Posts Tagged ‘oliver bierhoff’

Alemanha – Seleção Alemã apresenta a sua nova identidade e o seu novo ônibus

“Die Mannschaft” (O Time), esta é a nova identidade da Seleção Alemã de Futebol que até então nunca havia carregado um  nome como as outras grandes seleções do planeta bola, tais como a França (Le Bleus), Itália (Squadra Azzurra), Espanha (Furia Roja), Holanda (Oranje) e o Brasil (Seleção). A nova identidade foi apresentada dois dias antes do jogo amistoso entre a Alemanha e os EUA em Colônia.

De acordo com Oliver Bierhoff, “poderíamos adotar muitas denominações, mas nenhuma que tenha prevalecido e expressando o que nossa equipe representa: criatividade, habilidade, respeito, fair play e espírito de equipe”

Em paralelo,  a Daimler apresentou o novo ônibus da equipe nacional alemã juntamente com o manager da equipe, Oliver Bierhoff e os jogadores Jonas Hector, Lukas Podolski e Bastian Schweinsteiger .

476 hp está dirigindo a nova equipe da DFB.

O novo veículo vem equipado com alto sistema de segurança e motor de oito cilindros, mede 13 metros de comprimento e tem, pelo menos na versão de produção mais luxuosa 46 lugares. Se a versão de futebol é diferente, não é conhecido.

Estofados em couro fino para conforto de todos

Confira o vídeo!

São Paulo – Brasil – 00:20

Siga o Batom e Futebol no Twitter, a casa do Futebol Alemão no Brasil: @Batom_efutebol

Follow Batom and Futebol on Twitter, the home of German Football in Brazil:  @Batom_efutebol

Por Josy Galvão

Klose poderá se tornar técnico e trabalhar na Federação Alemã de Futebol

O “manager” da seleção alemã de futebol, Oliver Bierhoff, planeja levar Miroslav Klose para a DFB (Federação Alemã de Futebol): “Acredito que possamos ter uma proposta atraente para Miro. Temos que pensar sempre como integrar ex-jogadores da seleção no nosso trabalho e oferecer-lhes uma plataforma para continuarem ativos no futebol”, declarou Bierhoff ao jornal Bild. 

Após a conquista da Copa do Mundo no Brasil, Klose (36 anos) encerrou sua carreira na “Nationalmannschaft”. O seu contrato com a Lazio Roma se encerra em 2016. O atacante tem declarado reiteradas vezes que pensa em se tornar técnico de futebol: “Ser técnico da Federação é uma possibilidade. Vou conversar com o diretor de esportes, Hansi Flick. Há muitas seleções “Sub” para serem dirigidas e esta é uma tarefa que pode ser interessante para mim”, disse Klose ao site kicker.

Fonte: http://www.bundesliga.com.br/

Por: Gerd Wenzel

São Paulo – Brasil –23:04

Siga o Batom e Futebol no Twitter, a casa do Futebol Alemão no Brasil: @Batom_efutebol

Follow Batom and Futebol on Twitter, the home of German Football in Brazil:  @Batom_efutebol

Josy Galvão

Para Oliver Bierhoff, Khedira deveria voltar para a Bundesliga

O diretor de esportes da Federação Alemã de Futebol, Oliver Bierhoff, vê com bons olhos uma eventual volta de Sami Khedira para a Bundesliga: “Faria bem para ele. Ele se sentiria bem e mais seguro. Khedira amadureceu muito e acumulou muita experiência. De fato, pode jogar em qualquer clube top de linha”, declarou o dirigente ao jornal Bild am Sonntag.

O campeão mundial Khedira havia anunciado na última sexta-feira que ao final da temporada deixaria o Real Madrid e não renovará o seu contrato com os “merengues” que vence em junho deste ano. O Schalke 04 teria interesse em contratar o volante da seleção alemã.

Sobre o futuro incerto de Lukas Podolski, atualmente cedido por empréstimo para a Inter de Milão pelo Arsenal, Bierhoff declarou: “Podolski é muito emotivo e precisa de um ambiente que lhe seja favorável. Após sua experiência na Inter, eu o aconselharia a escolher bem o clube onde vai jogar. Ele só deveria jogar num time onde ele tem certeza que será bem recebido e tem chances de jogar continuadamente.”

Fonte: http://www.bundesliga.com.br/

Por: Gerd Wenzel

São Paulo – Brasil – 20:31

Siga o Batom e Futebol no Twitter, a casa do Futebol Alemão no Brasil: @Batom_efutebol

Follow Batom and Futebol on Twitter, the home of German Football in Brazil:  @Batom_efutebol

Josy Galvão

Mesut Özil fica surpreso por ser chamado de ‘germano-turco’

Foto: AFP

Por mais que tenha orgulho de suas raízes turcas, o meia Mesut Özil, campeão mundial com a Alemanha, não escondeu que o fato de ser constantemente chamado de “germano-turco” lhe causa estranheza, em entrevista publicada nesta quarta-feira, na revista Sport Bild.

“Não fico irritado, apenas surpreso. Sou o único que chamam desta forma. Ninguém diz que Sami Khedira é germano-tunisiano, nem que Lukas Podolski ou Miroslav Klose são germano-poloneses”, reclamou o jogador do Arsenal.

“Sou nascido e criado em Gelsenkirchen, na Alemanha”, insistiu.

“Tenho muito orgulho por ter crescido com estas duas culturas. Como jogador, sou uma mistura de disciplina e rigor tático alemão com técnica turca”, resumiu.

Criticado por não cantar o hino nacional alemão, Özil deixou claro que não quer “desrespeitar ninguém”, mas “prefere se concentrar na partida e rezar para não se lesionar”.

Em meio a uma onda de xenofobia crescente na Alemanha, o coordenador técnico da seleção, Oliver Bierhoff, considerou “perfeitos exemplos de integração” Özil, Khedira, Ilkay Gundogan e Shkodran Mustafi, todos jogadores alemães filhos de imigrantes.

A Alemanha disputou nesta quarta-feira um amistoso contra Austrália, antes do duelo de domingo com a Geórgia, pelas eliminatórias da Europa-2016. A partida terminou empatada em 2 a 2.

Fonte: http://esporteinterativo.com.br/

São Paulo – Brasil – 22:19

Siga o Batom e Futebol no Twitter, a casa do Futebol Alemão no Brasil: @Batom_efutebol

Follow Batom and Futebol on Twitter, the home of German Football in Brazil:  @Batom_efutebol

Josy Galvão

Bierhoff: Germany winning over the world

Bierhoff: Germany winning over the world

© Getty Images

Germany’s general manager Oliver Bierhoff believes football fans around the globe are finally warming to the national team as a result of their FIFA World Cup™ triumph.

Bierhoff hopes that previous accusations of arrogance are now a thing of the past with the team instead earning praise for their conduct both on and off the pitch in Brazil.

Speaking to newspaper Frankfurter Allgemeine Sonntagszeitung, he said: “I’ve rarely heard people say so often when I am abroad that we’ve got a great group of lads who made such a good impression and were so nice.

“And then in the end, they always says that we were also the best and we deserved the title. It was not so much the sporting aspect but our conduct which stood out.”

Even after Germany demolished hosts Brazil 7-1 in the semi-finals, Bierhoff insists there was never any self-importance on show in the dressing room.

“We did not celebrate in a huge way but rather put an arm round our opponents’ shoulder and consoled them,” added the UEFA EURO 1996 winner. “We never got big-headed but just said that it was another step forwards. In that moment we were no longer the ugly Germans. That is a sensation that this young generation emits.”

Fonte: http://www.fifa.com/

São Paulo – Brasil – 22:48

Siga o Batom e Futebol no Twitter, a casa do Futebol Alemão no Brasil: @Batom_efutebol

Follow Batom and Futebol on Twitter, the home of German Football in Brazil:  @Batom_efutebol

Josy Galvão

Bierhoff aconselha Reus a permanecer no Borussia Dortmund

O jogador está na mira de Bayern de Munique, Real Madrid e Barcelona

O ex-jogador e diretor esportivo da Alemanha, Oliver Bierhoff, aconselha Marco Reus a ignorar o interesse de outros clubes e permanecer no Borussia Dortmund ao final da temporada.

O meia-atacante de 25 anos, foi intimamente especulado como reforço de Bayern de Munique, Real Madrid e Barcelona. No entanto, Bierhoff, que trabalha com Reus na seleção alemã, acredita que ele deveria desprezar o interesse das outras equipes.

“Eu consigo imaginá-lo [Reus] permanecendo no Dortmund, facilmente.”, disse Bierhoff ao Sky90.

“O Dortmund é como um banco para ele. O coração de Marco está em Dortmund. Ele sabe o que ele fez lá e que ele sentem por ele”, acrescentou o ex-jogador.

Essa estabilidade pode ser o diferencial entre permanecer no clube da Westfália ou tentar a sorte em outra região, ou país.

“Marco é alguém que precisa de um ambiente harmonioso. Financeiramente, Reus iria receber mais de qualquer maneira, se ele ficar em Dortmund.”

“[Uma transferência] sempre é um risco, mas também um grande incentivo. Se você é uma prioridade para o Real Madrid, ou está lista de compras de Barcelona, é de se imaginar quando uma chance dessas apareceria novamente”, analisou ele.

Reus tem contrato com o BVB até junho de 2017, mas tem uma cláusula de rescisão de apenas € 25 milhões de euros, que se torna ativa já na próxima temporada.

Fonte: http://www.goal.com/

São Paulo – Brasil – 00:05

Siga o Batom e Futebol no Twitter, a casa do Futebol Alemão no Brasil: @Batom_efutebol

Follow Batom and Futebol on Twitter, the home of German Football in Brazil:  @Batom_efutebol

Josy Galvão

Filme sobre o tetra da Seleção Alemã na Copa estreia em novembro

O triunfo da Alemanha na Copa do Mundo do Brasil virou filme que terá sua estreia nos cinemas alemães em novembro deste ano. Foi o que confirmou o “manager” da “Nationalelf” (os onze nacionais), Oliver Bierhoff, nesta quarta-feira em Frankfurt. A estreia se dará em Berlim no dia 10 de novembro antes das partidas contra Gibraltar (eliminatórias da Euro 2016) e Espanha (amistoso).

O filme “Die Mannschaft” (A Seleção) de 90 minutos também poderá ser visto na TV a partir de dezembro. “Neste filme toda emoção da Copa do Mundo, dos jogos e também do nosso centro de treinamento na Bahia poderá ser sentida mais uma vez. Esperamos que através do filme possamos mostrar à torcida tudo o que rolou nos bastidores desta grande conquista.”

O roteiro incluiu toda preparação, desde o início no Tirol na Itália passando pelo triunfo no Maracanã até a calorosa recepção em Berlim.

Fonte: http://www.bundesliga.com.br/

São Paulo – Brasil – 22:43

Siga o Batom e Futebol no Twitter, a casa do Futebol Alemão no Brasil: @Batom_efutebol

Follow Batom and Futebol on Twitter, the home of German Football in Brazil:  @Batom_efutebol

Josy Galvão

Löw lamenta demissão de Jens Keller

O técnico Joachim Löw  lamentou a demissão de Jens Keller pelo Schalke 04: “Sei que é uma decisão do Schalke 04, onde não posso me envolver. Certamente os dirigentes pensaram bem no que estão fazendo. Mas mesmo assim lamento muito pelo Jens”, declarou o técnico nesta terça-feira de manhã em Frankfurt onde a seleção alemã se reuniu para os preparativos visando os jogos pelas eliminatórias da Euro 2016 contra a Polônia e a Irlanda.

O “manager” da seleção, Oliver Bierhoff, disse que “…Keller certamente teve um tempo muito difícil no Schalke e sempre tive a impressão de que era exercida muita pressão sobre o seu trabalho. Ele teve alguns bons resultados, como por exemplo o empate com o Chelsea em Londres (1:1). Pensei que ele teria mais tempo para trabalhar.”

Entretanto, não foi o caso. Nesta terça-feira de manhã, o Schalke anunciou a sua demissão imediata e a contratação de Roberto Di Matteo.

Fonte: http://www.bundesliga.com.br/

São Paulo – Brasil – 22:45

Siga o Batom e Futebol no Twitter, a casa do Futebol Alemão no Brasil: @Batom_efutebol

Follow Batom and Futebol on Twitter, the home of German Football in Brazil:  @Batom_efutebol

Josy Galvão

Oliver Bierhoff quer o título na Eurocopa 2016

Depois da conquista do quarto título mundial da Alemanha no Brasil, o grande objetivo, de acordo com o manager da seleção alemã, Oliver Bierhoff, é o triunfo na Eurocopa 2016 que se realizará na França: “Este é o nosso grande objetivo. Sabemos que não será fácil. Seremos o time a ser batido e os concorrentes serão muito fortes”, declarou Bierhoff ao jornal “Bild am Sonntag”.

Os próximos compromissos da “Nationalelf” pelas eliminatórias da Euro serão contra a Polônia em 11 de outubro na capital polonesa e contra a Irlanda em 14 de outubro na cidade de Gelsenkirchen (Veltins Arena). O primeiro jogo nesta competição foi contra a Escócia em Dortmund que a Alemanha venceu por 2 a 1.

Naquela partida o estádio não estava completamente lotado mas isto não preocupou Bierhoff: “Era ainda época de férias, a Bundesliga mal tinha começado e a Copa do Mundo ainda estava na cabeça de todos. O preço dos ingressos talvez mereça ser revisto, porque a Federação deve manter muito atrativos os jogos da nossa seleção quando atua no seu próprio país”, finalizou o manager.

Fonte: http://www.bundesliga.com.br/

São Paulo – Brasil – 23:56

Siga o Batom e Futebol no Twitter, a casa do Futebol Alemão no Brasil: @Batom_efutebol

Follow Batom and Futebol on Twitter, the home of German Football in Brazil:  @Batom_efutebol

Josy Galvão

Bierhoff não vê problema de liderança na Seleção Alemã

Mesmo com a aposentadoria do capitão Philipp Lahm, do artilheiro Miroslav Klose e do zagueiro Per Mertesacker, o “manager” da seleção alemã, Oliver Bierhoff, não vê problemas de liderança na “Nationalelf”. Na sua opinião, outros jogadores deverão assumir maiores responsabilidades como “…Manuel Neuer e Sami Khedira, por exemplo. E tem ainda Mario Götze, Andre Schürrle e Marco Reus que precisam assumir maiores responsabilidades.”

Bierhoff lembra que “…durante a Copa do Mundo, jogadores como Müller, Khedira, Neuer e Hummels cresceram muito e vão exercer o seu papel de liderança na equipe rapidamente. Benedikt Höwedes também  se desenvolveu muito no Brasil. Além disso, quando Bastian Schweinsteiger voltar, assumirá como capitão e será um fator de agregação e harmonia na equipe.”

Fonte: http://www.bundesliga.com.br/

São Paulo – Brasil – 22:43

Siga o Batom e Futebol no Twitter, a casa do Futebol Alemão no Brasil: @Batom_efutebol

Follow Batom and Futebol on Twitter, the home of German Football in Brazil:  @Batom_efutebol

Josy Galvão