Posts Tagged ‘queens park rangers’

Drogba não pensa em aposentadoria e faz mistério sobre futuro

Drogba com a medalha do título da Liga dos Campeões vencido pelo Chelsea em 2012. Foto: Getty Images.

Aos 37 anos, o atacante marfinense Didier Drobga deixou claro que não pretende pendurar as chuteiras ao final desta temporada, mas seu futuro com o Chelsea continua incerto.

“Já tomei minha decisão, e tudo que posso dizer é que esta não é minha última temporada”, afirmou o veterano depois da vitória de domingo sobre o Queens Park Rangers (1-0).

Ao ser perguntado se pensa em continuar no Chelsea apesar de não ser titular, o marfinense foi enigmático. “É difícil entrar nesses jogos nesse tipo de situação, mas sempre procuro dar meu melhor”, ressaltou.

Na semana passada, o técnico do Chelsea, José Mourinho, disse que ainda não conversou com Drogba sobre o futuro. “Temos muita coisa para conversar, mas não sei o que ele quer”, despistou o português.

Drogba voltou ao clube londrino nesta temporada, depois de uma primeira passagem brilhante, de 2004 a 2012, com 157 gols em oito temporadas, e uma atuação heroica na final da Liga dos Campeões de 2012, vencida nos pênaltis diante do Bayern de Munique.

Mesmo sem ser titular, o veterano marfinense anotou seis gols em 35 jogos nesta temporada.

Fonte: http://esporteinterativo.com.br/

São Paulo – Brasil – 22:30

Siga o Batom e Futebol no Twitter, a casa do Futebol Alemão no Brasil: @Batom_efutebol

Follow Batom and Futebol on Twitter, the home of German Football in Brazil:  @Batom_efutebol

Josy Galvão

Chelsea mantém vantagem na ponta

Com gol de Oscar, Chelsea mantém vantagem na ponta

© Getty Images

O Chelsea segue firme na liderança do Campeonato Inglês e ainda como o último invicto da competição. Neste sábado, os Blues não foram brilhantes, mas venceram o Queens Park Rangers por 2 a 1 em Stamford Bridge, com direito a gol do brasileiro Oscar e outro do belga Éden Hazard. Austin descontou para os visitantes.

A vitória apertada levou o Chelsea a 26 pontos, mantendo quatro de vantagem para o Southampton, que venceu o Hull City na mesma rodada e não deixou o rival disparar na liderança. O Queens Park Rangers, por sua vez, se manteve no penúltimo lugar, com sete pontos.

Atuando em casa, o Chelsea não demorou a deixar clara sua superioridade em relação ao adversário. Contando com o retorno de Diego Costa, recuperado de lesão, a equipe de José Mourinho mostrou boa movimentação no ataque, com o hispânico-brasileiro fazendo boas jogadas com Oscar, Hazard e Fàbregas.

O gol, contudo, só veio aos 30 minutos. Pegando a defesa adversária desprevenida com uma rápida troca de passes, Oscar recebeu na direita de Fàbregas na entrada da área e soltou um lindo chute de três dedos para colocar seu time em vantagem. Na frente, o Chelsea mostrou certo acomodamento e permitiu que o QPR crescesse no jogo, passando a tocar a bola por mais tempo, embora ainda tivesse dificuldade para criar oportunidades de gol.

No segundo tempo, o time da casa voltou a pressionar, mas mostrou imprecisão na hora do último passe e raramente conseguiu finalizar. Aproveitando um minuto de distração da defesa do Chelsea, Austin, pegando sobra de cruzamento, conseguiu mandar para o gol e empatar o duelo no Stamford Bridge.

O gol sofrido passou a preocupar Mourinho, que chegou a substituir Willian por Drogba. Indo para o tudo ou nada, os Blues por pouco não marcaram em um chute de Oscar, mas seguiram sem o mesmo dinamismo do primeiro tempo. Tudo mudou quando Hazard fez jogada individual e invadiu a área, sendo empurrado por Vargas. O árbitro marcou pênalti, convertido pelo próprio belga, que decretou a vitória londrina.

Arsenal vence
Ainda tentando figurar no pelotão de cima do Inglês, o Arsenal chegou a passar por momentos de sufoco contra o Burnley, mas conseguiu sair com uma vitória confortável por 3 a 0. Todos os gols saíram no segundo tempo, sendo dois de Alexis Sánchez e um de Chambers. Os Gunners se juntaram ao Manchester City, na quarta colocação e 17 pontos na tabela.

Já o Liverpool segue com sua campanha irregular. Fora de casa, a equipe, que teve Philippe Coutinho como titular, foi derrotada pelo Newcastle por 1 a 0, gol Ayoze Pérez. O Newccastle é 11º, com 13 pontos, enquanto os Reds aparecem pouco acima, com 14.

Confira abaixo todos os resultados da rodada de sábado do Campeonato Inglês:

Newcastle 1 x 0 Liverpool
Arsenal 3 x 0 Burnley
Chelsea 2 x 1 QPR
Everton 0 x 0 Swansea
Hull 0 x 1 Southampton
Leicester 0 x 1 West Brom
Stoke 2 x 2 West Ham

Fonte: http://pt.fifa.com/

São Paulo – Brasil – 21:35

Siga o Batom e Futebol no Twitter, a casa do Futebol Alemão no Brasil: @Batom_efutebol

Follow Batom and Futebol on Twitter, the home of German Football in Brazil:  @Batom_efutebol

Josy Galvão

Goleada e 100% de aproveitamento para o faminto Chelsea

Goleada e 100% de aproveitamento para o faminto Chelsea

© Getty Images

O Chelsea mostrou mais uma vez por que é apontado como grande favorito ao título inglês nesta temporada. Com uma atuação ofensiva acima da média e liderada por Diego Costa, a equipe de José Mourinho calou a fanática torcida do Everton no Goodison Park e atropelou os donos da casa por 6 a 3, mantendo os 100% de aproveitamento após três rodadas .

O atacante brasileiro naturalizado espanhol marcou duas vezes e foi o nome do jogo, enquanto Ramires – que foi titular ao lado de Willian (Filipe Luís entrou no segundo tempo e Oscar não atuou), Ivanovic, Matic e Coleman (contra) completaram. Mirallas e Naismith mantiveram a partida viva e o estreante Samuel Eto’o também deixou o dele, mas não conseguiu impedir a vitória do seu ex-clube.

O jogo foi marcado por incríveis reações. O Chelsea saiu na frente em 2 a 0, mas viu o Everton diminuir no final do primeiro tempo. No segundo, a emoção, com as equipes marcando um gol atrás do outro. Entre os 22 e o 31, foram dois para cada lado, o que deixou a o placar em um perigoso 4 a 3 para os visitantes. E quando os anfitriões mais pressionavam – inclusive acertando a trave de Courtois -, os Bluesmarcaram mais duas vezes no fim, com Ramires e Diego Costa, selando o impressionante triunfo.

Com o resultado, os líderes do campeonato foram a nove pontos e agora tenta manter o embalo em duelo direto pela liderança contra o surpreendente Swansea, que também tem nove pontos. O embate será no Stamford Bridge, no próximo dia 13. Já o Everton volta as atenções ao compromisso contra o West Bromwich, também em duas semanas. Com dois pontos, a equipe ainda não venceu neste Campeonato Inglês.

O jejum de Van Gaal

 

Nem mesmo a estreia de Ángel di María foi suficiente para dar ao Manchester United sua primeira vitória em partida oficial na temporada. Simbolizando a urgência da equipe em busca de resultados, o argentino, que foi apresentado no meio da semana, entrou como titular ao lado de nomes como Juan Mata, Wayne Rooney e Robin van Persie, mas pouco fez para superar a fechada defesa rival. O pouco emocionante 0 a 0 ampliou então o jejum de Louis van Gaal, que não sabe o que é vencer desde que chegou a Manchester.

O terceiro tropeço mantém a equipe na segunda metade da classificação. Com dois pontos, os Red Devils buscarão o primeiro triunfo no torneio no próximo dia 14, quando recebem o Queens Park Rangers no Old Trafford. Situação parecida vive o Burnley, recém-promovido à elite e que tem a permanência como principal objetivo. Apesar do primeiro ponto conquistado neste sábado, a torcida já prevê uma temporada recheada de sofrimento. 

Na partida, o United custou a criar na etapa inicial. Geralmente responsável por começar as jogadas, Juan Mata se escondeu e deixou com Fletcher a responsabilidade do primeiro passe. Pouco acionado na primeira etapa, Di María só melhorou na volta do intervalo, com boas arrancadas pela esquerda. Em uma delas, levou a melhor sobre a marcação e jogou a bola na área, mas após confusão em frente ao gol, Van Persie viu seu chute ser salvo em cima da linha.

Com pouco ritmo – não atuava desde a Copa do Mundo da FIFA -, Di María foi substituído pelo brasileiro Anderson aos 25 do segundo tempo, e a equipe ganhou mais força. Com o jogo mais aberto, o Burnleyvislumbrou nos minutos finais a possibilidade de arriscar: em cobrança de falta da intermediária, Taylor bateu direto e quase surpreendeu De Gea.

Atual campeão é surpreendido
Principal rival do United, o Manchester City também decepcionou neste sábado. O atual campeão inglês recebeu o Stoke Ci no Etihad Stadium e amargou uma derrota por 1 a 0. O dono do gol solitário foi Diouf, que venceu os Citizens em contra-ataque rápido para garantir a primeira vitória dos Pottersneste na temporada.

Após três rodadas, o City tem seu bom início na Premier League interrompido em seus domínios. A derrota deixa o time de Manuel Pellegrin estacionado nos seis pontos, mas ainda brigando pelas primeiras colocações. A chance de impor respeito na briga pela liderança é no clássico contra o Arsenal, fora de casa, no próximo dia 13. O Stoke, por sua vez, agora acumula quatro pontos, no meio da classificação e tentam manter embalo ao receber o Leicester também no sábado que vem.

Confira os resultados deste sábado do Campeonato Inglês:

Burnley 0 x 0 Manchester United
Manchester City 0 x 1 Stoke City
Newcastle 3 x 3 Crystal Palace
Queens Park Rangers 1 x 0 Sunderland
Swansea 3 x 0 West Bromwich
West Ham 1 x 3 Southampton
Everton 3 x 6 Chelsea

Fonte: http://pt.fifa.com/

São Paulo – Brasil – 00:24

Siga o Batom e Futebol no Twitter, a casa do Futebol Alemão no Brasil: @Batom_efutebol

Follow Batom and Futebol on Twitter, the home of German Football in Brazil:  @Batom_efutebol

Josy Galvão

Queens Park Rangers volta à elite do futebol inglês

Sábado  foi a final  da Liga dos Campeões, mas a partida entre Atlético de Madrid e Real Madrid, no Estádio da Luz, não teve sequer o recorde de maior público do dia. Afinal, nada menos do que 87.348 pessoas compareceram ao Estádio de Wembley, na tarde de ontem, para ver a partida final dos playoffs da segunda divisão da Inglaterra.

Acusado de, assim como o PSG e o Manchester City, desrespeitar a política de fair play financeiro, gastando muito mais do que arrecada, o Queens Park Rangers conseguiu o acesso depois de uma vitória apertada, por 1 a 0, sobre o Derby County. O gol decisivo foi marcado por Zamora, aos 46 minutos do segundo tempo.

Em busca da vitória, o Derby County pressionou o jogo todo e teve 68% da posse de bola, de acordo com as estatística da BBC. O domínio aumentou depois que O”Neil foi expulso, aos 15 minutos do segundo tempo. No lance do gol, o Derby perdeu a bola no campo de defesa, perto da bandeirinha de escanteio, e o cruzamento chegou para Zamora bater forte, sem chance de defesa.

O QPR é o ex-time de Julio Cesar, que trocou a Inglaterra pelo Canadá, no começo do ano, para ter a chance de jogar no semestre que antecedeu à Copa. Além da equipe londrina, que venceu o playoff, também subiram o Leicester City e o Burnley, pelas duas primeiras colocações na classificação geral. Vale lembrar que Norwich City, Fulham e Cardiff City foram rebaixados. 

Fonte: http://www.estadao.com.br/

São Paulo – Brasil – 19:25

Siga o Batom e Futebol no Twitter, a casa do Futebol Alemão no Brasil: @Batom_efutebol

Follow Batom and Futebol on Twitter, the home of German Football in Brazil:  @Batom_efutebol

Josy Galvão

Julio César espera voltar melhor após lesão

Goleiro fraturou o dedo e será desfalque da seleção nos amistosos de outubro

O goleiro Júlio César no treino da seleção antes do amistoso contra a Itália, na Suíça

O goleiro Julio Cesar passou por uma cirurgia após a fratura do dedo (Mowa Press/Divulgação)

O goleiro Julio César garantiu que a fratura no dedo médio da mão esquerda, sofrida durante um treinamento pelo seu time, o Queens Park Rangers (Inglaterra), vai servir como motivação para melhorar seu desempenho dentro de campo. Nesta semana, o jogador passou por uma cirurgia no local e deve ficar um mês afastado dos gramados. Ele afirmou que vai fazer tudo o que for possível para acelerar o processo de recuperação. “Quando você está em um momento de adversidade, a motivação sempre aumenta e você quer fazer tudo direito. Então estou bem tranquilo e vou fazer tudo o que me pedirem. Não vejo a hora de me recuperar”, disse em entrevista ao SporTV.

Julio César afirmou que vai encontrar dificuldades no seu retorno ao futebol quando for segurar a bola, mas garantiu que a falta de segurança não vai afetar seu desempenho em campo. “Vai ter um bloqueio psicológico no início, mas todos passam por isso. Estou tranquilo e confiante. Vou voltar mais forte.” O goleiro titular da seleção brasileira já foi confirmado por Felipão como o primeiro convocado para a Copa do Mundo de 2014. Julio César declarou que a convocação aumenta sua responsabilidade, mas demonstrou orgulho e prometeu retribuir o apoio recebido pelo treinador da seleção. “Agora é treinar, manter o foco, procurar jogar bem e seguir servindo a seleção.”

O goleiro contou sobre o momento em que aconteceu a lesão. “Na hora, senti muita dor. Foi uma pancada. A bola da segunda divisão (do Campeonato Inglês) é mais pesada. Em um treino, o outro goleiro chutou, a bola chegou mudando de direção e acabou pegando na ponta dos dedos. Na hora, pensei que tinha quebrado todos os dedos. Eu não conseguia apertar nada”, disse o goleiro.

A ausência do jogador nos amistoso diante da Coreia do Sul e da Zâmbia – 12 e 15 de outubro – foi confirmada nesta quarta por Felipão. A convocação do treinador da seleção brasileira para esses amistosos será anunciada no dia 26, ao meio-dia.

Fonte: http://veja.abril.com.br

São Paulo – Brasil –  22:09

Siga o Batom e Futebol no Twitter, a casa do Futebol Alemão no Brasil: @Batom_efutebol

Follow Batom and Futebol on Twitter, the home of German Football in Brazil:  @Batom_efutebol

JGalvão

Eleito melhor goleiro, Júlio César homenageia Casillas

Júlio César homenageou o espanhol Casillas ao receber o prêmio de melhor goleiro do torneio

Júlio César homenageou o espanhol Casillas ao receber o prêmio de melhor goleiro do torneio – Getty

A falha de Júlio César contra a Holanda na eliminação nas quartas de final da Copa do Mundo de 2010 ficou marcada, ele perdeu o lugar na seleção brasileira e depois ainda virou reserva e deixou a Inter de Milão. O desempenho de Júlio César da Copa das Confederações de 2013 rendeu a ele o prêmio de melhor goleiro da competição e a novamente condição de titular inscontestável do Brasil. Em três anos, o camisa 12 conseguiu a superação, que foi coroada com o título neste domingo, após a vitória na final sobre a Espanha, por 3 a 0, no Maracanã.

“Minha família e meus amigos sabem o quanto eu sofri e o quanto ainda venho sofrendo com a eliminação do Mundial de 2010, mas acho que isso já faz parte do passado, estou podendo superar tudo isso. O que vem acontecendo comigo e com a seleção brasileira é maravailhoso, espero dar continuidade”, disse Júlio César, que completou.

“Depois de tudo aquilo que aconteceu após a Copa, foi um momento difícil na minha carreira. A vida de vez em quando te golpeia, te deixa de joelhos, mas só fica de joelhos quem quer. Graças a Deus eu busquei forças para dar essa volta por cima e voltar a sorrir. Fico feliz com esse reconhecimento, é mais um troféu que vai para a miha estante”.

Júlio César destacou a hierarquia do futebol após Brasil vencer a Espanha
Júlio César comemora vitória sobre a  Espanha na final – Getty

Muita coisa mudou na carreira de Júlio César desde aquela falha no gol do holandês Sneijder, no Mundial da África do Sul em 2010, até a defesa do pênalti do uruguaio Forlán, na semifinal, e das importantes espalmadas em chutes de Iniesta e Pedro Rodríguez, na decisão da Copa das Confederações de 2013. De titular absoluto em uma fase vitoriosa da Inter de Milão, na Itália, o goleiro brasileiro passou a atuar pelo modesto Queens Park Rangers, que foi rebaixado para a segunda divisão na Inglaterra.

Mas a experiência e a qualidade de Júlio César voltaram à tona depois que o técnico Luiz Felipe Scolari assumiu o comando da seleção brasileira e convocou novamente o atleta de 33 anos, no início desta temporada. Hoje, o camisa 12 é o dono da posição no Brasil, deixando os também excelentes Diego Cavalieri e Jefferson no banco.

Ao receber o troféu de melhor goleiro da Copa das Confederações, neste domingo no Maracanã, Júlio César decidiu homenagear um outro grande jogador da posição do futebol mundial. O brasileiro subiu no palco da premiação vestindo a camisa do espanhol Iker Casillas, contra que levou a melhor na decisão do título no Rio de Janeiro.

“É um goleiro que respeito muito, ele atravessou agora um momento difícil na carreira, a partir do momento que ele foi para o banco (do Real Madrid). Me vi em um momento parecido com o dele quando deixei a Inter de Milão. Somos dois goleiros de nível internacional, adquirimos um rspeito enorme, e fico feliz de ter jogado contra ele esta final. É um grande goleiro. Foi um momenro de reconhecer tudo aquilo que ele fez pela Espanha e pelo futebol, é um cara que eu admiro”, explicou o brasileiro.

Com contrato com o Queens Park Rangers até 2016, Júlio César ainda tem futuro incerto para a próxima temporada europeia. O desejo do goleiro é retornar para algum clube que dispute a elite dos principais campeonatos da Europa, a Roma, da Itália, aparece como forte candidata a contratá-lo.

Fonte: http://globoesporte.globo.com

São Paulo – Brasil – 23:40

Siga o Batom e Futebol no Twitter, a casa do Futebol Alemão no Brasil: @Batom_efutebol

Follow Batom and Futebol on Twitter, the home of German Football in Brazil:  ‏@Batom_efutebol

JGalvão

Jornal diz que Arsenal está interessado no goleiro Julio César

Julio César comemoração Brasil Uruguai (Foto: Getty Images)Julio César comemoração Brasil Uruguai (Foto: Getty Images)

O goleiro da seleção brasileira Julio César está na mira do Arsenal, segundo o jornal “The Telegraph”. Os Gunners planejam a contratação de um jogador experiente para a posição, e o brasuca seria o nome que mais agrada ao treinador Arsène Wenger. A publicação revela que o clube enviou dois olheiros para a Copa das Confederações, e eles gostaram das atuações do camisa 12, eleito o melhor das semifinais, contra o Uruguai.

Além das boas defesas pela Seleção, Julio César também pula na frente por ser uma contratação barata. O jogador defendeu o Queens Park Rangers na última temporada, mas com a queda da equipe para a segunda divisão, o treinador do time o liberou para assinar com outro clube. O Arsenal, segundo a publicação, teria que pagar 1,5 milhão de libras (R$ 5 milhões) para contar com o goleiro na próxima temporada.

Outros jogadores também estão sendo observados, mas correm por fora. Pepe Reina, do Liverpool, e Asmir Begovic, do Stoke, são opções consideradas pelos Gunners, porém o valor das suas multas rescisórias, avaliadas em 10 milhões de libras (R$ 33,8 milhões), é um empecilho para a concretização do negócio.

Além do Arsenal, a imprensa europeia especula que o Roma também deseja contar com Julio César. O goleiro atuou em grande parte da carreira na Itália, no Internazionalle. Hoje, no entanto, o jogador e sua família estão bem adaptados à capital inglesa, o que seria um diferencial em favor dos Gunners.

Fonte: http://globoesporte.globo.com

São Paulo – Brasil – 00:14

Siga o Batom e Futebol no Twitter, a casa do Futebol Alemão no Brasil: @Batom_efutebol

Follow Batom and Futebol on Twitter, the home of German Football in Brazil:  @Batom_efutebol

JGalvão