Posts Tagged ‘Podolski’

Podolski assina por três anos com o Galatasaray

Oficial! Podolski assina por três anos com o Galatasaray

Já estava tudo praticamente certo, mas neste sábado tornou-se oficial: Podolski é o novo reforço do Galatasaray. O meia-atacante alemão deixa o Arsenal após três anos, e defenderá a camisa do gigante turco por três temporadas.

Em 2014-15, sem receber muitas chances entre os titulares do técnico Arséne Wenger, Podolski acabou sendo emprestado para a Internazionale de Milão. Entretanto, não teve sucesso com a camisa nerazzurri.

Agora, o carismático alemão espera recuperar o melhor de seu futebol no atual campeão turco. E em seu primeiro pronunciamento como atleta do clube, Podolski voltou a elogiar o fanatismo dos torcedores do Galatasaray.

“O Galatasaray também fez propostas no último ano”, afirmou. “Mas neste ano o interesse foi mais intenso, meus pais queriam que eu viesse para cá (…) O Galatasaray foi campeão no último ano. Nós vamos jogar para sermos campeões nos próximos anos. Estamos buscando chegar em um nível adiante”.

“Eu tenho seguido o Galatasaray há um longo tempo, sei que há uma grande atmosfera no estádio. Os torcedores do Galatasaray me deram muita atenção e estão animados comigo. Este foi um grande fator na minha tomada de decisão”, finalizou.

Fonte:   http://www.goal.com/

São Paulo – Brasil – 00:22

Siga o Batom e Futebol no Twitter, a casa do Futebol Alemão no Brasil: @Batom_efutebol

Follow Batom and Futebol on Twitter, the home of German Football in Brazil:  @Batom_efutebol

Josy Galvão

Podolski vai tentar a sorte no Galatasaray

 Foto: Reprodução Twitter

Inglaterra, Itália, Turquia – após a Copa do Mundo, Podolski continua viajando pela Europa e agora vai se transferir para o campeão turco Galatasaray Istambul. O agente do jogador, Nassim Touihri, confirmou ao jornal Bild que Podolski está de malas prontas: “Tivemos uma boa conversa com Arsene Wenger porque ele pretendia ficar com Lukas, mas sem lhe garantir uma vaga no time titular. Por este motivo, optamos por uma mudança.”

O clube turco vai pagar 4 milhões de Euros (aproximadamente R$ 13 milhões) para ter o campeão mundial em suas fileiras até 2018. Podolski saiu do Colônia em 2012 para atuar no Arsenal. Ultimamente, porém, já não estava mais nos planos de Wenger e foi emprestado para a Inter de Milão no começo do ano onde “Poldi” não conseguiu se firmar.

Com sua saída do clube de Londres, Podolski atendeu uma exigência do técnico da seleção alemã, Joachim Löw que ainda espera contar com o jogador na Eurocopa 2016: “Eu disse ao Lukas que ele precisa de mais prática de jogo  – pelo menos 30 a 40 partidas completas por temporada. Ele precisa jogar porque ficar dois anos sem esta prática de jogo não seriam uma boa base para ele estar conosco na Euro 2016″, explicou Löw.

Agora é bem provável que ele terá a chance de se firmar como titular no clube turco e com isto até melhorar a sua situação na “Mannschaft” onde ultimamente tem apenas esquentado o banco ou então, como aconteceu durante a Copa do Mundo, foi destaque nas mídias sociais e eleito pelos fãs o “Rei do Selfie da Copa 2014″.

Por Gerd Wenzel

Fonte:    http://www.bundesliga.com.br/

São Paulo – Brasil – 23:36

Siga o Batom e Futebol no Twitter, a casa do Futebol Alemão no Brasil: @Batom_efutebol

Follow Batom and Futebol on Twitter, the home of German Football in Brazil:  @Batom_efutebol

Josy Galvão

Alemanha – O Werder Bremen está interessado na contratação de Podolski

Após declarar em sua conta do Twitter que deixará a Inter de Milão, a imprensa alemã noticiou que o Werder Bremen estaria interessado na contratação do atacante Lukas Podolski (torcedor declarado do Colônia). Podolski está na Inter a título de empréstimo pelo Arsenal, o mesmo tem contrato com o time inglês até julho de 2016 mas não faz parte dos planos de Arsene Wenger.

O atacante polaco-germânico viria para a equipe hanseática se confirmada a saída de Franco di Santo, mas de acordo com o site Transfermarket, o Werder teria a concorrência do Galatasaray, da Turquia, que também estaria interessado no atleta.

São Paulo – Brasil – 23:56

Siga o Batom e Futebol no Twitter, a casa do Futebol Alemão no Brasil: @Batom_efutebol

Follow Batom and Futebol on Twitter, the home of German Football in Brazil:  @Batom_efutebol

Por Josy Galvão

 

 

Podolski se defende das ácidas críticas da mídia

Com seu gol na noite de ontem (quarta-feira), Lukas Podolski garantiu o empate da Alemanha com a Austrália (2 a 2) e, de quebra, superou Klinsmann e Völler na lista de artilheiros da seleção alemã. Ao todo, já marcou 48 gols pela Alemanha. Logo depois do jogo ele partiu para a ofensiva contra os seus críticos contumazes.

“A mídia alemã repete tudo o que os jornais italianos publicam”, declarou irritado o jogador que, após sua transferência do Arsenal para a Inter de Milão, está sendo alvo de pesadas críticas por conta da imprensa italiana.

Klinsmann e Völler eram ídolos na Itália, mas Podolski diariamente sofre críticas humilhantes. O Corriere dello Sport, por exemplo, escreveu que “Podolski foi a pior aquisição de todos os tempos da Inter”. Pelo menos até agora, Podolski ainda não mostrou a que veio no clube italiano, mas ele está disposto a lutar e mostrar o seu valor:

“O que querem que eu faça? Me esconder por aí e encerrar minha carreira? Sempre fiz parte  da seleção e espero continuar sendo por mais algum tempo”, declarou o atacante de 29 anos que costuma ser utilizado por Joachim Löw como eventual substituto no segundo tempo, exatamente como aconteceu contra a Austrália.

“Sempre fico feliz quando sou convocado, me esforço ao máximo durante os treinos e a decisão de me escalar ou não fica por conta do técnico” disse ainda o jogador e acrescentou: “Quanto ao jogo, não foi o que esperávamos, mas nosso foco é a Georgia. Precisamos jogar mais.”

Joachim Löw, por sua vez, não deixou dúvidas: “Tenho a impressão que tem gente interessada na sua aposentadoria, mas fato é que ele agrega muito valor à seleção e os números falam por si”, referindo-se claramente aos gols que Podolski marcou pela Alemanha até agora: foram 48 em 122 jogos. Sem esquecer que, se ele é considerado na sua cidade natal “O príncipe de Colonia”, no Brasil, durante a Copa do Mundo, ele acabou sendo “O rei da simpatia”.

Fonte: http://www.bundesliga.com.br/

Por: Gerd Wenzel

São Paulo – Brasil –23:12

Siga o Batom e Futebol no Twitter, a casa do Futebol Alemão no Brasil: @Batom_efutebol

Follow Batom and Futebol on Twitter, the home of German Football in Brazil:  @Batom_efutebol

Josy Galvão

A última chance de Podolski

Joachim Löw ainda deposita sua confiança em Lukas Podolski, mas isto certamente não durará para sempre. Quando o jogador chegou em Frankfurt ontem (segunda-feira) ao sair da Van, apenas comentou: “Está tudo bem comigo, mais não há nada para dizer.” Em seguida, se recolheu aos seus aposentos no hotel. Falar muito não adianta mesmo para Podolski. Ele vai precisar mostrar serviço em campo, caso contrário os seus dias na seleção alemã estarão contados. Em julho do ano passado, o jogador de 29 anos, conquistou a Copa do Mundo, mas já naquela ocasião não fazia parte do time titular. 

Mesmo nos clubes, o “príncipe de Colônia”, vai curtindo um banco de reservas – primeiro no Arsenal e agora na Inter de Milão. E mesmo assim, Joachim Löw o convocou para os jogos contra a Austrália e a Georgia: “Lukas sempre se engajou muito pela “Nationalelf” e fez muito pelo nosso time. Neste momento vou lhe dar todo apoio que ele precisa”, declarou o técnico na TV.

Löw conhece Podolski desde 2004. Ambos tem um relacionamento profissional e pessoal muito especial, mas apesar disso, o técnico foi claro: “Não existe cadeira cativa na seleção. O que conta é o desempenho. Ele tem o potencial e foi por isto que o convoquei. Ele precisa sentir que as pessoas confiam nele para poder render bem.”

Fonte: http://www.bundesliga.com.br/

Por: Gerd Wenzel

São Paulo – Brasil –23:31

Siga o Batom e Futebol no Twitter, a casa do Futebol Alemão no Brasil: @Batom_efutebol

Follow Batom and Futebol on Twitter, the home of German Football in Brazil:  @Batom_efutebol

Josy Galvão

‘Daqui a dois anos tudo pode acabar’, afirma Podolski

Podolski fez poucos jogos nesta temporada e por isso está insatisfeito nos Gunners. Foto: AFP.

Lukas Podolski é sem dúvida um jogador que é mais reconhecido pelas mídias sociais do que suas atuações nas quatro linhas. Na Copa do Mundo do Brasil, o atacante foi uma febre de interação com os brasileiros nas mídias e entrou em campo somente duas vezes na competição. Apesar de toda essa vida digital, o alemão fala em entrevista à Gazzetta dello Sport que ama jogar futebol.

“De onde vem a minha motivação? Do prazer de estar em contato com o futebol. Daqui dois anos tudo pode acabar, por isso não quero perder um único dia. Não jogo por dinheiro”, declarou.

Sem muitas oportunidades no time do Arsenal, Podolski estava insatisfeito e foi emprestado à Inter de Milão em janeiro pelo período de uma ano. Além de falar de sua carreira como um todo, o alemão já havia se pronunciado esse ano dizendo que também iria se aposentar da Seleção após a Eurocopa 2016.

Fonte: http://esporteinterativo.com.br/

São Paulo – Brasil – 23:41

Siga o Batom e Futebol no Twitter, a casa do Futebol Alemão no Brasil: @Batom_efutebol

Follow Batom and Futebol on Twitter, the home of German Football in Brazil:  @Batom_efutebol

Josy Galvão

Na estreia de Podolski, Inter e Juventus empatam

Podolski estreou nesta terça com a camisa da Inter de Milão
Podolski estreou nesta terça com a camisa da Inter de Milão
O estreante Lukas Podolski, recém-contratato pela Internazionale, apontou como o protagonista da noite no clássico entre a Juventus e o time de Milão, nesta terça-feira, em Turim, mas foram dois argentinos os autores dos gols do empate por 1 a 1, na 17ª do Campeonato Italiano – a primeira de 2015 -, com assistências sul-americanas.

Aos cinco minutos de jogo, o chileno Vidal passou pelo compatriota Medel com elegante toque de letra e cruzou para o argentino Tévez escorar para a rede a favor dos juventinos, líderes da Série A. Carlitos é o artilheiro da competição com 11 tentos.

Outro argentino, Icardi, deixou tudo igual. O jovem de 21 anos recebeu bom passe vertical do ‘vizinho colombiano’ Guarin e tocou na saída de Buffon aos 19 minutos do segundo tempo. Nas quatro vezes em que enfrentou a ‘Vecchia Signora’, Icardi balançou a rede. Kovacic foi expulso do lado visitante no fim graças a duro carrinho em Lichtsteiner.

O campeão do mundo de 2014 com a Alemanha Podolski, ex-Arsenal, entrou na partida aos nove minutos da etapa final e não teve grande participação no jogo. Ainda pela Inter, o zagueiro brasileiro Juan Jesus e o meia ex-são-paulino Hernanes foram titulares nesta terça, e o lateral esquerdo Dodô, revelado pelo Corinthans, ficou no banco.

A diferença da Juve na ponta do Italiano cai para apenas um ponto ao final da rodada, já que nessa segunda-feira a Roma, segundo colocada, derrotou a Udinese por 1 a 0, fora de casa: são 40 pontos contra 39. Totalmente fora da disputa pelos primeiros lugares, a Inter está na 12ª posição, com 22 pontos.

Domingo que vem, a Juventus reencontra em Nápoles, na penúltima rodada do primeiro turno, o Napoli, para quem perdeu o título da Supercopa Italiana, no final do ano passado. A Inter recebe o Genoa no mesmo dia.

 

Fonte: http://espn.uol.com.br/

São Paulo – Brasil – 20:52

Siga o Batom e Futebol no Twitter, a casa do Futebol Alemão no Brasil: @Batom_efutebol

Follow Batom and Futebol on Twitter, the home of German Football in Brazil:  @Batom_efutebol

Josy Galvão

‘Jornais mentem’, dispara Podolski contra a imprensa inglesa

Foto: AFP

Após ter dito publicamente não estar satisfeito com sua situação no Arsenal, o nome do atacante Lukas Podolski ficou cercado de especulações sobre o seu destino em 2015. Contudo, o campeão da Copa do Mundo de 2014, ficou furioso após o jornal britânico The Mirror insinuar que ele teria abandonado o treino alegando uma lesão para forçar o Arsenal a facilitar sua saída do clube.

(Reprodução/Instagram)

(Reprodução/Instagram)

 

“Eu tento não comentar as estórias que vejo nos jornais, mas quando eu leio algo que questiona meu comprometimento e amor pelo clube eu preciso desabafar. Aqui o ‘The Mirror’ tentou inventar algo que não aconteceu. Eu acho incrível como estes jornais são capazes de publicar mentiras para chamar atenção. Para abandonar o campo, eu precisaria estar no campo em primeiro lugar. Mas eu fiquei a sessão inteira no departamento médico. Mesmo assim, desejo ao ‘The Mirror’ um feliz ano novo e mais sorte ao fazer manchetes corretas”, desabou Podolski no Instagram.

O Arsenal enfrentou o Southampton hoje na famosa partida do primeiro dia do ano e perdeu por 2 a 0.

Fonte: http://esporteinterativo.com.br/

São Paulo – Brasil – 00:18

Siga o Batom e Futebol no Twitter, a casa do Futebol Alemão no Brasil: @Batom_efutebol

Follow Batom and Futebol on Twitter, the home of German Football in Brazil:  @Batom_efutebol

Josy Galvão

Lothar Matthäus avalia negativamente a ida de Lukas Podolski à Inter de Milão

(Getty Images)(Getty Images)

Capitão da Alemanha que venceu a Copa do Mundo de 1990 e eleito melhor do mundo pela FIFA em 1991, o ex-jogador Lothar Matthäus foi duro ao criticar um possível acerto do seu compatriota, o atacante Lukas Podolski, com a Inter Milão. Para ele, o jogador do Arsenal estaria assinando com um time medíocre.

“De um ponto de vista, Podolski e Inter de Milão se dariam bem porque ambos tem grandes nomes e um considerável sucesso no passado. E isso pode ser positivo para ambos buscarem o sucesso novamente juntos”, afirmou o ex-jogador em entrevista ao Hamburgo Morgenpost. “Mas é triste ver onde a Inter de Milão está agora. Eles se tornaram um clube medíocre. Então Podolski assinaria com um clube medíocre, mesmo a Inter sendo capaz de dar mais vantagens financeiras que outros clubes na Itália”.

Dentre outros clubes, Lothar Matthäus defendeu a Inter de Milão por quatro anos. Lá conquistou um Campeonato Italiano e a Copa da UEFA. O ex-jogador também aproveitou a oportunidade para criticar abertamente o campeão da Copa do Mundo de 2014, dizendo que Podolski precisa para de culpar os outros por seus erros.

“O que o Podolski quer não importa. O que importa é o que o Arsenal quer. Ele tem que cumprir seu contrato”, disparou. “No Bayern, ele foi mal. O único clube que ele conseguiu ser regular foi no Colônia. Você não pode ficar sempre culpando os outros quando as coisas dão errado”, finalizou.

Fonte: http://esporteinterativo.com.br/

São Paulo – Brasil – 23:16

Siga o Batom e Futebol no Twitter, a casa do Futebol Alemão no Brasil: @Batom_efutebol

Follow Batom and Futebol on Twitter, the home of German Football in Brazil:  @Batom_efutebol

Josy Galvão

Podolski admite conversar com Wenger para decidir se deixa o Arsenal

O atacante Podolski pode estar de saída do Arsenal

Lukas Podolski reiterou o seu desejo de ter mais oportunidades na equipe titular do Arsenal e revelou que ele está decidido a conversar a respeito de seu futuro com o técnico Arsene Wenger.

O alemão lamentou seu papel secundário nesta temporada, e por isso tem sido fortemente ligado a uma possível transferência em janeiro.

O atacante de 29 anos acredita que tenha demonstrado o suficiente em suas atuações para justificar um papel mais marcante e por isso faz questão de sentar-se com Wenger antes de tomar a decisão de sair do clube.

“O assunto a respeito de uma transferência precisa ser resolvido, porque não posso continuar assim. Eu não tenho 20 ou 21 anos e não quero esperar a minha chance. Eu estou com 29. Eu quero jogar.” disse Podolski ao jornal polonês Super Express.

O jogador garante que está se empenhando ao máximo e lembra que não decepcionou quando teve oportunidade.

“O que mais posso fazer? Eu joguei como titular na Champions League  e marquei dois gols. Então, voltei novamente para o banco. Eu não sei o que mais eu preciso mostrar para o treinador.”, desabafou.

O atacante reconhece que o treinador sabe o que é melhor para o grupo, mas lembra que também precisa buscar as melhores oportunidades para sua carreira, então ele confirma que agendará a conversa.

“[Wenger] não é cego, ele vê o quanto eu me doei. Ele também é responsável pelos resultados, eu entendo, mas nos próximos dias eu vou falar com ele. Eu quero saber o que o clube tem em mente em relação a mim.”, admitiu.

Quando pressionado sobre o interesse da Inter de Milão e Roma, Podolski não descartou a possibilidade de se mudar para a Itália, embora tenha mais uma vez ressaltado seu desejo de falar com Wenger primeiro.

“Nada é  conclusivo. Primeiro eu preciso saber qual é a posição do Arsenal.”, concluiu.

Fonte: http://www.goal.com/

São Paulo – Brasil – 22:59

Siga o Batom e Futebol no Twitter, a casa do Futebol Alemão no Brasil: @Batom_efutebol

Follow Batom and Futebol on Twitter, the home of German Football in Brazil:  @Batom_efutebol

Josy Galvão