (ALE) / Ronaldo (BRA) – 15 gols
2) Gerd Muller (ALE) – 14 gols
3) Just Fontaine (FRA) – 13 gols
4) Pelé (BRA) – 12 gols
5) Sandor Kocsis (HUN) / Jurgen Klinsmann (ALE) – 11 gols

 

Fonte: http://espn.uol.com.br/

São Paulo – Brasil – 19:53

Futebol Alemão no Brasil: @Batom_efutebol

Follow Batom and Futebol on Twitter, the home of German Football in Brazil:  @Batom_efutebol

Josy Galvão

Parabéns, Miroslav Klose – O maior artilheiro da história do selecionado germânico

Klose quebra o primeiro recorde. Falta o de Ronaldo

9/6 – Miroslav Klose (36) é um goleador nato. Nas três edições da Copa do Mundo da FIFA que disputou, o alemão marcou 14 gols e ficou perto de quebrar o recorde de Ronaldo como maior artilheiro da história dos Mundiais. Klose poderá superar o brasileiro, no Mundial deste ano, em solo brasileiro. Um dos principais responsáveis pela força da Mannschaft no cenário internacional, vice-campeão mundial em 2002 e o terceiro lugar em 2006 e 2010, além de mais um vice-campeonato na Euro 2008. Jogando por clubes, o atacante venceu a Copa da Liga com o Werder Bremen em 2006 e assinou com o Bayern de Munique no ano seguinte, conquistando o campeonato e a copa nacional na mesma temporada em duas ocasiões e a Supercopa da Alemanha. Individualmente, foi artilheiro da Bundesliga em 2006 e, no mesmo ano, recebeu a Chuteira de Ouro na Copa do Mundo da FIFA e o prêmio de melhor jogador do seu país. Atualmente atua na equipe italiana da Lazio, e é um dos destaques da equipe. Com a Lazio venceu a Copa da Itália 2012/2013.

Ficar debaixo dos holofotes não é com ele. Exceto quando está correndo e saltando em busca de gols. No entanto, mesmo com o típico jeito reservado, Miroslav Klose tem estado frequentemente no centro das atenções do mundo da bola. E tudo indica que essa situação não mudará tão cedo.

Na sexta-feira, o jogador marcou contra a Armênia na cidade de Mainz o seu 69º gol pelo país, superando o recorde do antológico Gerd Müller e tornando-se o maior artilheiro da história do selecionado germânico.

Os companheiros de seleção não conseguem ver a hora de Klose quebrar mais um recorde na Copa do Mundo da FIFA Brasil 2014. Nas próximas semanas, ele poderá se transformar no maior goleador da história dos Mundiais.

Homem de um caráter excepcional e de uma humildade sem tamanho, o atacante, cujo novo recorde de gols pela Seleção Alemã foi descrito por Löw como “sensacional”, a situação é muito simples. “O importante é que eu possa ajudar a equipe, não importa como”, declarou, com a simplicidade de sempre.

Klose sabe como minimizar a importância da atenção que vem recebendo da mídia. “Ser recordista de gols é bem legal, não posso reclamar”, respondeu depois do gol contra a Armênia. Ainda assim, ele não se enxerga no mesmo nível de Gerd Müller. “Nunca alcançarei o mesmo patamar dele.”

Não há dúvidas de que Klose será uma das principais personalidades do Brasil 2014. Ele seguirá utilizando as mesmas armas de sempre para balançar as redes: instinto, faro de gols apurado, velocidade e excelência no jogo aéreo, características que fizeram dele um centroavante muito temido pelas defesas adversárias.

Happy Birthday!

Herzlinchen Glückwunsch!

Feliz Cumpleaños!

Feliz Aniversário!  Miro Klose, seus fãs brasileiros vivem um momento muito especial, teremos o privilégio de  ver você brilhar junto com a Seleção Alemã, em solo brasileiro. Desejamos muito sucesso e muitos gols. Que venha o TETRA!

São Paulo – Brasil – 13:35

Futebol Alemão no Brasil: @Batom_efutebol

Follow Batom and Futebol on Twitter, the home of German Football in Brazil:  @Batom_efutebol

Por Josy Galvão

Brasil 2014 – Superar recorde de gols de Ronaldo é grande motivação, diz Klose

Klose poderá quebrar o recorde de gols em Copas do Mundo de Ronaldo
Klose poderá quebrar o recorde de gols em Copas do Mundo de Ronaldo

O recorde de gols em Copas do Mundo, atualmente do ex-atacante do Brasil Ronaldo, é a grande motivação do alemão Miroslav Klose para entrar em forma e disputar o Mundial que começa no próximo mês, após uma temporada marcada por contusões, disse o jogador, de 35 anos, nesta sexta-feira.

Klose, a caminho de seu quarto Mundial, marcou 14 gols em suas participações anteriores e está empatado com o compatriota alemão Gerd Müller na lista dos maiores artilheiros de todos os tempos, com um gol a menos que Ronaldo.

“Aqueles que me conhecem sabem que esse é um objetivo que eu tenho”, disse Klose em entrevista coletiva no norte da Itália, onde a seleção da Alemanha está se preparando para a Copa, quando perguntado se o recorde de gols em Mundiais era uma motivação para ele recuperar a forma após as contusões.

“Com um gol eu me igualo na ponta. Eu preciso de dois para ser o líder”, acrescentou o atacante da Lazio. “Estou num caminho bom. Os preparadores físicos aqui me conhecem e sabem do que eu preciso. Eu espero estar 100% no torneio.”

Klose também pode quebrar o recorde de 68 gols pela Alemanha de Müller, que já dura 40 anos, antes da Copa do Mundo. Se marcar uma vez nos amistosos contra Camarões e Armênia, em 1º de junho e 6 de junho, ele chegará a 69 gols pela seleção alemã.

A Alemanha está no Grupo G do Mundial, ao lado de Gana, Portugal e Estados Unidos.

Klose, que jogou seu primeiro Mundial em 2002, é o único atacante experiente no elenco provisório de 27 jogadores do técnico Joachim Low, enquanto Kevin Volland, do Hoffenheim, é o único outro homem de área do time.

Mario Gomez não foi convocado devido a problemas com contusões e Max Kruse, do Borussia Moenchengladbach, foi deixado de lado, o que deixa Klose como o provável líder do ataque alemão, ainda que o treinador já tenha utilizado uma formação sem atacantes de referência.

“Também posso jogar na posição de ‘falso nove'”, disse ele. “Vou dar o meu máximo em cada treinamento. Experiente ou não, vou me apresentar em todos os treinos para que eu não possa ser ignorado. Mas acredito que vou jogar.”

Fonte: http://espn.uol.com.br/

São Paulo – Brasil – 00:07

Siga o Batom e Futebol no Twitter, a casa do Futebol Alemão no Brasil: @Batom_efutebol

Follow Batom and Futebol on Twitter, the home of German Football in Brazil:  @Batom_efutebol

Josy Galvão

Brasil 2014 – Miroslav Klose promete chegar 100% para o Mundial

Klose a 100% para tentar superar o Fenômeno
© AFP

Recuperado de uma lesão muscular na coxa esquerda que colocou em risco sua participação na Copa do Mundo da FIFA, Miroslav Klose garantiu que está pronto para participar de seu quarto Mundial. Para o segundo maior artilheiro da história do torneio, só será preciso retomar o ritmo de jogo.

“Não estou ótimo, mas não é motivo de alarme. Com os treinamentos e os amistosos, estarei 100% para a Copa. As pernas e as costas estão bem. Apenas sinto falta de ritmo de jogo”, disse, em entrevista ao jornal Die Welt, o atacante alemão, que atuou nos três últimos jogos da Lazio no Campeonato Italiano, mas teve atuação discreta.

Na temporada, Klose, de 35 anos, disputou 29 jogos e marcou oito gols no time italiano. Com o corte de Mario Gomez, o jogador deve ser titular no ataque da seleção alemã, o que pode ajuda-lo a quebrar a marca de Ronaldo e se tornar o maior artilheiro da história das Copas. Atualmente, o alemão soma 14 gols, mesma marca de seu compatriota Gerd Muller, enquanto o brasileiro anotou 15.

A Alemanha vai disputar o Grupo G, estreando contra Portugal, e que conta ainda com Gana e Estados Unidos da América. 

Fonte: http://pt.fifa.com/

São Paulo – Brasil – 00:18

Siga o Batom e Futebol no Twitter, a casa do Futebol Alemão no Brasil: @Batom_efutebol

Follow Batom and Futebol on Twitter, the home of German Football in Brazil:  @Batom_efutebol

Josy Galvão

Miroslav Klose marca duas vezes, e Lazio encerra jejum de vitórias na Itália

Klose Lazio (Foto: Getty Images)Klose festeja um de seus gols pelo Lazio
contra o Livorno (Foto: Getty Images)

O Lazio contou com o artilheiro Klose para, enfim, terminar o jejum de vitórias no Campeonato Italiano. Neste domingo, o time da capital italiana derrotou o Livorno em casa por 2 a 0, com dois gols do atacante alemão, e encerrou uma série de seis partidas sem triunfos na Serie A.

A vitória deve aliviar a pressão sobre o técnico Vladimir Petkovic, que, em entrevista coletiva no sábado, havia dito que o duelo com o Livorno poderia ser o último dele no comando do Lazio. A equipe não vem bem na temporada e sofre com a queda de rendimento de seus principais jogadores – um deles, o jovem atacante Keita, foi cortado da partida por problemas disciplinares.

Por outro lado, Petkovic lançou mão de seu contingente brasileiro para conseguir a vitória. O zagueiro André Dias e os meias Hernanes e Ederson foram titulares no Lazio, enquanto Felipe Anderson ficou no banco de reservas.

Com tantos problemas, o triunfo em casa foi um encorajador, já que o Lazio conseguiu subir quatro posições, saindo do 13º para o nono lugar, com 20 pontos. Para o Livorno, o resultado foi péssimo: o time segue na 18ª colocação, na zona de rebaixamento, com 13 pontos. 
Klose Hernanes Lazio (Foto: Getty Images)Hernanes cumprimenta o artilheiro Klose (Foto: Getty Images)

Fonte: http://globoesporte.globo.com

São Paulo – Brasil – 22:09

Siga o Batom e Futebol no Twitter, a casa do Futebol Alemão no Brasil: @Batom_efutebol

Follow Batom and Futebol on Twitter, the home of German Football in Brazil:  @Batom_efutebol

Josy Galvão